Conecte-se agora

Assuero prevê que Alto Acre será a principal região produtora de carnes e grãos do estado

Publicado

em

O presidente da Federação de Agricultura e Pecuária do Acre (FAEAC), Assuero Veronez, saiu da primeira edição da Feira agropecuária Xapuri Rural Show otimista com o futuro da regional do Alto Acre no setor produtivo.

O evento foi realizado pela primeira vez, neste último fim de semana, pelo Sindicato Rural Patronal do município, que está em fase de refundação, com a parceria de diversas instituições e entidades, como o governo do estado e a própria FAEAC.

Para Veronez, a iniciativa foi corajosa e resultou em sucesso, segundo ele, como sempre ocorre com os eventos realizados por quem promove o agronegócio, não apenas pela festa, mas pelos negócios incentivados.

“Xapuri precisava de uma sacudida pra mostrar para as pessoas e poder público que ali é uma região vocacionada para o agro. Xapuri sempre foi identificada como a cidade do extrativismo, notadamente pela presença da Reserva Extrativista, que foi alvo de diversas iniciativas que fracassaram, mesmo com o forte apoio de políticas públicas e apoio internacional.

De acordo com Assuero, a pecuária manteve-se ativa, crescendo em número e qualidade na região. Entusiasmado com a iniciativa do evento que tem a pretensão de mostrar a força do setor naquela região do Acre, ele arriscou que o Alto Acre será, no futuro, o maior produtor de grãos e carne do Acre.

“Hoje estamos assistindo uma nova fase de introdução ao cultivo de grãos, especialmente soja e milho. É um processo importante de fortalecimento da economia local, gerando renda e empregos. O Alto Acre será a principal região produtora de carnes e grãos do Acre. Essa é nossa expectativa e o nosso propósito. Estamos só começando”, disse.

A realização da primeira feira agropecuária de Xapuri foi muito comentada nas redes sociais nesta segunda-feira (27), recebendo muitos elogios e algumas críticas. Nos próximos dias, o Sindicato Rural Patronal deverá divulgar um balanço e fazer uma avaliação da edição inaugural do evento que tem a pretensão de marcar lugar no calendário estadual.

Acre 01

Quase 500 servidores da educação do Acre correm risco de ficar sem salários

Publicado

em

A Secretaria de Educação Cultura e Desporto (SEE) divulgou no Diário Oficial desta terça-feira, 9, uma notificação convocando 470 servidores para a realização do recadastramento obrigatório.

São servidores de vários municípios nascidos no mês de julho e que até o presente momento não fizeram o recadastramento. Com isso, o governo informa que se até a próxima segunda-feira, dia 15, o servidor não comparecer à Coordenação de Vida Funcional da SEE em Rio Branco ou na Representação em seu município, terá o seu salário de setembro bloqueado de acordo com o calendário do governo.

A lista dos servidores da SEE que ainda não fizeram o recadastramento está disponível a partir da página 11 do Diário Oficial de hoje.

Continuar lendo

Acre 01

Mais de 111 mil acreanos recebem hoje Auxilio Brasil que varia entre 605 a R$ 708

Publicado

em

O calendário de pagamentos do Auxílio Brasil em agosto começa nesta terça-feira (9) no Acre com valores que vão de R$605,39, em Acrelândia, a R$708,21 em Santa Rosa do Purus -este um dos maiores valores médios do País neste mês. Mais de 111,1 mil recebem o benefício, acrescido do auxílio-gás, em todo o Estado.

Já estão recebendo beneficiários com o Número de Identificação Social (NIS) com final 1. Os repasses seguem até o dia 22 para o último grupo do mês, com final de NIS Zero

Segundo o Ministério da Cidadania, o Auxílio Brasil atinge em agosto de 2022 o maior patamar da história dos programas de transferência de renda do Governo Federal. Com a inclusão de mais de 2,2 milhões de novas famílias, um total de 20,2 milhões de beneficiários em condição de vulnerabilidade social vai receber o mínimo de R$ 600 neste mês.

A inclusão de mais de 2,2 milhões de famílias de julho para agosto garantiu atendimento pleno de todas as famílias que apresentavam, no Cadastro Único, perfil para serem contempladas. Levando em conta o histórico do Auxílio Brasil, implementado em novembro de 2021, são mais de 7,1 milhões de famílias adicionadas ao longo dos últimos dez meses, outro patamar inédito.

Continuar lendo

Acre 01

Redução das queimadas até 7 de agosto é de 53% no Acre, segundo dados do Inpe

Publicado

em

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) divulgou, na semana passada, nota comemorando a queda nos focos de queimadas no Brasil no primeiro semestre do ano.

Segundo o MMA, somados, “os biomas apresentaram queda de, aproximadamente, 3,5% em relação ao mesmo período de 2021”.

A queda, de acordo com a pasta ambiental, deveu-se aos esforços do Governo Federal no combate aos incêndios e no aumento do efetivo de brigadistas.

No Acre, a redução, de acordo com os dados do programa Queimadas, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), é de 53%. São 491 focos detectados neste ano, até 7 de agosto, contra 1.061 do ano passado.

No entanto, o período mais seco do ano para a maioria dos biomas brasileiros, como Amazônia, Pantanal, Mata Atlântica e Caatinga, quando há maior número de queimadas, é compreendido entre agosto e novembro.

No Acre, em 2021, os meses de agosto, setembro e outubro somaram, respectivamente, 3.185, 3.982 e 1.118 focos de queimadas.

Até o momento, os municípios acreanos com os maiores registros de queimadas são: Feijó (107 – 28% do total); Tarauacá (54 -11% do total); Rio Branco (37 – 7,5% do total); Xapuri (37 – 7,5% do total); e Manoel Urbano (34 – 6,9% do total).

A Reserva Extrativista Chico Mendes é a Unidade de Conservação Federal com o maior índice – são 43 focos, o que corresponde a 64,2% do total. Em seguida estão as Reservas do Alto Juruá, com 11 focos de queimadas e do Cazumbá Iracema, com 8 focos.

Continuar lendo

Acre 01

Com final de Rodeio e show de Wesley Safadão, Expoacre fecha programação neste domingo

Publicado

em

A maior feira de negócios e entretenimento do Acre encerra a sua programação neste domingo (7) em uma noite que promete ser uma das melhores dos nove dias do evento que voltou a ser realizado depois de dois anos por conta da pandemia.

E para encerrar em grande estilo, a organização conta com o show nacional do cantor Wesley Safadão, um dos maiores nomes do estilo conhecido como “forró pop”, para abrilhantar a noite que também tem o grande encerramento do Rodeio.

Dono dos hits “Ar-condicionado no 15”, “Ele é ele, eu sou eu” e “Tchuco nela”, Safadão prometeu pelas redes sociais fazer um “showzaço” e levantar o público na arena Amilton Brito .

O encerramento da festa deste ano já contou, neste domingo, com a 4ª Corrida Expoacre, a final da prova da vaquejada. A grande final do Rodeio começa a partir das 19 horas com expectativa de grande público, como ocorreu na fase preliminar.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!