Conecte-se agora

Bocalom é citado por participante de evento de Bolsonaro nos EUA: “dá um alô para o Acre”

Publicado

em

O Acre foi lembrado durante um evento do presidente Bolsonaro nos Estados Unidos que levou uma grande quantidade de pessoas às ruas, em local não indicado.

A menção específica, no entanto, foi ao prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, do Progressistas.

“Presidente, dá um alô para o Acre! Um abraço para o prefeito Tião Bocalom”, diz um dos participantes em meio à multidão.

Em sua página no Instagram, o prefeito da capital acreana não perdeu a oportunidade de compartilhar o registro.

“Evento de Bolsonaro nos EUA leva multidão às ruas, e participantes gritam o nome de Bocalom e pedem alô para o Acre”, postou o gestor municipal.

Em Los Angeles, nos Estados Unidos, o governante brasileiro participou da Cúpula das Américas e se encontrou com o presidente americano Joe Biden.

Acre 01

Bittar diz a emedebistas que não vai mais procurar Gladson e sinaliza candidatura própria

Publicado

em

O senador licenciado Márcio Bittar (União Brasil) resolveu jantar na noite deste sábado, 25, no Jarude Restaurante, localizado no bairro Aviário, em Rio Branco, com a cúpula do MDB formada pelo dirigentes Aldemir Lopes, Vagner Sales, João Correia e o vice-governador Major Rocha.

Bittar levou um vinho para o encontro enquanto os emedebistas pediram um combinado árabe e porções de quibe frito. Apesar das iguarias, o prato principal da prosa foi política com o tempero apimentado das eleições de 2022.

Na roda, Bittar, que havia horas antes exposto, por meio de seus interlocutores, que o governador Gladson Cameli havia convidado a sua ex-esposa Márcia Bittar (PL) para ser vice na chapa do governo, revelou ao ao grupo que o cercava que não iria mais procurar o chefe do Palácio Rio Branco, pois a questão já estaria resolvida. “Se ele cumprir o que prometeu, eu vou com ele. Se não cumprir, eu posso me lançar ao governo”, disse.

Ao cogitar candidatura própria, os dirigentes emedebistas, que tem como-candidata ao governo a deputada federal Mara Rocha, agiram rápido e já soltaram a seguinte frase: “Que legal, quem sabe você e a Mara possa ir para o segundo turno”. Com a reação do MDB, Bittar esperava que conversa com o Glorioso pudesse ganhar outros contornos, mas não passou dali e nem os dirigentes também propuseram nenhum aliança já que a primeira opção dele é ser candidato caso Camelo não cumpra a palavra.

Continuando a conversa, Rocha, que irmão de Mara, disse apenas que se Bittar fosse candidato, que deveria ser pactuado um acordo de não agressão, pois o adversário de ambos é o governador Gladson. Bittar concordou.

Proseando ainda mais, Bittar revelou que tem sobre sua órbita partidos União Brasil, PL, Republicanos e até mesmo o PSDB e colocou na mesa novamente que o deputado federal Alan Rick (União Brasil) só seria candidato ao senado, se ele quisesse, reforçando que a influência do atual chefe do Palácio Rio Branco em Brasília é praticamente zero. “Está queimado com muita gente e o Alan não conseguiu tomar o partido”, disse.

O jantar terminou por volta da meia-noite. Bittar e os emedebistas se despediram e logo em seguida, via WhatsApp, os dirigentes falaram sobre suas impressões sobre o encontro, adotando uma postura de espera para o que vai acontecer nos próximos dias.

Continuar lendo

Acre 01

No Acre, clube celebra o Dia Mundial do Fusca, o carro mais amado pelos brasileiros

Publicado

em

O carro mais famoso de todos os tempos tem o seu dia mundial comemorado em 22 de junho. Em várias partes do mundo, aficionados do icônico veículo se reúnem para celebrar a data e compartilhar histórias de vida que têm o Fusca como personagem.

No Acre, não poderia ser diferente. Em Rio Branco, o Fusca Clube Acre, que existe desde 2014, reúne apaixonados pelo carro que se eternizou no coração de um número gigantesco de pessoas.

No estacionamento da loja Havan, na capital, duas filas de Fuscas e um amontoado de pessoas curiosas e apaixonadas pelo “Carro do Povo”. A conversa em torno do evento não poderia ser outra, senão a importância do carro mais amado pelos brasileiros.

O encontro rendeu ótimas entrevistas e histórias inusitadas com aquele tom de brincadeira séria que só o Kennedy sabe conduzir. Em uma delas, o videomaker do ac24horas perguntou: amigo, em um momento de angústia onde tivesse que optar por salvar a namorada ou Fusca, quem salvaria?

Assista ao vídeo para saber a resposta:

video
Continuar lendo

Acre 01

Secretário de Bocalom está na UTI do Santa Juliana e vai precisar receber pontes de safena

Publicado

em

O Secretário de Comunicação de Rio Branco, o jornalista Ailton Oliveira, foi transferido nesta sexta-feira, 24, para uma UTI do Hospital Santa Juliana após sofrer um infarto. Oliveira deveria ter passado por um cateterismo, mas suas condições de saúde não permitiram o procedimento. “Não foi possível fazer o cateterismo, os médicos informaram que as veias do coração estão muito debilitadas para suportar qualquer stent”, reportou ao ac24horas Melissa Jares, esposa do Secretário de Comunicação.

Por conta do estado delicado de saúde e a orientação médica de não fazer nenhum tipo de esforço, Aílton Oliveira foi transferido para uma UTI do Hospital Santa Juliana. A decisão dos médicos é estabilizar o seu quadro de saúde para nos próximos dias receber três pontes de safena. “A única forma de segurar essas artérias é com ponte de safena. São três que ele precisa, mas para isso ele tem que ficar agora na UTI cardíaca, já que não pode fazer nenhum movimento brusco”, informou Melissa.

Ailton Oliveira tem 51 anos é jornalista com passagens por diversos veículos de comunicação de Rio Branco e até em outros estados e desde janeiro do ano passado é Secretário de Comunicação da Prefeitura de Rio Branco.

Continuar lendo

Acre 01

Desembargador Pedro Ranzi se despede da Câmara Criminal e se aposentará no fim de junho

Publicado

em

A sessão da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) realizada nesta quinta-feira, 23, marcou a despedida do desembargador Pedro Ranzi do órgão. No final deste mês, Ranzi recebe a aposentadoria, depois de completar os 75 anos de idade e 34 de carreira jurídica.

O magistrado gaúcho, natural de Espumoso, interior do Rio Grande do Sul, é dono de uma extensa contribuição, não apenas para o Judiciário acreano, mas ao Estado do Acre, pois ocupou cargos públicos como secretário e prefeito em Cruzeiro do Sul, assim como de professor na Universidade Federal do Acre (Ufac).

Na Ufac, Ranzi se formou em Direito. Na cidade acreana de Cruzeiro do Sul foi Secretário Geral do Município em 1970 e prefeito no ano seguinte. No âmbito acadêmico, coordenou o curso de Direito da UFAC e chefiou a assessoria jurídica da mesma Universidade.

Em entrevista realizada pela Gerência de Comunicação do TJAC (DIINS/GECOM), ele disse que é difícil fazer uma medida dos 34 anos de atuação na Justiça acreana. “Não tem como quantificar, são muitos anos, 34 anos de julgamentos”, afirmou.

Ranzi presidiu a última sessão como membro da Câmara Criminal prestando homenagens a colegas do meio jurídico, agradecendo a todos por meio de seus dois colegas no órgão julgador, os desembargadores Samoel Evangelista e Denise Bonfim, oferecendo a eles placas de agradecimento.

A desembargadora Denise Bonfim agradeceu e disse o quanto vai sentir saudades de encontrá-lo todo dia cedo.

“Eu só quero agradecer a convivência, desde que entrei no Poder Judiciário em 1993, você só me ajudou esse tempo inteiro. Aprendi muito contigo, quando entramos, não sabemos de nada e você era o juiz da Vara de Tóxicos, Delitos e Trânsito, e você me ensinou muito. Nós nos socorríamos de ti e você sempre nos ajudou”.

O procurador de Justiça Sammy Lopes também reconheceu a conduta e postura do desembargador, usando versos do escritor Bertolt Brecht.

“Há homens que lutam um dia e são bons, há outros que lutam um ano e são melhores, há os que lutam muitos anos e são muito bons. Mas, há os que lutam toda a vida e esses são imprescindíveis”.

Depois de uma longa manhã de trabalho, com vários julgamentos, sustentações orais, onde os advogados e advogadas também aproveitavam para prestar homenagens ao magistrado, Pedro Ranzi declarou encerrada a sua última sessão à frente da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Acre.

Com informações do Portal do TJAC.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!