Conecte-se agora

Palco Giratório 2022 será em formato inédito

Publicado

em

Entender o suporte digital como espaço de convívio, investir em inovadoras propostas virtuais de artistas brasileiros com transmissões diferenciadas e exibições em diversas plataformas on-line: essa será a tônica do Palco Giratório 2022.

O público será apresentado a 12 obras cênicas digitais e 1 proposta de mediação cultural produzidas no período da pandemia de Covid-19. O Palco Giratório vai revisitar e permitir a experimentação de tais obras como oportunidade para refletir sobre os impactos dessas criações, que usaram meios digitais na produção cênica.

As transmissões serão diferenciadas, mas todas ocorrerão em ambiente virtual. São trabalhos que envolvem dança, circo, teatro e até games. Alguns deles reúnem várias manifestações artísticas, como a plataforma de streaming ‘PAN-PLAY’ (AM), contribuindo com a visibilidade de manifestações artísticas da região norte brasileira.

“Uma das marcas do Palco Giratório é a aposta em artistas e trabalhos que fazem mover ideias pelo Brasil. Hoje, mesmo com o retorno dos espetáculos de forma presencial, a proposta é revisitar experiências artísticas que abraçaram os meios digitais como instrumentos para manter viva a produção cênica brasileira no período mais severo do isolamento social. Nos interessa perceber como essas produções dialogarão com os públicos neste novo contexto. O que fica depois dessa vivência digital tão intensa?”, comenta Raphael Vianna, analista de cultura do Departamento Nacional do Sesc.

A programação do Palco Giratório 2022

O projeto será realizado em quatro etapas, entre maio e novembro. Em cada uma, três trabalhos serão apresentados. Além das exibições de espetáculos, haverá ‘ativações cênicas’, conversas digitais com os artistas antes da estreia dos trabalhos na programação, ‘intercâmbios’ online entre os artistas nacionais e locais, oficinas de crítica com o QUARTA PAREDE (PE), que percorrerá todas as etapas, e participará dos ‘Pensamentos Giratórios’, rodas de conversa que fecham cada etapa, onde os artistas desta edição debatem sobre os trabalhos e o cenário das artes cênicas.

O lançamento do Palco Giratório será com o espetáculo ‘(DES)MEMÓRIA’, de Yara de Novaes (MG), dia 11 de maio. Este espetáculo tem a particularidade de ser um game, um jogo teatral virtual que se propõe a investigar o passado familiar e refletir sobre representatividade e embranquecimento no Brasil. O jogo fica hospedado no site do Teatro em Movimento até 31 de maio.

Em 2022 serão realizadas 162 apresentações artísticas e 200 ações formativas. Também ocorrerão apresentações de artistas e grupos locais, em formato digital ou presencial, nos estados brasileiros e no Distrito Federal. Ao longo do ano, será mobilizado um conjunto aproximado de 103 coletivos artísticos de todo o país.

A programação completa pode ser acessada clicando aqui

Diversidade presente no Palco Giratório

“A mudança de formato acontece, mas o olhar sobre a diversidade continua. Nesta edição, contaremos com artistas e produções de diversas linguagens e regiões brasileiras. Vamos ter websérie de palhaços, trabalhos imersivos no youtube e também com tecnologia 3D. Teremos trabalhos gravados, outros exigem interação do público de imediato. O que vimos é que a transmissão on-line e por redes amplia o acesso dos públicos em relação ao modelo pré-pandemia, que era sempre presencial. A tecnologia permite um alcance maior das manifestações artísticas, que podem ser acessadas até do exterior”, explica Vicente Pereira Júnior, analista de cultura do Departamento Nacional do Sesc.

Para mais informações, acesse o site: www.sesc.com.br/palcogiratorio.

Destaque 6

Confira a galeria de fotos da terceira noite da ExpoAcre 2022

Publicado

em

As fotos são de Sérgio Vale/ac24horas:

Continuar lendo

Destaque 6

Basa abre inscrições para editais de patrocínios 

Publicado

em

O Banco da Amazônia abre nesta segunda-feira, dia 01, as inscrições para o Edital de Seleção Pública de Patrocínio para o ano de 2023, em sua 14ª edição. Serão mais de R$ 3 milhões disponibilizados para incentivar projetos nas áreas social, ambiental, cultural, esportiva, feiras, exposição e eventos.

Na edição de 2022, foram inscritos 607 projetos, sendo que 93 foram classificados, de acordo com os critérios estabelecidos no edital e na avaliação feita pela equipe de técnicos da Coordenadoria de Patrocínio.

As inscrições para o novo edital são gratuitas e devem ser encaminhadas, exclusivamente, para o e-mail: [email protected] Poderão se inscrever pessoas físicas e jurídicas com endereço fixo na área de atuação do Banco da Amazônia em todos os estados da Amazônia Legal.

Para o Edital de Pautas serão contemplados os projetos das seguintes modalidades: desenho, pintura, fotografia, grafite, técnicas mistas, esculturas, instalação, objeto, videoinstalação e novas tecnologias. Por meio deste edital, será destinado o valor de R$ 25.000,00 para cada projeto selecionado. As inscrições podem ser realizadas exclusivamente pelo e-mail, [email protected]

“A seleção dos projetos inscritos levará em conta a relevância conceitual e temática, inovação, impacto social, viabilidade técnica e estarem aderente ao posicionamento mercadológico e estratégico do banco”, informa” o secretário executivo do Basa, Alcir Bringel Erse.

Os editais estarão disponíveis a partir de 01 de agosto no sítio https://www.bancoamazonia.com.br/index.php/o-banco/patrocinio até o dia 16.09.2022. Serão aceitas as inscrições realizadas por via eletrônica, até às 23h59 do dia 16.09.2022.

Os projetos que forem selecionados no certame, terão seus nomes divulgados no sítio do banco até o dia 30.11.2022.

Serviço da Assessoria de Imprensa:

Inscrições abertas para os Editais Público de Patrocínio 2023 do Banco da Amazônia Período de inscrições: de 01/08/2022 a 16/09/2022.

Dúvidas podem ser encaminhadas para o e-mail: [email protected]

Continuar lendo

Destaque 6

Policial reage a assalto em farmácia, mata um e fere outro a tiros

Publicado

em

O assaltante José Antônio da Silva, de 48 anos, foi morto com um tiro e Emerson Almeida da Silva, de 24 anos, ficou ferido após tentarem roubar a Farmácia do Consumidor na noite desta segunda-feira, 1°, na avenida Castelo Branco, situada no Centro do município de Senador Guiomard, distante 27 km da capital acreana.

De acordo com informações, um policial estava efetuando o pagamento no caixa da farmácia quando um criminoso entrou no estabelecimento e anunciou o assalto. O policial reagiu e entrou em luta corporal com o bandido. O segundo criminoso, também armado, derrubou o policial e ambos começaram a agredi-lo com chutes, socos e coronhadas. A vítima reagiu, puxou sua arma de fogo e efetuou dois tiros. Um projétil atingiu o abdômen do criminoso José Antônio e outro feriu de raspão a cabeça do bandido Emerson Almeida, que foi em seguida preso.

A ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada e quando os paramédicos chegaram ao local nada puderam fazer pelo assaltante José Antônio, que já se encontrava morto.

A farmácia foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos do Perito em criminalística. O corpo de José Antônio foi removido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) em Rio Branco para os exames cadavéricos.

Na delegacia, os Policiais descobriram que os dois bandidos são foragidos da justiça por ter cortado a tornozeleira eletrônica e que Emerson já havia assaltado a mesma farmácia. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Continuar lendo

Destaque 6

Puramente acreana, cerveja Altaneira é um das atrações da feira

Publicado

em

O mestre cervejeiro Daniel Izidro, da cervejaria acreana Altaneira, foi um dos entrevistados da noite na transmissão do ac24horas desta segunda-feira na Expoacre 2022, conduzida por Marcos Venícios e Jocely Abreu.

A marca está com stand montado dentro do parque de exposições, apresentando um produto que promete qualidade e frescor, além de carregar um selo puramente acreano.

Izidro explicou detalhes interessantes como o significado do nome da cerveja, que vem da Estrela Altaneira, da Bandeira Acreana, e do símbolo, que representa a Serra do Divisor.

Na sua primeira vez na Exposição, a Altaneira está apresentando duas opções de chopp, o pilsen e o premium, produzidos com água acreana e, segundo Daniel, sem conservantes e outros produtos do tipo.

Outro detalhe interessante explicado pelo mestre cervejeiro é a diferença entre o chopp e a cerveja, que está exatamente no fato de a primeira opção ser um produto fresco, sem pasteurização, processo que ocorre com a cerveja.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!