Conecte-se agora

Após alfinetada de Petecão, governador garante recursos para investimento no Estado

Publicado

em

Nesta terça-feira, 3, o senador e coordenador da bancada federal do Acre, Sérgio Petecão, fez duras críticas ao governo de Gladson Cameli, pela lentidão na manutenção e recuperação dos ramais do Estado. Segundo ele, dos R$94 milhões garantidos em 2017 para a realização desta iniciativa, apenas R$26 milhões foram pagos, isso porque os valores só são liberados conforme os avanços das obras.

No mesmo dia, em Brasília, o governador participou de uma audiência com o secretário de Governo da Presidência da República, ministro Célio Faria Júnior, e garantiu agilidade na liberação de recursos para diversas áreas prioritárias, como saúde, educação e infraestrutura.

No encontro, Gladson apresentou a relação de convênios estaduais que estão aptos a receber os benefícios e solicitou informações sobre o que está pronto para as referidas liberações. Os custos, que ainda não foram divulgados, serão provenientes de emendas parlamentares ao Orçamento-Geral da União (OGU).

O inverno Amazônico foi uma das urgências declaradas pelo governador, que esclareceu que sua duração é longa, por isso tinha a necessidade de aproveitar o período do verão para realizar obras no estado.

Em agradecimento ao apoio recebido em todos os pleitos que são solicitados ao governo federal e sempre atendidos, Gladson Cameli, destacou ainda, a importância do suporte da bancada de parlamentares federais acreanos, que por seus trabalhos e indicação, as emendas chegam até o Estado.

“Meu foco é a gestão, garantindo a melhoria da vida das pessoas. É por isso que luto, que corro em todo lugar e que preciso do apoio de todos. Agradeço muito toda ajuda, especialmente do governo federal e da nossa bancada nesse sentido”, disse.

O ministro explicou que “os pleitos solicitados pelo governador, são de extrema importância”, reforçou a determinação do governo federal em contribuir para levar benefícios para a população e se comprometeu a fazer um levantamento e apresentar uma lista com os recursos prontos para as respectivas liberações para o Acre.

Cotidiano

Protótipo de viaduto é retirado da Expoacre após público transitar pela estrutura sem permissão

Publicado

em

O governo do Acre decidiu retirar do Parque de Exposições Wildy Viana a estrutura que representa o Complexo Viário Avenida Ceará/Avenida Getúlio Vargas, a qual tinha como intuito expor, em formato grande, como será o primeiro viaduto estadual.

Segundo a Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra), a retirada visa promover a segurança de todo o público da Expoacre 2022, já que estavam havendo atos constantes de desobediência e desrespeito. “Diversos indivíduos estavam subindo em uma estrutura que não foi construída para suportar o peso da circulação de pessoas e, principalmente, de carros e motos”, afirma o gestor da Seinfra, Cirleudo Alencar.

A Seinfra garante ter colocado diversos limites para evitar que pessoas subissem na estrutura que não suporta peso elevado, entretanto, muitos seguiram arriscando suas vidas e gerando também um risco à segurança dos demais presentes na maior feira de agronegócios do estado.

Continuar lendo

Cotidiano

Filho de Heloy de Castro crítica palco na ExpoAcre e FEM diz que músico não atraí público

Publicado

em

O músico Bala Padula, conhecido no meio artístico de Rio Branco e filho do cantor e compositor Heloy de Castro, usou as redes sociais para tecer fortes críticas à direção da Fundação Elias Mansour (FEM) por conta do local onde foi montado o palco para apresentação de artistas locais durante a Expoacre 2022.

Bala afirma que o palco é uma vergonha cultural e cita falta de profissionalismo, de produção e falta de respeito com os artistas locais. “Palco escondido, produção escondida, carros passando onde supostamente teria público e muita vergonha alheia”, escreveu.

O ac24horas entrou em contato com o presidente da FEM. Manoel Pedro Gomes, o Correinha, que respondeu às críticas do músico. “Tem coisas difíceis de entender. Estamos dando a oportunidade para mais de 50 músicos acreanos se apresentarem, o que nunca aconteceu. O que não é minha culpa é se o artista não consegue atrair público. Esse povo que reclama é o mesmo que se beneficia sempre dos nossos editais e é sempre beneficiado”, afirma Correinha.

Continuar lendo

Cotidiano

Acre não registra nenhum caso de Covid ou mortes pela doença nesta quarta-feira

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), informa que não foram registrados novos casos de coronavírus nesta quarta-feira, 3, de agosto. O número de infectados notificados é de 144.730 em todo o estado.

Nenhum óbito foi notificado nesta quarta, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 permaneça em 2.018 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 350.495 notificações de contaminação pela doença, sendo que 205.741 casos foram descartados e 24 exames de RT-PCR aguardam análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 126.549 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que 25 continuavam internados até o fechamento deste boletim em todo o Acre.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS) e estão sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Continuar lendo

Cotidiano

Governo nega suspensão de exigência de comprovação de vacinação na Expoacre

Publicado

em

Foto: Sérgio Vale

O governo do estado, por meio do diretor de comunicação Jefson Dourado, negou na manhã desta quarta-feira (3) que a exigência da comprovação de vacinação para a entrada na Expoacre tenha sido suspensa.

Na noite desta terça-feira (2), o repórter Saimon Martins, do ac24horas, mostrou em transmissão ao vivo que a entrada na Parque de Exposições Wildy Viana ocorria de maneira mais ágil que na noite anterior em razão da exigência não estar acontecendo.

De acordo com Dourado, as carteiras permanecem sendo solicitadas. Segundo ele, a maior rapidez no acesso ao parque se deu em razão de o governo ter aumentado a quantidade de agentes responsáveis pela fiscalização.

“Aumentamos o número de seguranças para ajudar a acelerar o processo de fiscalização e garantir um acesso mais rápido do público ao Parque de Exposições”, explicou.

Contudo, nas imagens mostradas ao vivo pelo repórter, por volta das 20 horas, é possível ver que pessoas ingressavam no parque sem serem solicitadas pela carteira, mesmo com a presença dos seguranças responsáveis por esse trabalho.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!