Menu

Pesquisar
Close this search box.

Floresta do Parque Zoobotânico da Ufac é avaliada 35 anos após plantio

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O técnico-administrativo do Parque Zoobotânico (PZ) da Ufac, Harley Araújo da Silva, o professor Thiago Augusto da Cunha (Centro de Ciências Biológicas e da Natureza) e a professora Veronica Telma da Rocha Passos (PZ) publicaram, em inglês, o artigo científico intitulado “Survival and Natural Regeneration of Forest Essences Cultivated in Altered Areas Thirty-Five Years After Planting” (Sobrevivência e regeneração natural de essências florestais cultivadas em áreas alteradas 35 anos após o plantio).


Em geral, a taxa de sobrevivência foi de 13%. A pesquisa foi realizada no Parque Zoobotânico e aborda a avaliação de parte do experimento Arboreto, instalado no PZ há quase quatro décadas. Os autores avaliaram o estado atual da sobrevivência e regeneração natural de espécies arbóreas plantadas no Arboreto na década de 1980, identificando hoje as espécies melhor estabelecidas na área, visando a sua recomendação de uso em plantios com fins de recomposição florestal de áreas alteradas.


“Esse artigo é fruto de minha dissertação de mestrado. Nesse processo tentei aliar a minha qualificação profissional e trazer um resultado para o meu ambiente de trabalho, no caso o PZ, com a avaliação da parte de um experimento aqui instalado na década de 1980”, disse Harley Araújo da Silva.

Anúncios


O artigo foi publicado em janeiro de 2022 na “Revista Floresta”, periódico científico editorado pela Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná em convênio com a Universidade Federal do Paraná.


Criado em 1983, o Parque Zoobotânico da Universidade Federal do Acre (Ufac) reúne em uma área de 144 hectares com espécies animais e vegetais, constituindo a maior área verde dentro do perímetro urbano da capital.


O parque fica no campus da Universidade em Rio Branco e recebe todos os dias pesquisadores e alunos de diversas áreas como a biologia, engenharia florestal e geografia, sendo um dos maiores campos de estudo a céu aberto do país.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido