Menu

N. Lima afirma que é maioria entre vereadores que PL do Abono inclua servidores de apoio

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O presidente da Câmara de Rio Branco, N. Lima (Progressistas), comentou a polêmica na noite desta quinta-feira, 9, envolvendo o Projeto de Lei Complementar (PLC) que dispõe sobre a concessão de abono salarial para os profissionais da educação básica da rede pública de ensino.


As declarações foram dadas ao Boa Conversa, exibido pelo ac24horas.


Durante a entrevista, o parlamentar fez indagações a Prefeitura de Rio Branco (PMRB) já que existe um entendimento do Tribunal de Contas do Estado que permitiu ao Governo do Acre e municípios incluíssem os servidores de apoio no pagamento do abono com a sobra do Fundeb.

Publicidade

“A gente chamou o presidente da CCJ e pediu que ele desse uma olhada já que o TCE tinha dado autorização para o governo fazer para todos. Porque a prefeitura não faz junto? Não é preciso de dois PLs, só um contempla todos os servidores. O Fundeb é para todos. O debate foi muito acirrado e oito vereadores se manifestaram a favor da inclusão dos demais”, afirmou.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido