Conecte-se agora

Por combate à fome, Thaumaturgo é finalista do Prêmio Espírito Público

Publicado

em

O município de Marechal Thaumaturgo é finalista do Prêmio Espírito Público, uma iniciativa de várias organizações, incluindo a Fundação Lemann, que visa valorizar as ações que melhoram os serviços públicos. A escolha é pelo voto popular.

A votação se encerra no dia 11 de dezembro e o resultado será divulgado na cerimônia de premiação 2021, em 15 de dezembro, 18h, no YouTube.

Além de Thaumaturgo, outras cinco iniciativas estão concorrendo ao prêmio, todas atuando contra a fome e a insegurança alimentar. Thaumaturgo se destacou porque não deixou faltar merenda aos estudantes mesmo com as aulas remotas nesta pandemia -ao mesmo tempo manteve a aquisição de alimentos da agricultura familiar.

Nesse contexto, a Prefeitura de Marechal Thaumaturgo gesta o Programa Nacional de Alimentação Escolar, no âmbito, da Secretaria de Educação visando contribuir para o crescimento, desenvolvimento da aprendizagem, rendimento escolar e formação de hábitos saudáveis dos alunos, por meio de ações de educação alimentar e nutricional e da oferta de refeições elaboradas com alimentos adquiridos da agricultura familiar e de povos tradicionais (ribeirinhas, quilombolas e indígenas), e assim, garantir o atendimento das necessidades nutricionais no ambiente escolar do município de Marechal Thaumaturgo.

De forma complementar a gestão do Programa no município tem como objetivo incentivar por meio da geração de renda, a permanência das famílias ribeirinhas, assentados da Reforma Agrária, moradores da Reserva Extrativista do Alto Juruá e Indígenas na Unidade de Produção Familiar – UPF. Para tanto, a prefeitura oferece apoio técnico aos agricultores no diagnóstico de sua cadeia produtiva e orientação técnica para participação de um chamamento público, viabilizando a entrada de recursos nessas comunidades, ao adquirir diretamente os gêneros alimentícios produzidos de forma sustentável.

O Programa atendeu ao longo desses anos mais de 30 Escolas na Zona Urbana e Rural totalizando 5.070 alunos matriculados e contemplando de forma direta e indireta, mais de 200 famílias que fornecem gêneros alimentícios da agricultura familiar para o município.

Com as aulas remotas o acesso às refeições foi garantido pela prefeitura, que planejou e executou a logística de entregas dos gêneros alimentícios, de acordo com o cardápio escolar, não comprometendo assim, o acesso a alimentação saudável pelos alunos matriculados e sua família, bem como escoamento de produtos dos agricultores familiares evitando também desperdícios.

Só neste ano a gestão do programa garantiu a entrega de 1.865 kits feitos com a compra de Produtos da Agricultura Familiar.

Para obter melhores informações e votar em Marechal Thaumaturgo acesse: https://premioespiritopublico.org.br/votacao-instituicoes-que-transformam/

Cotidiano

Rio Branco terá Especial Aerosmith com banda paulista Fever neste sábado

Publicado

em

Diretamente de São Paulo, o grupo Fever chega a Rio Branco, neste sábado, 03, para o Especial Aerosmith, no A Confraria, às 22h.

Considerado um dos principais cover da banda norte-americana de rock, Jedai W Rock e os integrantes estão na estrada há mais de 20 anos e possui mais de 3000 shows realizados em todo o país, na América Latina e Europa.

No repertório, os grandes sucessos conhecidos mundialmente há mais de 50 anos, como as músicas ‘Dream On’, ‘I Don’t Wanna Miss A Thing’, ‘Crazy’ e muitas outras.

Para mais informações e vendas de ingressos, entrar em contato com o número (68) 99973-5138. O evento tem apoio do grupo Metal Friends.

Continuar lendo

Cotidiano

Shopping lota área de alimentação, mas esvazia corredores em jogo do Brasil

Publicado

em

A Seleção Brasileira volta a campo, pela terceira rodada da Copa do Mundo do Catar, nesta sexta-feira, 2, às 14h, no estádio Lusail, em Doha. No Via Verde Shopping os torcedores chegaram cedo e lotaram a praça de alimentação do estabelecimento.

O jogo que define a posição da seleção no grupo G que, provavelmente, deve pegar a Coreia do Sul na próxima segunda-feira, 5, também às 14h.

No shopping, com um tempo agradável, os torcedores vestidos de verde e amarelo fizeram previsões quatro ao placar. José Estevão, 40 anos, motorista de aplicativo, acredita que a seleção deverá vencer de goleada. “No mínimo 4 a 0”, comentou.

Devido ao jogo do Brasil, as lojas do estabelecimento estão fechadas devido ao baixo número de clientes – que estão ligados no jogo da Copa do Mundo.

Continuar lendo

Cotidiano

Prêmio Mude o Mundo Como uma Menina tem finalistas do Acre

Publicado

em

Neste sábado, 3 de dezembro, a plataforma educacional Força Meninas anuncia as vencedoras da quarta edição do prêmio Mude O Mundo Como Uma Menina. A seleção das ganhadoras foi feita por mulheres profissionais, que são referência nas áreas de STEM (sigla em inglês para ciência, tecnologia, engenharia e matemática).

Com o objetivo de premiar soluções transformadoras elaboradas por meninas de 13 a 21 anos de todo o Brasil, o projeto incentiva iniciativas desenvolvidas inicialmente para as comunidades das candidatas e consequentemente para todo o mundo.

Foram indicadas cinco concorrentes em cada uma das categorias: criativa, líder, determinada, pioneira, visionária, mobilizadora (categoria nova, a ser disputada apenas por ex-premiadas).

Para a categoria Juntas Somos Força, que premiará seis projetos de coletivos com potencial de crescimento e impacto, foram selecionadas dez finalistas, sendo que cinco ganhadoras serão escolhidas pelo júri e uma pelo voto popular.

O Acre tem finalista em duas categorias, Karen Loiane Silva de Souza, de Cruzeiro do Sul, na categoria Criativa; e Larissa Cunha Borges, Rio Branco, na categoria Determinada.

Premiação

Por meio do apoio institucional do consulado do Canadá e das empresas ERM Consultoria em Sustentabilidade e Banco Original, além do apoio da Secretaria Municipal de Juventude de Fortaleza e da Unidade de Educação Básica (UNIEB) Santa Maria Distrito Federal, a ação premiará as ganhadoras das categorias individuais com a quantia de R$ 5 mil, para ser investida em sua liderança, e a participação em um programa de doze semanas que engloba curso e mentoria.

Força Meninas é uma plataforma de impacto social cuja missão é fortalecer o potencial das meninas, capacitando-as com as habilidades necessárias para que sejam protagonistas das oportunidades futuras.

Com esse propósito, fomenta a transformação na vida das meninas brasileiras, apoiando a construção de um novo futuro para elas. Desde sua criação em 2016 já são mais de 52 mil meninas sensibilizadas em 23 estados e 29 cidades no Brasil.

Com informações da Agência Lema – Assessoria de Comunicação.

Continuar lendo

Cotidiano

Técnicos da Sepa e Emater participam de intercâmbio sobre produção de café em RO

Publicado

em

O crescimento da cultura cafeeira no Acre passa pela melhoria das técnicas de produção, o que só é possível graças a uma assistência técnica de qualidade. Por isso, cerca de 17 técnicos da Secretaria de Produção e Agronegócio do Acre (SEPA) e da Emater/AC, participaram nos últimos três dias de uma excursão técnica da cadeia produtiva do café no estado de Rondônia.

A escolha do estado vizinho não é à toa, pois Rondônia tem a quinta maior produção de café do país. Outro dado que comprova a força da cultura cafeeira é o município de São Miguel do Guaporé, que foi o terceiro maior produtor do Brasil, com 44 mil toneladas na safra deste ano.

A capacitação dos técnicos acreanos, que começou na última terça feira, 29, incluiu visitas a áreas produtivas, campos experimentais da Embrapa, viveiristas e agroindústrias de café da agricultura familiar nos municípios de Ouro Preto do Oeste, Alta Floresta do Oeste, Rolim de Moura e Cacoal.

“Devido ao crescente aumento da cadeia cafeeira, nós precisamos ainda mais de qualificação. Esse intercâmbio foi de extrema importância para que possamos conduzir os processos produtivos que envolvem qualidade no cultivo, pós-cultivo e comercialização. Agora, vamos conseguir agregar ainda mais qualidade aos nossos produtores de café”, afirma Michelma Lima, agrônoma da SEPA.

A cultura cafeeira no Acre tem apresentado expressivo crescimento ao longo dos últimos anos, apesar de ainda ser considerada extremamente pequena em relação ao potencial acreano para o café. Em 2022, a produção total ainda não foi divulgada pelo IBGE. No ano passado, a produção foi de 2.141 toneladas, o que representou cerca de 36 mil sacas de café beneficiadas.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.