Menu

Bocalom estuda criar mais uma secretaria e novos cargos na gestão

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), pode enviar uma pequena ‘reforma administrativa’ até o final deste ano para a Câmara de Vereadores de Rio Branco. As informações são de bastidores, mas foi confirmada pela secretária de planejamento, Neiva Tessinari, nesta quinta-feira (25).


De acordo com informações, a reforma será pequena em comparação a da então prefeita Socorro Neri (PSB) quando assumiu a gestão do ex-prefeito, Marcus Alexandre, derrotado na disputa do Governo do Acre em 2018 para o então senador, Gladson Cameli (Progressistas).

Publicidade

À época, a reforma de Socorro reduziu o número de secretarias de 16 para 11 e resultou na demissão de 132 pessoas em cargos de comissão. Segundo um assessor próximo ao prefeito, a reforma será apenas para reajustar umas áreas que ficaram deslocadas na reforma da ex-prefeita.


Ao ac24horas, a secretária de planejamento, Neiva Tessinari, confirmou a elaboração de uma nova reforma administrativa, mas não deu data definitiva para que seja encaminhada à Câmara, cogitando a possibilidade de envio para 2022. Por razão de ainda estar em fase de elaboração, a gestora não citou quantos cargos poderiam ser criados nessa reforma.


“Existe uma proposta que nós estamos discutindo internamente tendo em vista que precisamos reajustar alguns empecilhos que foram feitos na reforma anterior, no qual dificulta algumas ações. Estamos trabalhando na proposta da reforma e a intenção é encaminhar esse ano, ou no início do ano que vem”, destacou.


Ao ser questionada sobre a criação de uma nova secretaria, a gestora afirmou que existe essa possibilidade e que a nova pasta unifique as áreas de turismo, inovação e empreendedorismo.


“Existe a possibilidade da criação de uma nova secretária que vai atender as necessidades de inovação, empreendedorismo e turismo. Hoje, o turismo se encontra na Safra e isso é um dos ajustes que a gente precisa fazer. Esses ajustes precisam ser feitos para que a gente consiga se organizar no sentido de desenvolver as atividades”, explicou Neiva Tessinari.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido