Conecte-se agora

No Acre, menino de 3 anos faz aniversário com tema ‘caminhão de lixo’ e convida garis

Publicado

em

Um tema de aniversário atípico marcou a comemoração dos três anos do pequeno Theo Vieira na noite dessa segunda-feira, 11, véspera do Dia das Crianças. Apaixonado por caminhões de lixo desde bebê, escolheu como tema da festa o veículo utilizado para recolher o lixo da cidade. Não só isso, também convidou os coletores – ídolos do menino – para celebrar a festa com a família.

A mãe do aniversariante, a nutricionista Sergiane Costa, contou ao ac24horas como foi a organização da festa e a paixão do filho pelo caminhão de lixo. “Ele pediu para fazer a festa com esse tema porque é simplesmente apaixonado por caminhões de lixo. Antes de fazer um ano, ele já ouvia em casa o barulho do caminhão chegando e perguntava o que era”.

Desde a primeira vez que a família saiu de casa para mostrar ao Theo o caminhão passando na rua, ele ficou encantado. “As luzes piscando, o barulho do caminhão, os coletores correndo para pegar o lixo, tudo isso o deixou apaixonado”, diz a mãe. Até hoje o menino sai no portão de casa para ver os coletores passando na rua em dia de coleta.

O amor do menino pelo caminhão fez com que toda a família ficasse envolvida, sabendo o percurso, a rota de coleta de muitos bairros. “Sabemos os dias que eles passam na casa da minha sogra, da minha mãe, de uma outra casa que nós morávamos. E ele aprendeu rápido a rota, porque escutava o barulho de muito longe. Então, a gente já tem os dias programados”.

Na avó paterna, os dias de coleta do lixo são sagrados, sempre às segundas, quartas e sextas. “A gente corre para ver o caminhão de lixo, ele vê e dá ‘tchau’ para os amigos coletores dele”, relata Sergiane, destacando que na casa de sua mãe, avó materna de Theo, o pequeno já até fez amizade com o motorista do caminhão. “Tanto que o motorista já sabe que ele é apaixonado e para na frente da casa da minha mãe, buzina para esperar que ele vá até a frente da casa para ver eles passando”.

Escolha do tema e organização da festa

Com a aproximação da data de aniversário de Theo, há cerca de quatro meses os pais começaram a perguntá-lo qual tema de aniversário ele iria querer. “E ele sempre falava que era caminhão de lixo. A gente dava opções, mostrava desenhos animados, perguntava se era caminhão de bombeiro, personagens, e ele sempre falava que não, que queria de caminhão de lixo”, brinca a mãe.

De acordo com os pais, Theo vê os trabalhadores da coleta como verdadeiros heróis. “E na verdade eles são nossos heróis na cidade. O Theo se encanta, fica com o olho brilhando, é realmente muito apaixonado no caminhão do lixo, na profissão [dos garis]. Como ele sempre foi muito certo do que queria, a gente atendeu prontamente esse pedido de fazer a festa com esse tema”.

O tema incomum dificultou a procura por itens de decoração, mas a mãe conseguiu encomendar a roupa de coletor e demais produtos com tema de caminhão de lixo. “Quando ele foi experimentar a roupinha, assim que vestiu, não queria mais tirar. Hoje, um dia depois da festa, ele já acordou e pediu para vestir de novo”.

Emoção

A família se diz encantada pelo fato de a criança ter escolhido esse tema em meio a tantos outros. “Não tinha como fazer diferente. A gente se esforçou ao máximo para fazer acontecer. Foi difícil, mas o resultado foi incrível. Ele ficou super feliz e se sentiu realmente muito realizado”, afirma Costa.

O pai do garoto havia falado com os trabalhadores na semana passada para verificar a possibilidade de os mesmos participarem da festa. “A gente sabe que na segunda-feira tem uma demanda de trabalho maior, eles passam um pouco mais tarde, mas queríamos a participação deles como convidados, nem que fosse na hora de cantar o parabéns”.

Quando o caminhão de lixo chegou e parou em frente da casa, Theo ficou em êxtase. “Os vídeos demonstram a alegria dele. Ele estava se sentindo no paraíso, estava no meio dos ídolos dele. Ele olhava com um olhar de encanto que emocionou todo mundo que estava aqui”, disse a mãe.

Os pais reconhecem que a sociedade não valoriza o trabalho dos coletores como deveria. “Eles são importantes, têm um trabalho digno na sociedade e infelizmente vemos que muitas pessoas não valorizam. Uma criança com amor puro, inocente, se identifica, os tem como heróis, e isso nos deixa felizes e emocionados e ficamos felizes com a certeza de que estamos no caminho certo, pois que ele valoriza as pequenas coisas, coisas que importam. Quando ele veio com esse pedido de fazer o tema de caminhão de lixo, ficamos até emocionados”, finaliza Sergiane.

WhatsApp Video 2021 10 12 at 14 04 33

Destaque 4

Sem Gladson, membros do PP fecham apoio em torno da reeleição de Mailza Gomes

Publicado

em

Sem a presença do governador Gladson Cameli, ocorreu na tarde deste sábado, 23, uma reunião a portas fechadas que contou com a presença de deputados estaduais, prefeitos e alguns membros partidários em torno de fechar um bloco de apoio interno, dentro do Partido Progressistas, a reeleição da senadora Mailza Gomes.

Estiveram presentes no evento o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, o de Cruzeiro do Sul, Zequinha Lima, o de Feijó, Kieffer Cavalcante, de Senador Guiomard, Rosana Gomes, de Porto Acre, Bené Damasceno, além do deputado estadual José Bestene e representantes dos deputados Nicolau Júnior e Gehlen Diniz.

Bestene destacou que o Progressistas é um partido unido, que tem um projeto de melhoria de vida para a população acreana. “Hoje, parlamentares e prefeitos Progressistas se reuniram para manifestar apoio à reeleição da nossa senadora Mailza Gomes”, declarou.

O parlamentar argumentou que Mailza precisa do apoio de toda a cúpula do partido do governador Gladson Cameli. “Ela vem trabalhando muito pelo nosso Acre. É uma mulher honrada e dedicada. Está no mandato, então é natural que dispute a reeleição, com o apoio de todos nós do Progressistas”, comentou.

Continuar lendo

Destaque 4

Ex-aluno da PM diz que instrutores aplicavam jogo “batatinha frita” da série Round 6

Publicado

em

O ex-aluno soldado da Polícia Militar Reginaldo Ribeiro, que se envolveu em polêmicas durante o curso de formação da instituição, foi o convidado do CipódCast, exibido no canal Na Ponta do Cipó e ac24horas na noite dessa sexta-feira (22). Na ocasião, ele revelou que foi vítima de perseguição antes do início do curso de formação e afirmou que o ‘modus operandi’ aplicado na academia são antiquados.

Segundo ele, a perseguição começou já na fase eliminatória do concurso, sendo reprovado no teste psicotécnico por problemas de ansiedade e, consequentemente, inaptidão no uso de armas de fogo. “Teve ausência dos psicólogos, falaram que era [a aplicação do teste] num horário e aplicaram em outro, e aí não aceitei o veredito. Corri atrás dos meus direitos”, disse.

O agora ex-aluno opinou sobre o curso de formação aplicado na academia. “Defasada, arcaica, obsoleta e sem aplicação no mundo dos fatos. Se o curso selecionasse os melhores dos melhores, a gente não tinha uma quantidade tão grande de policiais que afligem a lei. Infelizmente é fato, tá na mídia e esta nos autos dos processos. Oficial com envolvimento com o estado paralelo, policial que mata o outro dentro do próprio complexo da PM. Se você tiver um físico bom tá tranquilo, mas não avaliam a questão do caráter, da personalidade, da vida que o aluno teve antes de entrar no curso”, declarou.

Ribeiro revelou ainda que os instrutores do curso aplicaram um dos jogos mortais exibidos na série Round 6 (Netflix, 2021), chamado Batatinha Frita 1, 2, 3. “Todos os pelotões participaram. Todo mundo tinha que correr, colocaram a música da boneca, quando terminasse no ‘3’ todo mundo tinha que parar, se não parasse levava uma pedrada nas costas”, relembrou.

Em relação à sua vida pessoal, Reginaldo contou que foi abandonado pela mãe com apenas um ano de idade, ficando sob os cuidados do pai. Aos 10 anos de idade, segundo ele por influência de más companhias, tornou-se usuário de maconha e cocaína. O pai, percebendo o caminho que o filho tomava, com auxílio do Conselho Tutelar, encaminhou já Reginaldo – já aos 14 anos – para o Desafio Jovem Peniel, uma organização sem fins lucrativos destinada ao trabalho com recuperação de dependentes químicos, local onde Reginaldo diz ter se recuperado do uso de drogas. Com o problema do uso de drogas superado e agora voluntário da organização, Reginaldo casou e teve um filho, hoje com 12 anos. A esposa de Reginaldo, no entanto, faleceu quando o filho completou 3 anos, vítima de lúpus, uma doença auto imune.

Relembre o caso

Em setembro, Reginaldo Ribeiro acusou monitores do curso de formação da PM de coação e maus tratos, o que teria culminado na assinatura involuntária de um termo de desistência – no qual, segundo ele, o documento teria sido assinado enquanto estava fora de condição mental e física.

Após denúncia no ac24horas e intervenção da Defensoria Pública do Estado, Reginaldo conseguiu através de liminar o direito de voltar a frequentar as aulas. Dois dias depois, o ex-aluno desistiu novamente do curso, desta vez voluntariamente.

Veja a entrevista completa:

video

Continuar lendo

Destaque 4

Ex-chefe de gabinete da senadora Mailza Gomes será o novo secretário de Turismo no Acre

Publicado

em

O escolhido para ocupar o cargo de secretário Estadual de Empreendedorismo e Turismo, no lugar de Eliane Sinhasique, é o ex-chefe de gabinete da senadora Mailza Gomes (Progressistas), Jhon Douglas, 27 anos.

Ele assume o cargo após Sinhasique pedir demissão da pasta por motivos familiares. Sinhasique anunciou a saída da pasta no dia 7 de setembro, dia em que se celebrou a independência do país, mas estava no cargo para o período de transição. Oficialmente, ela entregou o pedido de exoneração na semana passada.

O ac24horas apurou que a única certeza na nova montagem com saída de Sinhasique é que o MDB não seria o beneficiado devido o staff do governo entender que a sigla já está contemplada, segundo interlocutores palacianos.

Continuar lendo

Destaque 4

Governo realiza desfile para comemorar aquisição de 44 novas viaturas da Segurança

Publicado

em

Como parte da programação do 1° Encontro de Segurança Fronteiriça Brasil/Bolívia, e sem a presença do governador Gladson Cameli (Progressistas), a cúpula da segurança pública realizou na manhã desta sexta-feira, 22, um desfile com as novas viaturas pelas principais ruas de Rio Branco.

A exibição do desfile saiu do Palácio Rio Branco, passando pela região do Segundo Distrito e em seguida voltou ao Primeiro Distrito, com passagem pela BR-364, finalizando com retorno ao Palácio do Governo.

A solenidade faz menção a entrega de 31 viaturas policiais, 13 quadriciclos, equipamentos de informática, insumos para o Departamento de Polícia Técnico-Científica, coletes de proteção balística e capacetes balísticos. Ao todo, o investimento por parte do Estado foi de R$ 9,7 milhões.

O diretor operacional da secretaria de segurança pública, coronel Ulysses Araújo, destacou que os veículos vão ser fundamentais para coibir a criminalidade. “Essa aquisição vai reforçar a capital e a zona rural”, declarou.

Paulo César, secretário de segurança pública, ressaltou que os veículos reforçam o policiamento ostensivo no estado. “A equipe da perícia não tinha veículos, agora chegaram três. Quem ganha com isso é a população”, destacou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2021 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados