Conecte-se agora

Ativista político pede para apóstola se aproximar mais de Deus

Publicado

em

O ativista político Francisco Panthio (PCdoB) usou as redes sociais nesta segunda-feira, 6 de setembro, para criticar a Apóstola Dayse, que vem convocando os seus fiéis para o ato do 7 de setembro em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Na publicação, o ativista afirmou que nem todo mundo que está à frente de uma organização pode ser chamado de Profeta verdadeiro, em referência a pastora Deise.

“A pastora lidera movimentos na Igreja Batista renovada, mas eu queria fazer uma crítica; pastora se aproxime mais de Deus e se afaste mais da politicagem. Eu queria entender o que leva um missionária a mobilizar os seus fiéis a fazer da igreja um palanque político. A banalização da fé tem manchado a imagem de quem pastorea de verdade”, afirmou.

Destaque 6

Anvisa pede uso de máscara para adiar chegada da varíola dos macacos

Publicado

em

Diante do aumento no número de casos da varíola de macaco, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) emitiu nota reforçando a necessidade de adoção de medidas “não farmacológicas”, como distanciamento físico, uso de máscaras de proteção e higienização frequente das mãos, em aeroportos e aeronaves, para retardar a entrada do vírus no Brasil.

A varíola de macaco é uma doença pouco conhecida porque a incidência é maior na África. Até o momento, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) há 131 casos confirmados de varíola dos macacos, registrados fora do continente africano e 106 outros casos suspeitos, desde que o primeiro foi relatado em 7 de maio.

“A Anvisa mantém-se alerta e vigilante quanto ao cenário epidemiológico nacional e internacional, acompanhando os dados disponíveis e a evolução da doença, a fim de que possa ajustar as medidas sanitárias oportunamente, caso seja necessário à proteção da saúde da população”, diz a nota divulgada ontem (23).

Ainda, de acordo com a agência, essas recomendações protegem não só contra a varíola e a covid-19, mas também contra muitas doenças infectocontagiosas.

“Tais medidas não farmacológicas, como o distanciamento físico sempre que possível, o uso de máscaras de proteção e a higienização frequente das mãos, têm o condão de proteger o indivíduo e a coletividade não apenas contra a covid-19, mas também contra outras doenças”, reitera a Anvisa.

Diante do quadro, o Ministério da Saúde criou uma sala de situação para monitorar o cenário da varíola dos macacos no Brasil. A medida, anunciada pela pasta na noite desta segunda-feira (23), tem como objetivo elaborar um plano de ação para o rastreamento de casos suspeitos e na definição do diagnóstico clínico e laboratorial para a doença.

“Até o momento, não há notificação de casos suspeitos da doença no país”, informou o Ministério da Saúde, em nota. A pasta afirma que encaminhou aos estados um comunicado de risco sobre a patologia, com orientações aos profissionais de saúde e informações disponíveis até o momento sobre a doença.

Continuar lendo

Destaque 6

OMS diz que surto de varíola dos macacos pode ser contido

Publicado

em

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou hoje (24) que havia 131 casos confirmados de varíola dos macacos e 106 outros casos suspeitos, desde que o primeiro foi relatado em 7 de maio fora dos países onde geralmente se espalha.

Embora o surto seja incomum, ele pode ser contido e limitado, disse a OMS, que está convocando mais reuniões para apoiar os Estados-membros com mais conselhos sobre como lidar com a situação.

A varíola dos macacos é uma infecção viral geralmente leve que é endêmica em partes da África Ocidental e Central. Ela se espalha principalmente por contato próximo e, até o recente surto, raramente era vista em outras partes do mundo. A maioria dos casos recentes foi relatada na Europa.

“Encorajamos todos vocês a aumentar a vigilância da varíola dos macacos para ver onde estão os níveis de transmissão e entender para onde estão indo”, disse Sylvie Briand, diretora da OMS para Preparação Global para Riscos Infecciosos.

Ela afirmou que não está claro se os casos são a “ponta do iceberg” ou se o pico de transmissão já passou.

Em declarações na Assembleia Mundial da Saúde em Genebra, Briand reiterou a opinião da OMS de que é improvável que o vírus tenha sofrido uma mutação, mas disse que a transmissão pode estar sendo impulsionada por uma mudança no comportamento humano, principalmente quando as pessoas voltam a se socializar à medida que as restrições da covid-19 vão sendo retiradas no mundo todo.

Muitos, mas não todos, os casos foram relatados em homens que fazem sexo com homens, e Briand disse que é particularmente importante tentar prevenir a transmissão sexual.

Continuar lendo

Destaque 6

Estão abertas as inscrições para o Encceja 2022

Publicado

em

Estão abertas, de hoje (24) até o dia 4 de junho, as inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2022. A avaliação é voltada a jovens e adultos que não concluíram os estudos na idade apropriada para cada etapa de ensino.

As provas, tanto para os ensinos fundamental e médio, serão aplicadas no dia 28 de agosto, em todas as unidades federativas.

A idade mínima para os participantes do exame voltado ao ensino fundamental é de 15 anos, na data da prova. Para o ensino médio, a idade mínima é de 18 anos completos. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informa que a participação no Encceja Nacional 2022 é voluntária e gratuita.

Assista na TV Brasil

O edital com diretrizes, procedimentos e prazos para a edição 2022 do exame foi publicado no Diário Oficial da União do último dia de 16 de maio.

De acordo com o Inep, não haverá, nesta edição, necessidade de apresentação de justificativa de ausência para aqueles que se inscreveram mas acabaram não fazendo a prova da edição anterior.

“Também não será necessário o pagamento da taxa de ressarcimento para os ausentes no ano passado que vão fazer as provas novamente. A medida foi tomada tendo em vista o contexto da pandemia de covid-19 que impediu a realização da última edição”, informou o instituto.

As cidades que aplicarão o Encceja 2022 serão disponibilizadas no sistema do exame e no portal do Inep.

Os atendimentos especializados deverão ser solicitados durante o período de inscrições (de 24 de maio a 4 de junho).

Continuar lendo

Destaque 6

Lula adota mesma expressão de movimento da direita

Publicado

em

A campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao Palácio do Planalto neste ano adotou como slogan uma expressão igual ao do movimento de direita “Juntos Pelo Brasil”.

O grupo fez manifestações em 2016 em apoio ao então deputado Jair Bolsonaro e a Donald Trump –que, à época, disputava a eleição nos Estados Unidos– e contra Dilma Rousseff (PT), que sofreu impeachment no mesmo ano.

No início deste mês, em um evento em São Paulo, Lula lançou o movimento chamado “Vamos Juntos Pelo Brasil”, que, segundo explicação publicada no site do PT, “une partidos políticos e movimentos sociais em favor da retomada da democracia e da reconstrução do Brasil”.

As legendas que integram a frente são: PT, PSB, PCdoB, PV, Rede, PSOL e Solidariedade, que devem compor a coligação de Lula.

No mesmo evento ocorrido na capital paulista, foi oficializada a pré-candidatura de Lula e a aliança com um antigo adversário, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSB), que deverá ser o vice na chapa.

Além de já ter sido o nome de um grupo de direita, a frase “Juntos pelo Brasil” também é utilizada por adeptos desse espectro político, chegando, inclusive, a estampar camisetas. A loja virtual DireitaStore, por exemplo, comercializa as peças com essa frase.

Procurado, o PT afirmou que não vai se pronunciar.

CNN BRASIL

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2021 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados

error: Conteúdo protegido!