Menu

TCE condena ex-prefeito do Jordão a devolver mais de R$ 445 mil aos cofres públicos

Ex-gestor será alvo de mais uma investigação do Ministério Público - Foto: Arquivo
Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado do Acre (TCE-AC), condenaram o ex-prefeito do Jordão, Elson Farias (PCdoB), a devolução da quantia de R$ 445.452,68 referente ao exercício de 2019 no prazo de 30 dias. A decisão foi publicada na edição do Diário Eletrônico desta segunda-feira (7).


A relatora do processo nº 136.269/2019, conselheira Maria de Jesus Carvalho, em seu parecer apontou que o ex-gestor municipal não conseguiu comprovar as supostas despesas apresentadas no exercício de 2019. A decisão foi acompanhada pelos demais pares presente a sessão da última quinta-feira (dia 20) no Tribunal.


A decisão é com base no parecer da procuradora do Ministério Público Especial Ana Helena de Azevedo Lima revelou um gasto R$ 445.452,60 no Fundo Municipal de Saúde (FMS) na aquisição de medicamentos que não constava no almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e pediu a abertura de tomada de conta especial para esclarecer as supostas irregularidade.

Publicidade

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido