Conecte-se agora

Prazo para pedir isenção da taxa de inscrição do Enem 2021 termina na sexta-feira (28)

Publicado

em

Quem não conseguir o benefício terá que pagar R$ 85 para fazer as provas

O prazo para solicitar isenção na taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), edição 2021, termina na próxima sexta-feira, 28. O pedido deve ser feito diretamente na Página do Participante do Enem, por meio do preenchimento de formulário. Ainda não há informações no edital do exame quanto ao valor da inscrição, mas, na edição anterior, não isentos tiveram que pagar R$ 85 para participar. 

Pode solicitar a isenção o candidato que esteja cursando a última série do ensino médio, em 2021, em escola da rede pública; quem cursou todo o ensino médio em escola da rede pública, ou em escola da rede privada, com bolsa de estudo integral, além de ter renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio; ou ser membro de família de baixa renda inscrito no CadÚnico. 

Quem teve a isenção liberada para o Enem 2020, mas faltou às provas precisa justificar a ausência, também até a próxima sexta-feira, 28, para ter o benefício na edição de 2021. 

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo exame, pede que os candidatos justifiquem a ausência com documentos válidos, como um boletim de ocorrência, por exemplo, caso sofreram algum roubo que impediram de comparar à avaliação. Entre as razões aceitas para justificar estão: emergências médicas, comparecimento ao trabalho, morte na família, maternidade ou paternidade, vítima de acidente de trânsito, entre outras.

O Enem é a maior prova de acesso ao ensino superior do país. Com o resultado do exame é possível ingressar na faculdade de diversas formas. Os principais processos seletivos são os dos programas do governo: Prouni, Sisu e Fies. Mas as possibilidades ofertadas pelo Enem não param por aí, atualmente 50 universidades portuguesas aceitam a nota da avaliação para acesso aos seus cursos de graduação.

Fonte: Agência Educa Mais Brasil 

 

Destaque 3

Saúde de Rio Branco anuncia mutirão de vacinação para grupo a partir de 38 anos no domingo

Publicado

em

A prefeitura de Rio Branco dará continuidade neste domingo, 20, ao mutirão de vacinação contra a Covid-19 no Ginásio do Sesi, localizado no bairro Manoel Julião.

A ação começa às 8h e termina às 10h da noite. Oito equipes realizam atendimento no Ginásio do Sesi e, simultaneamente, em outras unidades de saúde do município nos primeiro e segundo distrito.

Continuar lendo

Acre 01

Com velas e cruzes, manifestantes dizem que Bolsonaro está chicoteando o povo na pandemia

Publicado

em

A manifestação realizada na tarde deste sábado (19), em Rio Branco, para protestar contra o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chegou ao Palácio Rio Branco e deve contar com uma série de atividades culturais.

Durante o ato os manifestantes resolveram acender velas e pôr cruzes em memória as quase 500 mil mortes ocasionadas pelo coronavírus.

Revoltado com o cenário atual do país o ativista social, Francisco Panthio, declarou que o presidente Jair Bolsonaro não tem condições de comandar o país. “É na pandemia que o Bolsonaro está chicoteando o povo mais pobre, aumentando a gasolina, o gás, os alimentos e a energia elétrica”, ressaltou.

A organizadora do evento, Iwlly Cristina, contou que o ato é contra as recentes ações do governo federal. Segundo ela, a manifestação terá atrações culturais, como música, poema e teatro.

O ato, que é pacífico, ocorre em todo o país. O grupo é formado pela classe estudantil, universitários, movimentos sociais e agremiações de partidos da Esquerda e protestam em defesa da vacinação contra a Covid-19.

No Acre, esta é a sexta manifestação contra o presidente. Na ocasião, eles voltaram a pedir o impeachment do militar, e protestaram contra a alta dos preços dos combustíveis e dos alimentos.

O movimento ‘fora, Bolsonaro’, segundo a Central Única dos Trabalhadores, se manifesta também pelo auxílio de R$ 600, contra a miséria, mais investimentos no Sistema Único de Saúde (SUS) e por geração de empregos.

Continuar lendo

Extra Total

Manifestantes pedem impeachment de Bolsonaro em protesto pelas ruas de Rio Branco

Publicado

em

Foto: Whidy Melo/ac24horas

Com gritos de ‘miliciano, a sua hora está chegando’, milhares de pessoas se reuniram na tarde deste sábado (19), em Rio Branco, para protestar contra o Governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Os atos são pacíficos e ocorrem em todo o país.

O grupo formado pela classe estudantil, universitários, movimentos sociais e agremiações de partidos da Esquerda, protestam em defesa da vacinação contra a Covid-19.

Foto: Whidy Melo/ac24horas

No Acre, esta é a sexta manifestação contra o presidente. Na ocasião, eles voltaram a pedir o impeachment do militar, e protestaram contra a alta dos preços dos combustíveis e dos alimentos.

Os mobilizadores da manifestação na capital informam que a concentração da caminhada ocorreu na Gameleira até o Palácio Rio Branco. O movimento ‘fora, Bolsonaro’, segundo a Central Única dos Trabalhadores, se manifesta também pelo auxílio de R$ 600, contra a miséria, mais investimentos no Sistema Único de Saúde (SUS) e por geração de empregos.

Estiveram na manifestação o deputado estadual, Edvaldo Magalhães, e sua esposa, Perpétua Almeida, ambos do PCdoB.

Continuar lendo

Acre 01

Acre registra quase 800 novos contaminados e 28 mortes por Covid-19 nos últimos 7 dias

Publicado

em

O estado do Acre registra neste sábado, 19, o acúmulo de 773 novos contaminados pelo novo coronavírus nos últimos sete dias. Em uma semana, também foram somadas 28 mortes por complicações da Covid-19. Segundo a secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), só neste sábado foram confirmados 67 casos confirmados por exames RT-PCR, 58 por testes rápidos e 2 por critério clínico epidemiológico. O número de infectados saltou de 84.687 para 84.812 nas últimas 24 horas.

Mais 1 notificação de óbito foi registrada neste sábado, sendo o mesmo do sexo masculino, fazendo com que o número oficial de mortes por Covid-19 suba para 1.729 em todo o estado. O óbito referente ao morador de Rio Branco, P. G. M., de 82 anos, deu entrada no dia 5 de junho, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-AC), vindo a falecer no dia, 18.

Até o momento, o Acre registra 227.589 notificações de contaminação pela doença, sendo que 142.657 casos foram descartados e 120 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 79.259 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 132 pessoas seguem internadas até o fechamento deste boletim.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas