Conecte-se agora

Homem virou delegado no Acre aos 55 anos lança livro nesta quarta-feira

Publicado

em

Judson Barros tem uma história singular. É o que se pode chamar de um homem determinado e que resolveu contar sua trajetória ao decidir estudar direito aos 45 anos e fazer concurso para o cargo de Delegado de Polícia Civil depois dos 50 anos, sendo que tomou posse no cargo aos 55 anos no Estado do Acre. Atualmente Judson é Delegado na 1ª Delegacia de Rio Branco, no bairro Sobral.

O livro que tem o título “Depois dos 45 – na prorrogação”, expõe a firmeza com que o autor percorreu a sua senda numa certeza ímpar de que estava na rota certa ao fazer a opção de estudar depois dos 45 anos. Contudo já quero deixar claro que o livro não é um conto, é uma história real de um homem de carne e osso, certamente com uma mente diferenciada. Um nordestino destemido, que nasceu no interior do Maranhão, passou pelo Piauí e atualmente vive no Acre.

Judson Barros logrou êxito em diversos concursos depois dos 45 anos, como analista do Ministério Público do Amapá, analista da Defensoria Pública da União e professor da Universidade Federal do Amapá, onde cursou mestrado em Direito Ambiental e Políticas Públicas.

Depois dos 50 anos resolveu ser Delegado de Polícia e conseguiu aprovação para o cargo no Acre e no Piauí. Mesmo sendo aprovado e passando em todas as etapas, inclusive o teste físico, os estados entraram com ações para impedir a posse sob a alegação de que a idade estava acima da estipulada pelo edital. A posse no Acre só aconteceu por conta de uma decisão judicial.

“É ao mesmo tempo uma história de superação e quebra de paradigmas. Num momento em que a grande maioria das pessoas entende não ser mais possível realizar as aspirações, eu resolvi cursar uma faculdade e reescrever a sua história de vida. O livro mostra como foi esse processo de reconstrução. Importante aspecto do livro é mostrar para os leitores que o tempo e hora quem define é cada pessoa, nos limites de sua consciência. Que a questão da idade não tem qualquer importância. Que a hora de fazer é a hora que se resolve fazer. Ter 50, 60 ou 70 anos é de total irrelevância”, afirma o delegado.

O livro será lançado em uma live que acontece nesta quarta-feira, 12, a partir das 19:30h, com a participação do delegado da Polícia Civil do Distrito Federal, Airton Zouk. A live será transmitida pelo instagram @ailtonzouk

Para quem tiver interesse em adquirir o livro, que custa 40 reais, pode entrar em contato pelo Whats 86 9-9999-2165 que vai receber o exemplar em casa e ainda tirar uma foto e receber o autógrafo do próprio autor.

Cotidiano

Prefeitura emite nota sobre novo golpe envolvendo o programa Nota Premiada

Publicado

em

A prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin), divulgou neste sábado, 21, uma nota alertando a população sobre um novo golpe que está sendo praticado usando o nome do programa Nota Premiada.

Segundo a publicação, “pessoas de má fé” estão se passando como representantes da entidade municipal para realizar fraudes. O executivo esclarece algumas situações para que o cidadão não seja enganado.

Acompanhe o informativo:

Urgente: Pessoas de má fé usam nome da Prefeitura para dar golpes em Rio Branco.

Esclarecemos que:

– Nenhum servidor da prefeitura entra em contato por meio de WhatsApp pedindo para que seja instalado qualquer aplicativo ou fornecimento de dados;

– Em caso de premiação, o contato é realizado por meio de ligação telefônica, solicitando o comparecimento à sede da prefeitura;

– No ano de 2022, a Prefeitura de Rio Branco não lançou a Promoção do Programa Nota Premiada, que atualmente possuí outro nome;

– A Prefeitura de Rio Branco pede que nenhum cidadão informe seus dados via WhatsApp para qualquer pessoa que se diga servidor municipal;

– Por fim, ressaltamos que todas as providências legais cabíveis estão sendo tomadas para que nenhum cidadão seja lesado por pessoas de má fé.

Qualquer dúvida, pode entrar em contato com o número: 3212-7106.”

Continuar lendo

Cotidiano

Polícia Civil prende acusado de participar da morte de indígena no Acre

Publicado

em

Na manhã deste sábado, 21, a Polícia Civil deu cumprimento ao mandado de prisão em desfavor de I.S.O, de 19 anos de idade, em razão de estar sendo investigado pela participação na morte do indígena Ribamar Barbosa Kaxinawá, morto no dia 07 de janeiro de 2022, numa região de mata, localizado nos arredores do bairro Vitória, na cidade de Feijó

A vítima tinha 32 anos e foi morta de forma cruel, sendo obrigada a cavar sua própria cova, foi alvejada por disparo de arma de fogo, e depois teve sua garganta cortada com uma faca.

Até o presente momento, oito pessoas estão presas acusadas de participação no homicídio, que chocou, sobretudo, a comunidade indígena da cidade no interior do Acre.

De acordo com a investigação, o crime foi cometido de forma extremamente hedionda, não tendo a vítima qualquer chance de defesa. A morte se deu em razão de dívida de drogas.

Continuar lendo

Cotidiano

Rio Branco e Amazonas duelam pela ponta da tabela no Brasileirão neste sábado

Publicado

em

O Rio Branco entra em campo pelo Campeonato Brasileiro da Série D neste sábado, 22, no estádio Florestão, a partir das 16 horas.

O adversário é o Amazonas, equipe que tem a melhor campanha até agora no Grupo 1 do Brasileirão. A equipe amazonense tem 13 pontos em cinco jogos, sendo quatro vitórias e apenas um empate. A equipe ainda não perdeu na competição.

Essa será a segunda partida do técnico Bruno Monteiro à frente do Rio Branco e quando pela primeira vez teve uma semana para trabalhar com os atletas. Bruno assumiu dois dias antes da vitória contra o Náutico de Roraima na semana passada por 4 a 1 fora de casa. O treinador tem a volta do atacante Wanderson que estava suspenso e também vai ter o volante Marcão, recém contratado à disposição para ser usado na partida.

Continuar lendo

Cotidiano

Vanda terá nome confirmado como pré-candidata ao Senado em encontro do PSD

Publicado

em

A deputada federal Vanda Milani (PROS-AC) terá seu nome oficializado como pré-candidata ao Senado da República a partir das 14h da tarde deste sábado (21), durante Seminário Estadual do Partido Social Democrático (PSD) em Rio Branco. O evento será prestigiado pela presidente nacional do PROS, Sandra Caparrosa e do Articulador Político do partido, Henrique Junqueira. O nome do senador Sérgio Petecão (PSD-AC) também será oficializado como pré-candidato ao governo.

“O que me motiva para mais esse desafio em minha vida é o Acre” disse a deputada durante apresentação dos Eixos/Diagnósticos para elaboração de um Plano de Governo Participativo, na noite de ontem, 20, na Casa Amarela.

Defendendo um movimento político com a cara e a voz do povo acreano, a deputada afirmou que a participação popular será fundamental para a construção de propostas que visem o desenvolvimento do estado atendendo as demandas regionais.

“Vamos trabalhar na construção desse plano ouvindo todos os setores e todos os municípios. Precisamos levar mais alimento à mesa das famílias acreanas e isso acontece com o fortalecimento do agro. A agricultura familiar precisa da mão amiga do estado. Campo forte é sinônimo de economia aquecida”, avaliou a deputada.

Vanda Milani chega com sua pré-candidatura ao Senado depois de ser eleita deputada federal com mais de 23 mil votos em 2018. Ela foi a parlamentar mais atuante da bancada federal do Acre, reconhecida pela organização Ranking dos Políticos por dois anos consecutivos.

Biografia:

Vanda Denir Milani Nogueira, é natural da cidade de Cedral (SP). Foi militar, professora, assessora jurídica, delegada de Polícia Civil, procuradora do Ministério Público Estadual do Acre.

Atualmente é membro titular da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania; membro titular da Comissão do Meio Ambiente, colegiados da Câmara dos Deputados.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!