Conecte-se agora

Galvez suspende atividades e 40 profissionais perdem o emprego após restrições do governo

Publicado

em

Foto: Sérgio Vale/ac24horas.com

O presidente do Galvez Esporte Clube, Edener Franco da Silva, anunciou nesta manhã de sábado, 19, ao ac24horas, que o atual campeão acreano decidiu suspender todas as atividades do futebol profissional.

A decisão leva em consideração a proibição pelo atual decreto do governo do estado que proíbe a realização de partidas de futebol e treinamento coletivos. O Campeonato Estadual deveria ter iniciado neste mês de março.

De acordo com Edener, sem poder fazer treinamento e sem data para entrar em campo, suspender as atividades é a única alternativa. “Se não temos autorização nem para treinar, não podemos ficar na ilegalidade. Como agora não sabemos nem se vai ter campeonato e como vai ser a competição, vamos mandar todo mundo para casa, infelizmente”.

O presidente do Galvez explica que 40 pessoas ficarão desempregadas, entre atletas e comissão técnica. “Pessoal da parte técnica, funcionários do clube e atletas, vamos ter que dispensar todo mundo. Infelizmente, esses pais de família vão ficar desempregados”, diz.

Edener critica a proibição de jogos e diz que os testes feitos em jogadores e representantes das comissões técnicas ajudaram no combate à Covid-19.

“A falta de apoio das autoridades vai gerar um colapso no futebol acreano, já tentamos de tudo e não temos apoio. O que pouca gente sabe é que a CBF bancou mais de 6 mil testes entre jogadores e comissão técnica e apenas 2% deu positivo. Detalhe, eram pessoas assintomáticas, que não sabiam que estavam infectadas e nós as isolamos, fazendo com que elas não contaminassem outras pessoas”, declara.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas