Conecte-se agora

Faça uma lista de todos os amigos 

Publicado

em

AO DAR UMA OLHADA nesta foto do ano passado, eu como decano do jornalismo acreano, alguns mais jovens, outros nem tanto, me veio uma saudade desta turma e da cobertura jornalística presencial na ALEAC, e lembrei da música “A Lista”, do cantor Osvaldo Montenegro, com seus versos: “Faça uma lista\de grandes amigos\quem você mais via\há 10 anos atrás\quantos você\ainda vê\todo dia\quantos você\já não encontra mais…. A gente se sente vivendo numa bolha, em prisão domiciliar, e observando a realidade de fora sem se ver inserido nela. 

Sem puder abraçar os amigos, trocar uma prosa, discutir um fato jornalístico; ficou tudo muito frio, muito mecânico, não há aquele clima de companheirismo. Vivemos na verdade sob uma capa do terror. Uma tosse, por mais leve que seja, já apavora. Será o Covid? Vem a pergunta. Ficou todo mundo louco, este vírus mostrou duas coisas: que não somos nada no universo, e que não adianta se pensar só na acumulação de riquezas, ser cético, negacionista da ciência, porque o Covid não escolhe quem vai contaminar ou matar.

 O bom ao olhar esta foto é saber que todos meus amigos jornalistas tiveram suas vidas preservadas. Se cuidem! Álcool gel, lavar as mãos com sabão, usar máscaras, não aglomerar, logo mais chegará o dia da nossa vacinação, e mais uma vez voltaremos nos encontrar no “Aquário” da Assembleia Legislativa. 

Um abraço virtual a todos. “Do mal, será queimada a semente…, já disse o velho sambista Nelson Cavaquinho. Até breve, meninos e meninas!

ALÉM DAS EXPECTATIVAS

PELO FATO de ter assumido o mandato como suplente do Gladson Cameli, que teve de deixar o Senado para ser governador, ser desconhecida do grande público, havia uma grande interrogação como seria o mandato da senadora Mailza Gomes (PP), e até aqui não tem decepcionado. Toda vez que há uma demanda coletiva para o estado, cobra e se faz presente nos órgãos federais. Não ficou só em Brasília, tem visitado os municípios. Cumpre um bom mandato.

NÃO BRIGO COM A NOTÍCIA

ESTIVE envolvido em várias campanhas do Bocalom. São incontáveis as entrevistas, os comentários positivos, e também negativos, que fiz ao seu respeito nos últimos 30 anos. Nunca lhe pedi para pagar um café. Falo por mim. Então, tenho moral para lhe criticar ou para elogiar, se necessário. Brigo com todo mundo, menos com a notícia.

VIROU NOTÍCIA, PUBLICO!

NÃO VOU FICAR criando fake News, mas foi notícia que interesse aos leitores, vou publicar, gostem ou não. Faço as colocações para calar alguns parvos da PMRB, que nas suas cabeças de alfinetes, acham que, quem critica está na busca de vantagens. 

COM QUEM BEM ENTENDER

QUANTO ao uso da verba da mídia é um direito do Bocalom usar como bem entender. Até não usar. Pode usar para se comunicar na página oficial da PMRB, postar na rede ou fazer a sua comunicação por fumaça, como faziam os Apaches, tribo os EUA. E, ponto final. Não o critico neste ponto. Cada um que procure seu quadrado.

QUE BAGUNÇA

RECONHEÇO o esforço do secretário municipal de Saúde, Franck Lima, em acertar, mas não conseguiu ajustar a sua gestão. Esta questão de informações desencontradas sobre a vacinação dos idosos, virou bagunça. Pela falta de informação, deu até polícia ontem na fila de vacinação.

TORRE DE BABEL

TOOS OS ÓRGÃOS de comunicação divulgaram que a vacina seria dos 70 aos 85 anos, e vem a PMRB, sem comunicar, dizer que seria dos 74 em diante. Desculpem o palavrão: Porra! Não querem que ninguém noticie isso?

NÃO É PARA RIR!

SABEM qual foi a comunicação da PMRB? Colocaram uma cartolina numa cerca próxima ao local de vacinação alertando que a imunização era para idosos de 74 anos em diante. Nem na “Barraca do Beijo” dos arraiais de São João se comunica mais com cartolina. My GOD!

O QUE CUSTA?

ONTEM, por exemplo, no ponto de vacinação do DETRAN tinha uma banca com dois vacinadores. Não é demérito pedir ajuda de equipes de saúde do Exército, do governo, para acelerar a aplicação das vacinas. Façam isso.

TERMINA SOBRANDO

ESTE TIPO de lentidão acaba por deixar a população de idosos revoltada, e sobra para o prefeito Tião Bocalom, mesmo não sendo culpado direto, porque a organização teria que partir do sistema municipal de saúde.

PODE PAGAR CARO

O Gladson pode pagar caro se explodir o número de contaminados pelo Covid, com a abertura do comércio no pique da pandemia, no vermelho, para agradar os negacionistas da ciência. Tomara que eu esteja errado.

DECOLOU NA PANDEMIA

É BOM lembrar ao governador Gladson que, ele estava mal avaliado antes da pandemia, e pelo belo trabalho no combate ao Covid recuperou a popularidade, cuidado para não gastar este capital abrindo tudo no vermelho.

NÃO PODE ESQUECER

MUITAS DAS AÇÕES conquistadas pelo Governo Cameli estão atreladas ao apoio ostensivo da bancada federal. Isso tem que ser dito, porque são conquistas coletivas.

NINGUÉM É IMUNE

QUANDO o deputado Daniel Zen (PT) faz críticas pontuais ao governo Gladson apenas cumpre o papel que lhe foi reservado pelas urnas, ser fiscal do governo e oposição. O Zen está certo. Quem não quer ser criticado fique sem mandato.

QUEM FOI QUE DISSE?

E, quem foi que disse que, o político quando chega a um cargo do Executivo não pode sofrer críticas? Desde que não seja ofensa pessoal, a crítica ajuda a quem governa.

PEC DA IMPUNIDADE

ESTA PEC da impunidade em discussão na Câmara Federal, traduzindo para o popular, ela é assim: o parlamentar pode fazer o que quiser, que não será punido. Punição, por esta PEC, só se for ladrão de galinha.

NÃO PODE FICAR IMPUNE

FURAR a fila da vacinação na frente dos idosos é um crime, mas é um crime maior comete quem libera pessoas jovens e que não estão no combate ao Covid, para serem imunizadas. Virou uma esculhambação este processo de vacinação na capital. Um amadorismo.

O POVO NÃO COLABORA

NÃO vejo com otimismo que a população vá acatar as normas do protocolo da saúde de abrir o comércio com 30% da capacidade, porque não existe consciência social nem para se proteger, e nem de proteger o próximo.

MAL ASSESSORADO

O SECRETÁRIO de Saúde, Franck Lima, não é nenhum tapado na área de saúde, é um cara esforçado, a sensação que passa é que escolheu mal seus assessores.

INÍCIO ATUANTE

A NOVA composição da Câmara Municipal de Rio Branco vem tendo um início atuante, com muitos vereadores se mostrando críticos da PMRB e propositivos. Aos poucos vai se separando os que atuam da turma dos mudinhos.

CONVERSA DE TRANCOSO

NÃO PASSA de conversa de trancoso de que, com o comércio aberto serão tomadas providências para evitar mais contaminações pelo Covid. É só andar pela rua que vai se ver que, boa parte da população não usa máscara.

NOMES ATÉ AQUI

Mailza Gomes (PP), Alan Rick (DEM), Carlos Beirute (pelo PTB), Flaviano Melo (MDB), Jorge Viana (PT), Mara Rocha (PSDB), Jéssica Sales (MDB), são os nomes ventilados até o momento como opções para disputar o Senado em 2022. É um assunto para definição no próximo ano.

FRASE MARCANTE

“Ame o seu inimigo, mas não ponha uma arma em suas mãos”. Ditado mexicano.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.