Conecte-se agora

Gladson sobrevoa áreas atingidas pela cheia do Rio Acre com secretário de Defesa Civil

Publicado

em

O governador do Acre, Gladson Cameli (Progressistas), sobrevoou de helicóptero nesta sexta-feira, 19, áreas atingidas pela enchente do rio Acre, em Rio Branco. Cameli sobrevoou a área com o secretário Nacional de Defesa Civil, coronel Alexandre Lucas, que desembarcou nesta sexta-feira, 19, no Acre.

Segundo informações, o transbordamento do Rio Acre atinge pelo menos 2,9 mil residências de 24 bairros da capital, agravando a crise sanitária decorrente da pandemia do novo coronavírus (covid-19) e o surto de dengue que a cidade já vinha enfrentando. Antes de sobrevoar as áreas atingidas, Cameli realizou uma reunião em que esteve presente o secretário nacional de Defesa Civil, Alexandre Lucas, o Corpo de Bombeiros, Defesa Civil Estadual e Municipal e o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, para alinhar ações entre os três entes [Governo Federal, Estadual e Municipal].

A visita do secretário tem o intuito de apoiar a logística de assistência às famílias atingidas pelas cheias dos rios no Acre. “Amanhã chegam em Rio Branco mais quatro técnicos da Defesa Civil do governo federal para coordenar as necessidades relativas ao desastre. Agradeço a União que tem oferecido total apoio ao Estado e a nossa bancada federal. Esse é o momento de estarmos unidos, pois além da cheia estamos sofrendo com outros problemas”, afirmou.

A situação das cheias dos rios no Acre, fez com que governador Gladson Cameli, decretasse situação de emergência em áreas afetadas por inundações e enxurradas em Rio Branco e em mais nove cidades: Cruzeiro do Sul, Feijó, Jordão, Mâncio Lima, Porto Walter, Rodrigues Alves, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira e Tarauacá.

Cameli também instituiu um gabinete de crise para integrar os esforços de diversas secretarias e órgãos de governo para atender não só às pessoas prejudicadas pelas enchentes e enxurradas, mas também pela covid-19 e pela dengue.

Em reunião com o ministro da Economia, Paulo Guedes, nesta quinta-feira, 18, Cameli foi informado pelo ministro que serão liberados R$ 450 milhões para ajudar vítimas das enchentes em todo o país. “Nós vamos ajudar no que for possível. O Acre merece toda a ajuda, toda a fraternidade. Os recursos estão sendo mobilizados e o dinheiro deve chegar o mais rápido possível. E nós agradecemos muito ao Acre pelo apoio a todas as reformas”, salientou Guedes.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas