Conecte-se agora

Não há mais UTI para Covid-19 disponível no Into e 88 pessoas estão na enfermaria

Publicado

em

Foto: Júnior Aguiar/Secom

O boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) divulgado na tarde desta terça-feira, 9, mostra que o cenário é delicado na capital acreana. Dos 60 leitos disponíveis em Rio Branco, 59 estão ocupados. Sendo que dos 50 leitos de Unidade Tratamento Intensivo (UTI) destinados à Covid-19 no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia no Acre (Into), unidade referência para atendimentos, todos estão ocupados. Na segunda, eram 58 leitos de UTI ocupados na capital.

Outro dado alarmante é em relação aos leitos clínicos, dos 100 disponíveis no Into, 88 estão ocupados. No Pronto-Socorro, a situação é preocupante. Dos 10 leitos disponíveis, nove estão ocupados e ainda tem quatro internados em leitos clínicos. Na segunda-feira, 08, os 10 leitos de UTI estavam ocupados, mas devido a morte de um paciente, o número de leitos voltou para nove, ou seja, com a soma de pacientes internados em leitos clínicos do Into mais com do Pronto-Socorro, em Rio Branco há somente um leito de UTI vago para 92 pacientes.

Segundo dados do boletim, foram identificados 253 pacientes internados nos estabelecimentos monitorados, dos quais 249 com teste positivo para Covid-19. Do total hospitalizado, 76 estão em UTI e 177 em leitos (clínicos, obstétricos e pediátricos).

Já na região do Juruá, que engloba Cruzeiro do Sul, Tarauacá e Marechal Thaumaturgo, dos 20 leitos de UTI existentes, 17 estão ocupados, registrando 85% de ocupação. Os leitos clínicos somam 104 e 90 estão ocupados, registrando 86,5% de ocupação.

Já regional do Alto Acre, que engloba as cidades de Brasileia e Epitaciolândia, oito estão ocupados, num total de 18 leitos disponíveis. A regional do Alto Acre é a única que não tem leitos de UTI para a Covid-19.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas