Conecte-se agora

Esposa do Coronel Ulysses é acusada de furar fila da vacina

Publicado

em

A empresária Dayanna Menezes, esposa do Coronel da PM Ulysses Araújo se envolveu em uma polêmica ao publicar uma foto onde está sendo vacinada contra a Covid-19. Acontece que Dayanna está sendo acusada de furar a fila, já que não estaria enquadrada nos grupos prioritários.

Em sua defesa, a mulher do ex-comandante da PM acreana alegou que estudante de psicologia em uma universidade particular da capital acreana e é estagiária na Policlínica da PM.

Ocorre que de acordo com os critérios de vacinação nestas primeiras etapas, as doses de vacina são destinadas aos profissionais que estão na linha de frente da pandemia.

A médica Fátima Ferreira Borges que trabalha no Hospital Santa Juliana cobrou o governador Gladson Cameli e o prefeito Tião Bocalom. “Cadê a vacina para os profissionais de saúde? Faço parte do grupo de risco, atendo no hospital Santa Juliana e não fui vacinada, enquanto outras pessoas que não são profissionais da saúde já receberam a vacina”, disse.

Veja a postagem:

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas