Menu

Prefeitura de Cruzeiro do Sul leva donativos para famílias desabrigadas no Rio Juruá Mirim

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O prefeito de Cruzeiro do Sul, Zequinha Lima, esteve nessa quarta-feira, 6, no Rio Juruá Mirim, um dos afluentes do Juruá, onde várias casas foram arrastadas pela força das águas, desabrigando as famílias.


A situação na Comunidade Empatia, a última do Rio, é desoladora. Casas inteiras foram arrastadas pela força das águas, como a de dona Graça, que conta que por volta de meia-noite a residência foi levada. ” Começou a chover 5 da tarde, aí fomos para casa do meu filho que é mais alta. Meia-noite nós ouvimos o barulho da casa sendo quebrada e levada. Foi triste”, relata ela .

Publicidade

Várias residências foram “escoradas” pelos moradores depois que a água baixou. A escola da localidade também foi atingida, mas não foi arrastada pelas águas . A prefeitura já enviou 170 cestas básicas para as famílias do Juruá Mirim e equipes cadastraram as pessoas, que receberão atendimento médico no local.


“Fiz questão de vir pessoalmente constatar a situação das famílias e garantir o que for necessário”, cita o prefeito, que estava acompanhado do chefe da Defesa Civil , Francisco Lima e secretários de Saúde, Agnaldo Lima e de Ação Social, Delcimar Leite.


Em Cruzeiro do Sul, onde o Rio Juruá apresenta vazante, a prefeitura está de sobreaviso. Em caso de necessidade, vai alugar 40 imóveis para abrigar famílias alagadas. Uma UBS flutuante, atracada no Bairro Miritizal, atende os moradores da própria localidade e Boca do Môa e Remanso, onde as unidades de saúde foram alcançadas pelas águas do Rio Juruá.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido