Conecte-se agora

Toda moeda tem dois lados

Publicado

em

NÃO VOU ENTRAR no mérito da grave acusação da prefeita Socorro Neri (PSB), ontem no debate da OAB-AC, de que figuras emblemáticas do PT, como Jorge Viana e Cesário Braga, entraram em rota de colisão com ela, por não ter aberto a porteira da prefeitura para projetos financeiros nada republicanos dos petistas. Imagino que foi o externar de um sentimento represado de quem vem sendo acusada sistematicamente de ter um perfil de “traidora.” Analiso sempre pelo lado político. O jurídico deixo para os tribunais. Pelo lado político, foi um desabafo feito pela emoção de fim de campanha. Os bajuladores podem estar lhe dizendo que foi perfeita na sua acusação. Mas, politicamente, tem um outro lado da moeda que deve ser analisado. Com a acusação, ela quebrou a ponte para um possível apoio à sua candidatura caso chegue ao segundo turno, de setores não radicais do PT. E na política, não se quebra pontes. Antes de uma declaração pesada como a que foi feita deve se analisar o que resultará em ganhos e perdas, principalmente, para quem disputa um cargo majoritário. Mas, como vejo sempre uma eleição pelo lado de que tem de se esmiuçar o perfil de quem é candidato, vi o debate da OAB-AC como natural. Volto a bisar no BLOG: a disputa não é para saber quem será o Coroinha do Padre Mássimo. Quem não quer se molhar, não entra na chuva. E cada um é responsável pelo que diz.

CHAPA QUENTE

A DECLARAÇÃO da Socorro vai acabar nos tribunais. O ex-senador Jorge Viana (PT) mandou postagem ao BLOG de que, vai lhe acionar por calúnia e difamação, e terá de provar as acusações na justiça. A chapa esquentou no fim da campanha.

MUDANDO DE PROSA

CONVERSEI ontem com quatro dirigentes partidários, que estão direto na campanha para a PMRB. E todos unânimes: a única garantia é que o candidato Bocalom estará no segundo turno.

NÃO MERECIA

OBSERVAÇÃO de quem antes da pandemia todo dia estava nas sessões da ALEAC. Ninguém foi mais leal aos projetos do governo que a ex-deputada Juliana Rodrigues. Não foi leal a demissão do filho Diego Rodrigues do PROCON.

MUITO BEM CONDUZIDO

SOBRE O DEBATE DE ONTEM da OAB-AC, primeiro, deve-se dizer que foi muito bem conduzido pelo apresentador. E que foi uma colaboração com a democracia. Mas não terá influência eleitoral.

NÃO CHEGA AOS GROTÕES

O DEBATE é positivo para se se medir o conhecimento dos candidatos. Mas não é balizador de influência na campanha. Quem elege é o povo dos grotões, os colonos, que não assistem.

CARAS MANJADAS

RIO BRANCO é terra de muro baixo na política, todo mundo sabe quem está do lado de quem numa campanha. Os comentários dos internautas no decorrer do debate foram só de caras manjadas e cabos-eleitorais ligados aos partidos. Do povão, zero.

ESCORREGOU NA MAIONESE

O CANDIDATO MINORU KINPARA (PSDB), sempre centrado, escorregou na maionese, quando pediu explicações sobre um possível apoio do PT ao candidato Bocalom no segundo turno. Primeiro, reconheceu que Bocalom disparou. E depois, ele foi presidente do PT e Reitor da UFAC, devido o apoio do PT. Foi como cuspir no prato que comeu. A emoção é perigosa.

GUILHOTINA VERDE

A SAÍDA do advogado Diego Rodrigues do PROCON não foi a pedido, foi demissão mesmo. E o comentário corrente é que, o governo atendeu a um pedido do deputado Pedro Longo (PV).

VENENO COMUNISTA

FONTE NÃO SE REVELA. Um dirigente comunista disse ontem ao BLOG de que, os dirigentes do PT não podem reclamar da  Socorro Neri, porque foram os “irmãos Vianas” que chancelaram a inclusão do seu nome de vice na chapa do Marcus Alexandre.

NADA TERIA ACONTECIDO

O DIRIGENTE do PCdoB comentou ainda que, se o professor Márcio Batista (PCdoB) fosse o vice da chapa, ele seria hoje o prefeito, e estaria de corpo e alma na campanha do Zen (PT).

NA PF

O VICE-GOVERNADOR Major Rocha comentou ontem que já esteve na PF, e vai voltar com provas contra duas figuras políticas que estariam prometendo empregos em troca de votos. Vixe!

MEDIDA PALIATIVA

O ACORDO entre o MP e os dirigentes partidários para diminuir atividades que gerem aglomerações na campanha foi positivo, por causada pandemia da Covid-19. Mas não tem amplitude, porque a população a maioria não usa máscara e é risco diário.

PALANQUE DA DIREITA

O SENADOR MÁRCIO BITTAR (MDB) trabalha para montar um palanque que não tenha nenhum partido de esquerda para as eleições de 2022. Bittar se diz ser mais direita que o Bolsonaro. 

POUCO LEMBRADO

FALA-SE muito na disparada da candidatura do Tião Bocalom (PP), na reta final da campanha; mas quase não se fala, mas tem de ser registrado que, muito do sucesso se deve à coordenação do professor Coelho. Não é fácil coordenar campanha majoritária.

CAMPANHA PESADA

QUE VAI SE ELEGER, não tenho dúvida; e também que, a vereadora Lene Petecão (PSD) deverá estar entre as candidatas a vereadora de Rio Branco no grupo dos mais votados.

NOME NO MDB

QUEM também está com um bom volume de campanha para vereador é o líder comunitário Oséias Silva (MDB), que é um rapaz preparado e se eleito, pode fazer bom trabalho na Câmara.

MULHERES

Naluy (PCdoB), Aryany Cadaxo (PSDB), Elzinha (PSB), Michele Melo (PSB), Gabriela Câmara (PL), Branca Mesquita (MDB), Bruna Delilo (PSB), Talita Mendonça(PTB), Wilyanne Derze (MDB), Joelma Dantas(MDB), Júlia Feitosa (PT), Protetora Maura Akino (REPUBLICANOS), Raissa Moreira (PSB), Rose Lima (PSDB), Roe Scalabrin (PT), são algumas das mulheres candidatas a vereadoras de Rio Branco. 

FRASE MARCANTE

“É MELHOR fazer a coisa mais insignificante do mundo do que perder meia hora”. Goethe

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.