Conecte-se agora

Sábado tem 159 novos casos e mais uma morte por Covid-19

Publicado

em

O final de semana tem neste sábado, 5, cerca de 159 novas pessoas infectadas com a Covid-19. O boletim foi divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde e faz com o que o número total de contaminados passe de 25.249 para 25.408, nas últimas 24 horas.

Mais 1 morte foi registrada, sendo um homem de 91 anos, fazendo com que o total de óbitos suba para 624 em todo o estado.

Anúncios

Destaque 3

Mega-Sena, concurso 2.337: única aposta de Fortaleza (CE) ganha prêmio de R$ 22 milhões

Publicado

em

Uma única aposta – de Fortaleza (CE) – levou o prêmio de R$ 21.898.260,37 do concurso 2.337 da Mega Sena, que teve suas dezenas sorteadas neste sábado (23) em São Paulo.

O próximo sorteio acontece na quarta-feira (27) e o prêmio estimado é de R$ 2 milhões.

Veja as dezenas sorteadas: 02 – 09 – 34 – 49 – 51 – 55.

A quina teve 84 apostas ganhadoras, cada uma leva R$ 35.529,81
A quadra teve 4.321 apostas ganhadoras, cada uma leva R$ 986,71

Para apostar na Mega-Sena
As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal – acessível por celular, computador ou outros dispositivos. É necessário fazer um cadastro, ser maior de idade (18 anos ou mais) e preencher o número do cartão de crédito.

Probabilidades
A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 4,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Continuar lendo

Destaque 2

Com fortes chuvas, nível do Rio Acre aumenta quase 2 em metros em apenas 24 horas

Publicado

em

De acordo com a Defesa Civil de Rio Branco, choveu na região da capital acreana apenas nas últimas 24 horas cerca de 74 milímetros. Desde a última sexta-feira, 22, que a chuva não dá trégua em Rio Branco. Com isso, o nível do Rio Acre voltou a subir de forma muito rápida.

Nos últimos cinco dias, o nível do manancial esteve em queda. Da última terça-feira, 19, quando chegou a 11,88 metros, o Rio Acre chegou a 8,96 na manhã de sábado, 23. Com o acumulado de chuvas de quase 100 milímetros nos últimos dois dias, a medição realizada às 6 horas da manhã deste domingo, 24, mostra o nível do Rio Acre com 10,80 metros. São quase dois metros de aumento em apenas 24 horas.

Apesar de ainda estar distante da cota de alerta, que é de 13,50 metros na capital acreana, a tendência de chuvas para os próximos dias preocupa a Defesa Civil e, principalmente, a população dos bairros que tradicionalmente sofrem com a enchente do Rio Acre.

“Estamos monitorando esse aumento que já era esperado pela quantidade de chuvas das últimas 48 horas. A tendência é de aumento do nível para os próximos dias, já que vem muita chuva por aí. Esperamos não precisar, mas em caso de enchente estamos prontos para agir e garantir o atendimento à população”, afirma Major Falcão, coordenador da Defesa Civil de Rio Branco.

Continuar lendo

Blog do Crica

Melhor do que virar Manaus

Publicado

em

ENTRA EM VIGOR, a partir de amanhã, o decreto do governador Gladson Cameli – foto – determinando o “Toque de Recolher” em Rio Branco das 22 horas ás 6 horas. Espera-se que, seja cumprido para valer. Aqui, na vizinha Cobija-Bolívia, quem é flagrado sem máscara na rua é obrigado a cumprir por três horas serviço comunitário, como varrer praças. Fosse por estas bandas, os negacionistas da ciência iam babar de ódio. Como babaram, quando a capital passou pelo período vermelho e as atividades não essenciais foram fechadas. O mundo quase desaba. O que se espera agora é que este “Toque de Recolher,” não fique apenas num mero protocolo de intenções, mas que o governo adote medidas de fiscalização para ver se está sendo cumprido. Ou cumpre o que estiver escrito, ou é melhor então nem escrever.  

MANTEIGA EM FOCINHO DE GATO
Nada a comemorar efusivamente com a chegado de dois milhões de doses da vacina da Oxford. Para o Acre, é prevista a remessa de apenas 5. 500 doses. Motivo para comemorar se teria se a China tivesse liberado os insumos para a fabricação da CORONAVAC em massa no BUTANTAN. Sem isso, é escola de samba sem batucada.

SENTADA EM CIMA
COMO resultado do governo federal ter passado bom tempo desmoralizando o governo chinês, avacalhando sua vacina, os chineses se deram ao direito de endurecer.

FICA UM HIAT
ENQUANTO A China não liberar os insumos para a fabricação de novas doses, ficará este hiato de falta de vacinas. E, todos se precavendo para não pegar o Covid.

 NÃO PODE SE COBRAR
MAS, não pode se cobrar nada do governador Gladson Cameli, pelo contrário, foi um lutador a favor da ciência e contra os negacionistas. Não depende dele a vinda de novas remessas de vacinas para o Acre. Resta só esperar.

QUEBROU UM PARADIGMA
A carreata de ontem contra o Bolsonaro e pela vacinação quebrou o paradigma de que a esquerda só juntava meia dúzia de pessoas em protestos na capital, foi uma carreata bem representativa, plural, com muitos carros.

DIREITO DO CONTRADITÓRIO
FALA-SE em democracia, mas não se sabe respeitar o direito do outro de ter uma opinião política diferente. O direito ao contraditório é sagrado na democracia. Gostar ou não gostar ou não das ações do Bolsonaro é ato livre.

DECLARADAMENTE CONTRA
E NÃO HÁ como esconder que, o presidente Bolsonaro é contra a vacinação com a Coronavac. Entre dezenas de frases ditas, teve esta última, de que, ele não confia na eficácia.

NÃO SE INVENTA NADA
RESPEITO o direito de qualquer um dizer que o Covid se cura com Ivermectina, Cloroquina, com Melhoral, mas isso jamais me afastará de somar sempre com a ciência.

NÃO DISCUTO COM EXTREMISTA
TENHO POR PRINCÍPIO não discutir com extremistas, sejam eles de esquerda da seita petista do Lula, seja com as da extrema direita da seita bolsonarista. Todo extremista é cego por uma convicção política messiânica.

INVESTINDO ALTO
PARECE QUE VIROU moda novamente a invasão de residências e roubos de caminhonetes. As três Hilux roubadas da SEPA, até hoje não foram encontradas.

NÃO SERÁ COMO ANTES
AS RELAÇÕES entre o governador Gladson e seu vice Rocha podem até terem sido amainadas, mas nunca voltará a confiança da relação que tinham na campanha.

VACINA CONTRA A MALANDRAGEM
O FIM das coligações proporcionais foi como uma vacina contra a malandragem na política. Acabou a farra de presidentes de partidos nanicos colocar em leilão o apoio e o tempo de televisão das siglas que comandavam.

O JOGO AGORA É OUTRO
NA ELEIÇÃO para deputado federal e deputado estadual na eleição do próximo ano, cada partido terá de ter chapa própria. Será a hora de saber quem tem o café no bule.

CONHECIAM A COR DA CHITA
NENHUM dos novos prefeitos, tem o direito de ficar lamentando o espólio da gestão anterior. Na campanha, os eleitos tinham o remédio para todos os problemas.

MEIA BOCA
QUALQUER MEDIDA para conter o avanço da pandemia do Covid-19, como o “Toque de Recolher”, a ser decretado pelo governador Gladson a partir de amanhã, merece apoio. Não deu para entender não ter sido proibida a circulação no horário estipulado. Ficou meia boca.

TATEANDO NO ESCURO
SEM A PREVISÃO de chegada de novos lotes de vacinas, o estado vai ter que ficar tateando no escuro, criando mecanismos para evitar a proliferação maior do Covid.

EVITAR O EXEMPLO MANAUS
BRASILÉIA, já entrou em colapso hospitalar no combate ao COVID. Em Manaus, não foram tomadas medidas duras pelo governo, e se chegou aonde todo mundo sabe.

PLUS A MAIS
O DEPUTADO FEDERAL Jesus Sérgio (PDT), um parlamentar apenas razoável no seu mandato, na reeleição do próximo ano terá um plus ao seu favor, a sua mulher; a mística Néia, se elegeu a prefeita de Tarauacá.

BAQUE NA ESQUERDA
FALANDO em Tarauacá, a esquerda – leia-se PT-PCdoB-PSB – partidos que comandaram a prefeitura por longos anos, nesta eleição foram varridos do mapa do poder.

DESERDADOS
PETISTAS, pessebistas, e comunistas, foram também deserdados pelas urnas no município do Jordão, uma espécie de feudo, que dominavam com a mão de ferro.

O BURACO ERA MAIS EMBAIXO
O MOTE para brecar o PCdoB na coligação que apoiava a ex-prefeita Socorro Neri a mais um mandato era que, os comunistas tirariam votos. Foram expurgados. E, nem assim a Socorro se reelegeu. O buraco era mais embaixo.

FATO DESGASTANTE
MAS, foi um fato altamente desgastante para o PCdoB, que teve que, como o filho pródigo, voltar e bater na porta do PT para pedir guarida. Foi o dia negro dos vermelhos.

AINDA BEM
AINDA bem que no estado não foi registrado nenhum caso de alguém furar a fila para tomar a vacina. O que é um alento, pelo pequeno número que chegou.

FRASE MARCANTE
“Há duas espécies de tolos: os que não duvidam de nada e os que duvidam de tudo.” Príncipe de Ligne.

Continuar lendo

Na rede

Prefeito de Rodrigues Alves reúne equipe para alinhar planejamento e ações para 2021

Publicado

em

O prefeito de Rodrigues Alves, Jailson Amorim (PROS), se reuniu nesta sexta-feira, 22, na Escola Cunha Vasconcelos com todos os secretários, coordenadores e diretores dos departamentos da Prefeitura para alinhar as ações que serão executadas em 2021. 

O Chefe do Executivo Municipal destacou que a reunião teve o principal objetivo otimizar recursos e equipes. “O nosso grande objetivo é trabalhar de forma organizada para que o nosso povo possa viver melhor aqui em Rodrigues Alves e para isso é preciso planejar para executar”, afirmou. 

O secretário de Planejamento, Hudson Chaves, destacou a necessidade de usar o planejamento como ferramenta de transformação da realidade. 

“É necessário implantar uma cultura de Planejamento, o que não é fácil já que  planejamento é algo metódico e complexo. Mas este grupo entende o quanto isso é determinante para o sucesso da administração”, concluiu. 

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas