Conecte-se agora

Republicanos vai apoiar Duarte e pré-candidatura de Jebert Nascimento é implodida

Publicado

em

O partido Republicanos no Acre, do deputado federal Manuel Marcos , deverá oficializar nesta sexta-feira, 28, às 9h, na sede do MDB, apoio a pré-candidatura do deputado estadual Roberto Duarte à Prefeitura de Rio Branco (PMRB).

A oficialização do apoio do Republicanos a Duarte, irá resultar na implosão de mais uma pré-candidatura a prefeitura de Rio Branco, já que o empresário Jebert Nascimento era candidato do partido a PMRB.

O evento contará com a presença do presidente estadual do Republicanos no Acre, deputado federal Pastor Manuel Marcos e do senador Márcio Bittar (MDB).

Jebert é integrante do RenovaBR, movimento político suprapartidário que busca implantar novas e boas práticas em todo Brasil. Ele é dono da maior empresa da área da terceirização no Acre, a JWC Multiservicos. Formado em Ciências Contábeis, Administração e Direito, com diversas pós-graduações em cada uma das respectivas áreas, ele iria disputar pela primeira vez um cargo público na corrida deste ano.

Anúncios

Acre 01

Gladson testa positivo para a Covid-19 e vai ficar pelo menos 15 dias isolado em casa

Publicado

em

O governador Gladson Cameli testou positivo para o coronavírus na tarde desta segunda-feira, 1. O exame foi realizado durante a manhã no Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) após o chefe do executivo sentir uma forte indisposição após apresentar sintomas de dor de cabeça, gripe e dor no corpo.

Com a testagem positiva, Cameli ficará afastado das agendas oficiais pelas próximas duas semanas ou até receber alta médica. Ele se encontra isolado em um quarto de sua casa recebendo acompanhamento médico. Várias reuniões que estavam marcadas para esta segunda tiveram que ser adiadas por tempo indeterminado. O ac24horas apurou que caso o governador apresente um desenvolvimento leve da Covid-19, deverá despachar remotamente de sua casa.

Nos últimos dias, Cameli vem cumprindo uma série de agendas públicas na capital, como o ato de convocação dos 325 aprovados no cadastro de reserva da Polícia Militar realizada na sexta-feira, 26, o anúncio que o antigo prédio do Bope será usado como extensão do Into para internar mais pessoas com Covid-19, e o ato que cumpriu em frente ao Palácio Rio Branco em homenagem a quase mil vítimas de Covid-19 no domingo, 28.

Continuar lendo

Acre 01

Avião não vai resolver problema, pois Acre não terá pra onde enviar pacientes, diz Comitê

Publicado

em

Durante o anúncio da nova classificação de risco da pandemia de Covid-19 no Acre, realizada na manhã desta segunda-feira, 1º de março, o médico infectologista Osvaldo Leal, atual diretor do Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into), levou ao Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19 que é necessário que a população entenda a gravidade da situação em que se encontra o Estado em relação à pandemia.

Segundo Leal, a própria rede privada de saúde está sendo sentindo os efeitos do aumento da demanda por leitos para infecção de novo coronavírus. O médico esclarece que dinheiro ou transporte aéreo neste momento já não implica na situação, uma vez que a problemática agora é por leitos vagos em todo o país.

O cenário atual é de aumento em novos casos e internações, conforme observado nos indicadores. “Estou na frente do Into há quase um mês e os pacientes estão chegando cada vez mais graves”, disse Leal. O médico Thor Dantas complementou a fala do colega: “avião não vai resolver nosso problema, porque não teremos para onde mandar pacientes. Todos os estado passam por dificuldades, inclusive São Paulo, que está com lotação máxima”.

A dificuldade em remover pacientes infectados por Covid-19 pode ser ainda mais sentida por todos os hospitais do país, alegam os profissionais, caso a sociedade não obedeça as medidas sanitária que impedem a proliferação do vírus, como o uso de máscara, o distanciamento entre pessoas e higienização das mãos.

“Avião e dinheiro para enviar pacientes não são a solução. Agora, mais pacientes jovens estão sendo acometidos por Covid-19 e casos graves e de reinfecções nestas apareceram mais nesta segunda onda. Não é possível se sentir seguro só porque é jovem, tem dinheiro ou não é do grupo d risco. Todos estão suscetíveis neste momento”, finalizara os médicos do Comitê.

Continuar lendo

Acre 01

Após quase um mês de cheia, Rio Acre sai da cota de transbordamento em Rio Branco

Publicado

em

Foto: Sérgio Vale/ac24horas.com

Quase um mês depois de deixar mais de 10 bairros atingidos pela alegação neste mês de fevereiro, o Rio Acre saiu da cota de transbordamento neste sábado (27). Confirme última medição realizada pelo Corpo de Bombeiros, por volta das 9 horas, o manancial registrava 13,84 metros. A cota de transbordamento é de 14 metros em Rio Branco.

Entretanto, o nível do Rio Acre ainda está acima da cota de alerta, que é de 13,50 metros na capital acreana. Até o momento, 78 pessoas continuam desabrigadas na cidade.

Cerca de 2.740 famílias foram atingidas pela enchente na Capital. Quase 20 mil pessoas no total foram afetadas pela cheia. Destas, 600 tiveram de ser realizadas para outros locais fora de risco.

A Defesa Civil Municipal alerta que ainda há previsões de muita chuva na capital do Acre, o que deve fazer com que o Rio Acre possa elevar novamente o nível das águas.

Continuar lendo

Acre 01

Rio Acre continua em vazante e não há novos desabrigados na Capital

Publicado

em

Nesta segunda-feira, 22, o nível do Rio Acre permanece em vazante. Na medição realizada às 6 horas da manhã, a cota era de 15,31 metros, o que significa 49 centímetros a menos do que o maior nível alcançado nesta enchente quando o Rio Acre chegou a 15,80 metros.

Em razão da subida, o número de desabrigados e desalojados não teve alteração nas últimas 24 horas. Aproximadamente 630 moradores de diversos bairros na capital acreana estão atingidos pela cheia, sendo que 68 famílias estão nos abrigos montados pela prefeitura e outras 132 foram levadas para casa de familiares.

Mesmo com a redução do nível do rio, a Defesa Civil continua trabalhando com a previsão de nova cheia. “Infelizmente ainda é essa a nossa expectativa, já que temos um volume muito grande vindo dos municípios. Em Assis Brasil o rio baixou dois metros e essa água vai chegar aqui. A boa notícia é que o Riozinho do Rola teve uma vazante de meio metro e não tivemos impacto em Rio Branco”, afirma Major Falcão da Defesa Civil Municipal.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas