Conecte-se agora

Guia reúne orientações para o retorno às escolas durante a pandemia

Publicado

em

Documento é disponibilizado gratuitamente para todos os públicos

Com a retomada parcial das aulas em alguns municípios brasileiros, professores e pais de alunos demonstram preocupação. Visando orientar na garantia do direito à educação de crianças e adolescentes durante a pandemia da covid-19, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lançou, na última semana, o guia Busca Ativa Escolar em Crises e Emergência

O documento que tem acesso liberado a todos os públicos está dividido em três seções, com orientações para potencializar a busca ativa e enfrentar a crise, e orientações para o acolhimento e o cuidado dentro das escolas, divididos por etapa escolar da educação básica

Dentre os objetivos do guia, está o de ajudar as escolas no seu planejamento de reabertura ou de readequação de ações. “Não há como definir uma data única de volta às aulas presenciais no país, que tem de ser decidida de acordo com a situação epidemiológica de cada estado e município. Mas a preparação das redes escolares para a reabertura de maneira segura deve ser prioridade absoluta em todo o país, assim como a busca ativa de quem não está conseguindo aprender com as escolas fechadas”, afirmou a representante do Unicef no Brasil, Florence Bauer, à Agência Brasil.

*Com informações da Agência Brasil 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil.

 

Anúncios

Destaque 3

Quase 200 alunos de medicina continuam na linha de frente sem vacina contra a Covid-19

Publicado

em

Estudantes de medicina cobram a aplicação das doses de vacina contra a Covid-19 e alertam que podem tornarem-se vetores de contaminação, em razão de estarem nas unidades de saúde em atendimento direto aos pacientes, sem a imunização assegurada pelo Ministério da Saúde (MS).

Apesar de autorizados pelo Ministério da Saúde (MS), até o momento estudantes do curso de medicina da Universidade Federal do Acre e da Uninorte não foram contemplados com a dose do imunizante.

Segundo informações repassadas ao ac24horas pelos representantes das turmas XVI e XVII da Universidade Federal do Acre (Ufac), são 62 internos/estudantes que estão atuando na linha de combate à pandemia em Rio Branco (AC) e outros 101 pela Uninorte. Destes,  26 estão concluindo o curso no meio deste ano.  No total, são 163 alunos trabalhando na linha de frente.

Muitos deles atuam no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e Emergência, Hospital das Clínicas, Maternidade, Policlínica do Tucumã, Unidade de Pronto Atendimento da Sobral, Pronto Socorro e Unidades de Saúde da Família (USFs), sem vacinação garantida.

“A turma XVI está desde 1º de outubro e a XVII está desde o dia 28 de dezembro nas unidades desempenhando papel fundamental no combate à pandemia.  Entendemos a gravidade da situação que acomete não só o Estado do Acre, mas todo o Brasil nesse momento, porém estamos nos campos de prática e além de nos colocarmos em risco, nos tornamos vetores de contágio em razão de não estarmos vacinados”, afirmou uma representante da XVI da Ufac, que não quis se identificar por medo de represálias.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, alunos de medicina da Uninorte reivindicaram a vacinação contra à Covid-19 e relembraram que a descrição do Programa Nacional de Vacinação, inclui a vacinação de todos os acadêmicos de medicina em estágio curricular obrigatório.

“Os estagiários que estão terminando seus cursos estão no PNI, mas foram retirados pelo Estado do Plano de Vacinação. Os internos estão prestando atendimento e ajudando a combater a Covid-19. Retirar esse direito é condenar a todos. Em outros estados, todos já receberam a vacina”, reclamam.

Continuar lendo

Cotidiano

Empresas de panificação doam pães para famílias que estão nos abrigos 

Publicado

em

Iniciativa faz parte da campanha que reúne FIEAC, Sindpan e demais sindicatos industriais em prol de famílias atingidas pelas enchentes  

Empresas de panificação, por meio do Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria do Estado do Acre (Sindpan) e FIEAC, entregaram pães na tarde desta terça-feira, 2 de março, à prefeitura de Rio Branco. Os produtos serão destinados às famílias que tiveram que deixar suas casas em virtude da alagação e que estão em abrigos públicos. 

De acordo com o presidente do Sindpan, Abrahão Felício, a mobilização faz parte da campanha Indústria Solidária SOS Enchentes. “Nós realizamos iniciativas sociais todos os anos e essa ação foi um pedido do presidente da FIEAC, José Adriano, que atendemos de imediato. É nossa obrigação ajudar neste momento tão difícil que o Acre vive. Somos muito gratos a todas as panificadoras que ajudaram e foram solidárias”, destacou o empresário. 

Representando o prefeito Tião Bocalom, o chefe da Casa Civil Municipal, Artur Neto, afirmou que a doação será muito importante para auxiliar na alimentação das quase 70 famílias que estão em abrigos públicos na capital.  “Em meio a tantas situações difíceis que ocorrem ao mesmo tempo, como dengue, pandemia e alagação, a solidariedade e apoio de instituições como o Sindpan e a FIEAC nos fortalecem e nos dão condições de enfrentar e superar tantas adversidades. O nosso sentimento é de total gratidão”, salientou Neto. 

Também participaram do ato de entrega o presidente da FIEAC, José Adriano, o assessor especial da prefeitura, Valtinho José da Silva, o presidente do Sindmóveis, Augusto Nepomucena, além de outros representantes da FIEAC. Contribuíram com doação as seguintes indústrias de panificação: Chalé do Trigo, Rosamélia, Ricca Massas Pães, Pertutti, Nossa Sra. do Rosário, Acrepan, Primícias e Boa Vista.

Continuar lendo

Acre

Deputado Alan Rick também testa positivo para a Covid-19

Publicado

em

O deputado federal Alan Rick (DEM), que participou da entrevista coletiva do presidente Jair Bolsonaro no Acre na semana passada, dia 25, no Aeroporto Internacional de Rio Branco, testou positivo para Covid-19. A confirmação foi dada pelo próprio parlamentar em suas redes sociais.

“Meus amigos, testei positivo para a covid-19. Já estou em isolamento e fazendo uso da medicação prescrita e tomando todos os cuidados para que a gente possa voltar o mais rápido possível a vida normal e as atividades presenciais”, disse o deputado, reforçando que no sábado, 27, este com o governador Gladson Cameli, também positivo para covid-19, cumprindo agenda no município de Acrelândia.

Ao ac24horas, o parlamentar afirmou que sua contaminação não tem nada a ver com Bolsonaro. “Logo que voltei de Acrelândia onde assinei junto com o governador a ordem de serviço da reforma e ampliação do hospital do município que é fruto de emenda individual minha. Não tem nada a ver com o Bolsonaro não. A gente anda muito. Visitei casas atingidas pela alagação, fui levar ajuda. A gente está sempre exposto”, disse Rick ao informar que começou a sentir os sintomas da doença no sábado.

Continuar lendo

Destaque 6

Jorge Viana deseja melhoras a Gladson: “união, respeito e fé”

Publicado

em

O ex-senador Jorge Viana (PT) usou as redes sociais nesta terça-feira, 02, para desejar melhoras ao governador Gladson Cameli (Progressistas) que testou positivo para a Covid-19 na segunda-feira (1º).

O petista aproveitou para ressaltar que o Brasil necessita de mais vacinas contra o coronavírus. “Nós precisamos de vacinas, de todos os cuidados e de toda solidariedade. Passei por essa doença e peço a Deus a mesma bênção da cura e da superação para o governador Gladson Cameli e para todos os acreanos e brasileiros que enfrentam a Covid-19 neste momento. União, respeito e fé. Deus é por nós!”, afirmou.

Depois de testar positivo para infecção do novo coronavírus, o governador Gladson Cameli emitiu um comunicado destacando que está sem sintomas graves da Covid-19. Além disso, garantiu que seguirá despachando serviços palacianos de sua própria casa, de maneira remota.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas