Conecte-se agora

Número de pessoas infectadas por Covid-19 passa dos 14 mil e mortes vão a 378

Publicado

em

Os casos da Covid-19 continuam subindo no Acre. Os dois primeiros dias do mês de julho são de alta no número de pessoas confirmadas com o diagnóstico. Depois de na quarta, o Acre ter alcançado a terceira maior marca desde o início da pandemia, o boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) informa que também foi elevado o número de novos casos nesta quinta-feira, 2.

Foram registrados nas últimas 24 horas, 333 novos casos, o que faz com o que o total de pessoas infectadas no Acre chegue a 14.048.

As mortes confirmadas nesta quinta também foram acima da média. Ao todo, 8 novos óbitos têm a doença com causa. O número total e oficial de mortes passa de 370 para 378. São 5 pessoas do sexo masculino e 3 do sexo feminino, com idades entre 33 e 90 anos. 5 são de Rio Branco, 1 de Cruzeiro do Sul, 1 de Tarauacá e 1 de Porto Acre.

Anúncios

Acre

Empresário de eventos é internado em decorrência da Covid-19

Publicado

em

Nesta terça-feira, 26, o empresário Amilton Brito, da Pop Show Eventos, foi internado em decorrência da Covid-19. A notícia foi compartilhada pela secretária de Empreendedorismo e Turismo, Eliane Sinhasique, que é chefe de Brito na pasta.

Segundo Eliane, o quadro de Brito é estável, mas preocupante em decorrência dele ter comorbidades e integrar o grupo de risco da Covid-19. Ela pediu orações para o colega.

“Hoje meu amigo, meu irmão de coração, meu braço direito, Amilton Batista Brito Brito, foi internado com Covid-19. Ele já passou pelos procedimentos necessários e iniciais e estamos aguardando que a medicação faça efeito. No caso dele, nossa preocupação é maior porque tem diabetes e pressão alta e os exames mostraram um quadro nada favorável. Acredito em Deus e confio nos médicos e na medicina para que ele se recupere o quanto antes! Força Brito! Você vai sair dessa!”, escreveu Eliane.

Continuar lendo

Cotidiano

Em Xapuri, Saúde diz que Ministério não fornece inseticida suficiente para “Fumacê”

Publicado

em

Uma nota divulgada nesta terça-feira, 26, pela Divisão de Vigilância em Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde de Xapuri (Semusa), afirma que não está utilizando o carro-fumacê em razão do desabastecimento do inseticida usado para esse fim.

O município vem enfrentando um surto de dengue desde o começo do ano, a exemplo de outros municípios acreanos, e a população tem cobrado da saúde municipal ações mais efetivas de combate à proliferação do mosquito Aedes Aegypti.

O diretor de Ações Básicas em Saúde de Xapuri, enfermeiro Francisco Andrade, disse que o inseticida não está sendo fornecido em quantidade suficiente pelo Ministério da Saúde. Segundo ele, o município não consegue comprar o produto com recursos próprios.

De acordo com o comunicado da Vigilância Epidemiológica, está sendo realizado um trabalho de conscientização da população em diversos veículos de comunicação e mídias sociais. Para os próximos dias, estão previstos mutirões de limpeza em bairros.

A Secretaria Municipal de Saúde ainda não divulgou dados sobre a dengue neste começo de ano em Xapuri, mas, de acordo com Francisco Andrade, um boletim epidemiológico semanal passará a ser emitido a partir da próxima sexta-feira, 29.

Continuar lendo

Acre 01

Após Natal e Réveillon, Acre registrou mais de 6 mil casos e 76 mortes por Covid-19

Publicado

em

Pouco mais de um mês após o período natalino comemorado em meio à pandemia do novo coronavírus em 2020, o Acre chegou 46. 774 pessoas contaminadas pelo vírus nos 22 municípios. De 25 de dezembro de 2020 até este dia 26 de janeiro de 2021, foram 6.051 novos infectados com a Covid-19 no Estado. Nesse período, foram confirmadas 76 mortes em decorrência de complicações da doença.

Há cerca de um mês, era 40.723 casos positivos confirmados pela secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) e 780 óbitos registrado. Atualmente, o número de mortes está em 856. Um total de 76 mortes desde as últimas festas de final de ano. À época, profissionais da saúde, o Comitê Especial de Acompanhamento da pandemia no Acre e o próprio governador Gladson Cameli vieram a público pedir que a população não se reunisse para comemorar o Natal ou Réveillon.

A intenção era reduzir as possibilidades de se ter uma explosão de novos casos ou até mesmo mortes por conta da doença. Festas clandestinas e aglomerações em bares foram fiscalizadas por órgãos fiscalizadores que atuam em parceria com o Estado. Cruzeiro do Sul é a cidade acreana que mais tem sofrido com o desrespeito às regras sanitárias de precauções à contaminação da Covid-19.

A cidade, que chegou a zerar o número de pacientes graves na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital de Campanha do Juruá em meados de outubro do ano passado, viu o alastramento do vírus nas últimas semanas provocar preocupações a ponto de o governo pedir fechamento da fronteira do Acre.

Profissionais de saúde em Cruzeiro do Sul temem um verdadeiro colapso por conta da pandemia. Nas últimas 24 horas, o Acre teve 235 novos casos de Covid-19 e mais 2 mortes. Até o momento, o Acre registra 132.176 notificações de contaminação pela doença, sendo que 84.482 casos foram descartados e 920 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 39.403 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 164 pessoas seguem internadas.

Continuar lendo

Cidades

Em Brasiléia, professora aposentada morre por complicações de dengue

Publicado

em

Risomar Ferreira Feitosa, servidora aposentada da Educação, faleceu nesta terça-feira, 26, por complicações da dengue, de acordo com nota divulgada pela prefeitura de Brasiléia. Ela trabalhou por vários anos na tradicional escola Getúlio Vargas.

Mesmo aposentada, Risomar trabalhava alfabetizando várias crianças do município por meio de aulas particulares. A prefeitura cita a professora como uma mulher íntegra, honesta e muito querida em Brasiléia e Epitaciolândia.

Na nota, a prefeita Fernanda Hassem e o vice-prefeito Carlinhos do Pelado manifestaram pesar pela morte da educadora e prestaram condolências aos filhos Vânia, Rosicléia, Anny, Carlos Filho e Bruna Alice (neta que ela criou como filha).

Desde o início do ano, os municípios da regional do Alto Acre vêm enfrentando um surto de dengue que somado à crise já instalada pelo novo coronavírus tornou caótico o atendimento no Hospital Regional de Brasiléia, que atende a quatro municípios.

No último domingo, 24, Brasiléia havia registrado a morte do ex-vice-prefeito e ex-vereador Creumar Monteiro Pontes Filho, vítima de infarto seguido de AVC. Ele também havia ocupado outros cargos na administração pública municipal.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas