Conecte-se agora

Grávida dá à luz em casa após SAMU não atender a chamado

Publicado

em

Uma guarnição da Polícia Militar de Brasiléia socorreu uma mulher que acabara de dar à luz em casa, no bairro Leonardo Barbosa, na manhã deste domingo, 21, depois de uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) supostamente não ter atendido ao chamado, segundo informações apuradas até o momento pelo ac24horas.

Um vídeo feito por uma das pessoas que testemunharam o nascimento do bebê – um menino que veio à luz aparentemente saudável – mostra um policial militar fazendo os procedimentos para cortar o cordão umbilical momentos após o parto, com a mulher de joelhos e o recém-nascido no chão. As imagens são, ao mesmo tempo, dramáticas e emocionantes.

A major Ana Cássia, comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar do Acre, sediado naquele município, afirmou que a criança já havia nascido quando os policiais militares chegaram ao local. “Quando chegaram, o bebê estava fora, a expulsão do feto já havia acontecido”, explicou a militar.

Ainda segundo a comandante do Batalhão do Alto Acre, após o inusitado atendimento mãe e filho foram entregues no hospital regional de Brasiléia nas melhores condições que a situação possibilitou. “Mas no caso em tela só um profissional de saúde pode confirmar a situação da mãe e filho”, concluiu.

No meio do vídeo, ouve-se claramente quando a mãe da criança, uma indígena da etnia Jaminawa, diz: “faz horas que nós já estávamos chamando a ambulância, mas ninguém veio”. A afirmação dela é reforçada por outra mulher que não aparece na gravação.

Procurado, o coordenador estadual do Samu, o médico Pedro Pascoal afirmou ter tomado conhecimento do caso pela reportagem. Segundo ele, a única razão pela qual o chamado da grávida poderia não ser atendido seria a ausência da única ambulância disponível no município, que havia se deslocado na manhã do domingo com um paciente grave para Rio Branco. Como não conseguiu falar com a direção do hospital de Brasiléia, ele disse não poder confirmar se o serviço de urgência realmente foi chamado pelo número 192.

A reportagem do ac24horas conseguiu falar com o enfermeiro Janildo Moraes Bezerra, diretor do Hospital Regional do Alto Acre, que também não soube informar se o chamado da ocorrência com a mulher foi recebido pela equipe do Samu. Ele disse que os dois municípios estão sendo atendidos, no momento, por apenas uma ambulância.

“Temos duas bases, uma em Brasiléia e outra em Epitaciolândia, mas só estamos com a ambulância de Epitaciolândia. A ambulância de Brasiléia está para manutenção. E fim de semana quem atende o chamado é a própria equipe, uma vez que quando eles se deslocam não fica ninguém para atender o telefone”, afirmou o enfermeiro.

Depois de ouvir vários lados envolvidos na história, a reportagem não conseguiu esclarecer a principal questão: se o chamado não foi atendido porque a ligação não foi recebida ou se o telefonema foi recebido, mas o chamado não foi atendido porque não havia ambulância disponível.

O ac24horas não conseguiu falar com nenhum familiar da mãe da criança, nem com nenhum dos funcionários do Samu de Epitaciolândia que estão de plantão neste domingo. O site continua à disposição para qualquer esclarecimento adicional.

Veja o vídeo:

Acre

Roberto Duarte lê pedido de socorro dos moradores de Xapuri

Publicado

em

O deputado Roberto Duarte (Republicanos) usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac) nesta terça-feira 9, para denunciar a situação de abandono do município de Xapuri.

Na ocasião, o parlamentar leu uma carta aberta feita pela população. A principal queixa dos moradores é o abandono do Hospital Epaminondas Jácome. Após a visita do deputado Roberto Duarte, o governo começou uma reforma no local, mas não continuou com a obra.

“Uma suposta reforma se iniciou na recepção da unidade após a visita do deputado Roberto Duarte, pois ele fez vários vídeos mostrando a real situação do local e isso gerou uma grande repercussão nas redes sociais, porém passaram-se quase três semanas e a única mudança percebida foram as lajotas do piso que foram trocadas”, diz a carta.

As paredes da instituição continuam mofadas e sem tinta, as maçanetas das portas quebradas. Ainda há falta de insumos e medicamentos. Além disso, o Hospital está sem água para o consumo dos servidores e pacientes.

“Os moradores de Xapuri me procuraram para tornar público esse pedido de socorro, para que todos tenham conhecimento dessa situação de total abandono na saúde do município. Vamos seguir cobrando o governo, não adianta trazer apenas pequeno reparos, é necessário fornecer insumos e reformas para um bom atendimento para os pacientes e boas condições de trabalho”, cobrou o deputado.

Continuar lendo

Acre

Longo critica rodeio da ExpoAcre que usou fogos com estampido

Publicado

em

O deputado Pedro Longo aproveitou seu discurso na tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), nesta terça-feira (9), para falar sobre o sucesso que foi a última edição da ExpoAcre, realizada entre os dias 30 de julho e 7 de agosto.

“Encerramos no domingo a ExpoAcre, um evento muito bacana e de sucesso, depois de dois anos de luta intensa por conta da pandemia da covid-19. O povo do Acre teve a oportunidade de participar de uma festa que contou com a presença muito significativa de toda indústria local e expositores de diversas áreas”, destacou.

“O mais importante: essa feira resultou em negócios alavancados na ordem de R$ 130 milhões. Um dado muito positivo para a economia do Estado e o avanço do agronegócio”, continuou.

Na ocasião, o líder do Governo também protestou contra organizadores do rodeio por usarem fogos com estampido – o que vai contra a lei de sua autoria, já em vigência, que proíbe o uso dos produtos em respeito a pessoas com hipersensibilidade auditiva.

“Quero aqui fazer uma crítica aos organizadores do rodeio, que desrespeitaram a lei aprovada nesta casa – sancionada pelo governador Gladson Cameli e já regulamentada – sobre a proibição do uso de fogos com barulho em todo o território estadual. Durante o evento, esses produtos com estampido foram usados, o que configura uma impropriedade absoluta, levando em consideração a presença massiva de crianças, pessoas idosas e animais naquele local”, explicou.

Longo pede que os órgãos de fiscalização penalizem os organizadores do rodeio por desrespeitarem a lei.

“Minha nota de repúdio aos organizadores do rodeio por desrespeitarem a lei. Peço que os órgãos de fiscalização autuem todos eles e apliquem as multas para que tenham efeito didático. Tem uma legislação que deixa tudo isso muito claro. Meus parabéns aos organizadores da ExpoAcre e minha nota de repúdio aos organizadores do rodeio”, finalizou.

Continuar lendo

Acre

Dia do Cosplay é criado em Acre e será comemorado em 21 de julho

Publicado

em

Os amantes do Cosplay vão ter um dia para chamar de seu no calendário de eventos da prefeitura de Rio Branco.

O prefeito Tião Bocalom publicou sanção no Diário Oficial desta terça-feira, 9, da criação do Dia Mundial do Cosplay que vai ser comemorado a partir de agora todos os anos no dia 21 de julho.

Cosplay é a junção das palavras costume [traje, fantasia] e roleplay [brincadeira, interpretação]. O cosplay é, na verdade, um hobby que consiste em fantasiar-se de personagens, geralmente de quadrinhos, games e desenhos animados japoneses.

O autor da Lei que cria o Dia do Cosplay é do vereador Fábio Araújo (PDT).

Continuar lendo

Acre

Governo abre 80 vagas de estágio para diversas áreas no Acre

Publicado

em

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (SEPLAG) publicou nesta segunda-feira, 8, o edital n° 05/2022 para a seleção de 80 estagiários de diversos cursos, que atuarão nas áreas de Administração Direta e Indireta do Poder Executivo Estadual.

O processo seletivo, será realizado por intermédio do instituto Euvaldo Lodi (IEL), e tem a validade de 24 (vinte e quatro) meses.

Para se candidatar, é preciso enviar para o e-mail [email protected], até às 23h59 do dia 19 de agosto, Ficha de inscrição, Histórico Escolar com notas do 1° semestre de 2022, cópia do RG e CPF e Declaração de matrícula da instituição de ensino.

Serão 20 vagas para o curso de Administração, 15 para Ciências Contábeis, 20 para Sistema de Informação, 10 para Tecnólogo em Gestão Pública, 10 para Recursos Humanos e 5 para alunos de português.

Os candidatos selecionados devem ter disponibilidade de 20 ou 30 horas semanais, podendo atuar durante os turnos matutino ou vespertino, e receberão bolsa de R$ 420 ou R$ 630, mais R$ 154 de auxílio transporte.

A lista com o resultado preliminar será divulgado em até 10 (dez) dias úteis após a entrega da documentação, no Diário Oficial do Governo (DOE).

Confira aqui o edital completo.

Veja aqui ficha de inscrição.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!