Conecte-se agora

Associação diz que fuga em presídio é resultado da falta de gestão e planejamento no IAPEN

Publicado

em

A Associação dos Policias Penais do Acre (ASSPEN) também se manifestou em relação a fuga em massa da penitenciária Francisco D’Oliveira Conde.

A entidade bateu duro na direção do Instituto de Administração Penitenciária (IAPEN) do Acre. Segundo a associação, os gestores do órgão já haviam sido avisados das mazelas que acontecem no presídio e diz que os policias penais fazem milagre para manter a segurança.

Os presos fugiram do pavilhão “L” do chapão.

A ASSPEN também criticou a realização de um culto durante o período noturno, como parte de um evento religioso realizado na semana passada. “O diretor-presidente do IAPEN autorizou a realização de um culto religioso na parte noturna do plantão, mesmo sabendo que a segurança estava fragilizada. Essa liberação é coisa que jamais aconteceu em outras gestões durante a noite”, afirma a nota assinada pelo presidente da Associação dos Policias Penais do Acre (ASSPEN), Eden Alves Azevedo.

Leia a nota:

A Diretoria dessa Entidade Representativa, em defesa dos Policiais Penais que atuam fazendo milagre para manter a segurança no interior dos presídios, vem a público depois da fuga em massa no Pavilhão “L” do Chapão, comunicar que já havia AVISADO a atual direção do IAPEN sobre as mazelas que acontecem na FOC, por falta de gestão e planejamento institucional.

No mesmo pavilhão da fuga dessa madrugada, semana passada, o diretor presidente do IAPEN autorizou a realização de um Culto Religioso na parte noturna do plantão, mesmo sabendo que a segurança estava fragilizada. Essa liberação é coisa que jamais aconteceu em outras gestões durante a noite.

A direção da ASSPEN solicita providências necessárias da Secretaria de Segurança Pública e responsabilização daqueles que mau (sic) administram o IAPEN.

Rio Branco-Acre, 20 de janeiro de 2020

Eden Alves Azevedo , Presidente da ASSPEN

Destaque 3

“Estou decepcionado”, diz Duarte sobre gestão de Bocalom, que foi seu adversário em 2020

Publicado

em

Em entrevista na noite desta segunda-feira, 25, o deputado estadual, Roberto Duarte (MDB), afirmou que se sente decepcionado com os dez meses da gestão do atual prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, a quem apoiou no segundo turno das eleições municipais.

No bate-papo, Duarte afirmou que a gestão vem deixando muito a desejar e afirmou que o Bocalom prometeu na campanha que abriria a caixa-preta do transporte coletivo, mas que ao assumir a cadeira decidiu injetar dinheiro nas empresas do transporte coletivo da capital.

“Estou decepcionado. Eu tentei conversar com o meu amigo, Tião Bocalom, em janeiro e a assessoria disse que o prefeito estava com a agenda cheia, mas que me retornaria, e eu estou aguardando até hoje o retorno dessa ligação. Eu continuo amigo dele, mas enquanto gestor, tem deixado muito a desejar e eu realmente não me sinto representado com ele e me sinto decepcionado com a administração dele”, afirmou.

Assista a entrevista completa:

video

 

Continuar lendo

Destaque 3

Deputado do Acre diz que preço alto da gasolina é culpa da corrupção do PT na Petrobras

Publicado

em

O deputado estadual Roberto Duarte (MDB) em entrevista na noite desta segunda-feira, 25, no Boa Conversa, exibido pelo ac24horas, comentou as polêmicas envolvendo as narrativas nos preços dos combustíveis entre os governadores e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Durante a entrevista, o parlamentar afirmou que o ex-presidente Michel Temer (MDB) criou a política de indexação ao dólar para evitar a falência da Petrobras em razão dos escândalos de corrupção na estatal durante os governos do PT, mas salientou que se dependesse dele, mudaria a política de preços adotada na estatal.

“Todos são conhecedores da corrupção que existiu nos governos do PT com a Petrobras e quando o Michel Temer assumiu, ele mudou a política de preços e criou a indexação em dólar para justamente não quebrar a Petrobras em razão da corrupção e quem acabou pagando isso foi o povo. Nós estamos pagando até hoje pela corrupção do PT. Agora, pra mim, eu mudaria essa política de preços”, salientou.

Em outro trecho, Duarte afirmou que apresentou um PL que busca tirar a bi-tributação do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) sobre combustíveis e lubrificantes.

“Se aprovado esse Projeto que eu apresentei, a gente diminui o preço do combustível porque será feito a cobrança correta do ICMS sobre o combustível. Se o governo fizesse a cobrança correta iria ter uma diminuição de R$ 0,40 a 0,50 centavos por litro”, destacou.

Assista a entrevista completa:

video

 

Continuar lendo

Destaque 3

Redução da tarifa de ônibus de R$ 4,00 para R$ 3,50 entrará em vigor a partir desta quarta-feira

Publicado

em

A redução da tarifa da passagem de ônibus em Rio Branco de R$ 4,00 para R$ 3,50 sancionada pelo prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas) na terça-feira, 19, entrará em vigor nesta quarta-feira (27).

Mais cedo, diversos sites locais publicaram que a redução valeria a partir desta segunda-feira, 25, mas a própria RBtrans desmentiu a informação

Segundo o diretor de Trânsito da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (RBTRANS), João Marcos Luz, e o chefe de gabinete da Superintendência, Randerson Braña, a redução só valerá a partir desta quarta-feira (27).

“O decreto foi publicado na terça-feira, 19, e a redução da tarifa valerá cinco dias úteis após a publicação do decreto, ou seja, apenas na quarta-feira, 27”, explicou João Marcos Luz.

“Para que se cumpra o que está disposto no Decreto que diz que entra em vigor 05 dias úteis após a publicação”, explicou Randerson Braña.

O valor terá validade até 30 de junho de 2022, enquanto estiver vigente a Lei Complementar nº 118 de 13 de outubro de 2021, que instituiu um repasse de R$ 2,4 milhões do Município para as empresas de ônibus e ao Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo (Sindcol).

Segundo o decreto publicado pelo prefeito Tião Bocalom, estudantes continuam pagando R$ 1, sendo concedido um subsídio no valor de R$ 0,75 sobre cada passagem adquirida, o que corresponde a um percentual de redução de 43% sobre o valor da tarifa.

Continuar lendo

Destaque 3

Em 12 pontos, Rio Branco continua aplicando imunizante contra a Covid-19

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) retoma nesta segunda-feira, 25, a vacinação contra a Covid-19 em 12 pontos da capital.

A pasta continua aplicando a dose de reforço que é aplicada em pessoas a partir de 60 anos (que tomaram a 2ª dose há mais seis meses) e em pessoas com baixa imunidade – imunossuprimidos – (que tomaram a 2ª dose há 28 dias).

A 1ª dose também está disponível para pessoas acima dos 12 anos que ainda não se imunizaram. Adolescentes precisam comparecer acompanhados dos pais ou responsáveis e apresentar RG e CPF ou o RG e o cartão do SUS na hora da vacinação.

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) antecipou para 21 dias a segunda dose da Pfizer, seguindo a orientação do governo estadual.

Veja os pontos de vacinação

Reforço em idosos a partir de 60 anos (6 meses da 2ª dose) e imunossuprimidos (+ de 28 dias da 2ª dose)

Urap Vila Ivonete

Urap Roney Meireles

Urap Hidalgo de Lima

Urap Maria Barroso

Urap São Francisco

Urap Eduardo Assmar

Cláudia Vitorino

Ary Rodrigues

Urap Rosangela Pimentel

12 anos ou mais 1ª e 2ª dose da Pfizer – antecipação 21 dias

Urap Eduardo Assmar

Urap Vila Ivonete

Urap Roney Meireles

Urap Ary Rodrigues

Urap São Francisco

Urap Maria Barroso

Urap Hidalgo de Lima

Urap Cláudia Vitorino

Urap Rosangela Pimentel

Somente 2ª dose AstraZeneca com 60 dias ou +

Urap Cláudia Vitorino

Urap São Francisco

Valdeiza Valdez

Urap Bacurau

Urap Maria Barroso

2ª dose da CoronaVac

Policlínica Barral y Barral

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas