Conecte-se agora

A vida miserável dos usuários de crack em Rio Branco

Publicado

em

Um misto de sentimento e indignação toma conta de quem passa pela rua Boulevard Augusto Monteiro, a principal do bairro 15, no Segundo Distrito de Rio Branco. Basta uma casa ou terreno abandonado para os usuários de droga se apropriarem dos espaços e transformarem o lugar em morada e ponto para uso de droga . Eles são muitos e de várias idades.

O videomaker Kennedy Santos e sua câmera de celular conseguiram com exclusividade, mostrar o lado pouco visto dos dependentes químicos. Foi nessa andança que ele conseguiu entrevistar um homem de 47 anos, que numa atitude de desespero, resolveu morar dentro do mato.

L P Machado, reluta em falar, mas aceita dar entrevista com a garantia de não mostrar o rosto. Ele conta que já trabalhou como mecânico e em alguns momento parece ter perdido noção de tempo e perigo. Para se esconder da família, ele decidiu por conta própria levantar um barraco e se mudar para um lugar onde ninguém soubesse, a mata fechada que fica próximo ao antigo Aeroporto de Rio Branco. O lugar é pequeno, coberto por lona e sem parede. Dentro da barraca improvisada apenas um colchão velho, sujo e úmido.
Bem pertinho dele, em situação não muito diferente, não fosse o fato da barraca ser protegidas por pedaços de madeira velha, está uma jovem que assume o vício sem constrangimento. Ela falou abertamente de seus sonhos, desejos e vontades, que na visão dela, tem poucas chances de se concretizar.

Quem assistir ao vídeo vai conhecer a antiga garagem de ônibus que hoje abriga apenas homens e mulheres desesperados, loucos por algumas migalhas de dinheiro que mais tarde se transformarão em fumaça, um prazer que será desfeitos em dois ou três segundos.

video

Anúncios

Acre 01

Delegado que virou prefeito opta por nomear segurança pessoal em Epitaciolândia

Publicado

em

Uma publicação da prefeitura de Epitaciolândia no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira, 5, traz um decreto do prefeito Sérgio Lopes, nomeando Dones da Silva Braga para o cargo em comissão de segurança pessoal do prefeito.

O atual prefeito do município, eleito nas eleições de novembro do ano passado,  é delegado de polícia, tem porte e posse de arma e optou pela segurança pessoal enquanto for prefeito.

Sérgio Lopes é natural de Mantena, interior de Minas Gerais, e ao desenvolver um bom trabalho como delegado em Epitaciolândia, conquistou a simpatia da população que o elegeu prefeito da cidade.

Continuar lendo

Acre 01

Comerciantes afetados pelas cheias dos rios podem ter conta de luz negociada no Acre

Publicado

em

Foto: Sérgio Vale/ac24horas.com

O presidente da Energisa, José Adriano Mendes Silva, informou ao presidente da Associação Comercial Marcello Moura, que a empresa estuda uma forma de negociação com os empreendedores que tiveram seus estabelecimentos atingidos pelas cheias do Rio Acre e dos Igarapés. O anúncio é uma resposta à solicitação feita pela Acisa em favor desse grupo.

“Viemos até a Acisa, primeiro para colocar nossa empresa à disposição dos nossos empreendedores. Depois para informar ao presidente Marcello Moura que estamos estudando uma forma de negociação com os empresários que tiveram seus estabelecimentos atingidos pelas águas. Nós somos parceiros e queremos encontrar a melhor forma para minimizar o sofrimento do nosso povo”, afirmou José Adriano, segundo nota publicada pela Acisa.

Para garantir a negociação, a Acisa fará um levantamento dos estabelecimentos que foram atingidos e encaminhará para a Energisa para que seja apresentada uma proposta. A ideia é facilitar o pagamento, evitando cortes, de maneira que os empreendedores possam pagar a conta de energia.

Marcello Moura lembrou que os empreendedores enfrentam muitas dificuldades e precisam de todo apoio. “Nós visitamos os estabelecimentos, conversamos com os empresários e solicitamos esse apoio da Energisa. Hoje estamos recebendo a confirmação que teremos uma negociação especial para o pagamento da conta de energia. Um gesto de quem acredita e apoia o empreendedorismo”, explicou.

Durante a visita, os representantes das duas entidades, discutiram ainda possibilidade de parcerias futuras para beneficiar os empreendedores. “A Energisa é uma parceira do comércio acreano”, finalizou José Adriano.

(Acisa)

Continuar lendo

Acre 01

Após quase um mês de cheia, Rio Acre sai da cota de transbordamento em Rio Branco

Publicado

em

Foto: Sérgio Vale/ac24horas.com

Quase um mês depois de deixar mais de 10 bairros atingidos pela alegação neste mês de fevereiro, o Rio Acre saiu da cota de transbordamento neste sábado (27). Confirme última medição realizada pelo Corpo de Bombeiros, por volta das 9 horas, o manancial registrava 13,84 metros. A cota de transbordamento é de 14 metros em Rio Branco.

Entretanto, o nível do Rio Acre ainda está acima da cota de alerta, que é de 13,50 metros na capital acreana. Até o momento, 78 pessoas continuam desabrigadas na cidade.

Cerca de 2.740 famílias foram atingidas pela enchente na Capital. Quase 20 mil pessoas no total foram afetadas pela cheia. Destas, 600 tiveram de ser realizadas para outros locais fora de risco.

A Defesa Civil Municipal alerta que ainda há previsões de muita chuva na capital do Acre, o que deve fazer com que o Rio Acre possa elevar novamente o nível das águas.

Continuar lendo

Acre 01

Rio Acre continua em vazante e não há novos desabrigados na Capital

Publicado

em

Nesta segunda-feira, 22, o nível do Rio Acre permanece em vazante. Na medição realizada às 6 horas da manhã, a cota era de 15,31 metros, o que significa 49 centímetros a menos do que o maior nível alcançado nesta enchente quando o Rio Acre chegou a 15,80 metros.

Em razão da subida, o número de desabrigados e desalojados não teve alteração nas últimas 24 horas. Aproximadamente 630 moradores de diversos bairros na capital acreana estão atingidos pela cheia, sendo que 68 famílias estão nos abrigos montados pela prefeitura e outras 132 foram levadas para casa de familiares.

Mesmo com a redução do nível do rio, a Defesa Civil continua trabalhando com a previsão de nova cheia. “Infelizmente ainda é essa a nossa expectativa, já que temos um volume muito grande vindo dos municípios. Em Assis Brasil o rio baixou dois metros e essa água vai chegar aqui. A boa notícia é que o Riozinho do Rola teve uma vazante de meio metro e não tivemos impacto em Rio Branco”, afirma Major Falcão da Defesa Civil Municipal.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2020 ac24Horas.com - Todos os direitos reservados.