Conecte-se agora

Mailza diz que parceria entre Acre e China é a grande saída econômica

Publicado

em

Mailza levou projeto de investidores chineses ao Palácio do Planalto e destacou que o Acre abre-se cada vez mais para o mundo e o governador tem razões de sobra para atrair o capital chinês para grandes investimentos no Estado

A senadora Mailza Gomes (Progressistas-AC), disse na manhã desta sexta-feira (18) que está bastante feliz com a participação do Governador Gladson Cameli na comitiva presidencial que irá à China na próxima semana. Mailza Gomes trabalhou durante essa semana para que o palácio tomasse conhecimento do projeto que será uma espécie de redenção econômica para o Estado do Acre. Jair Bolsonaro sempre tem convidado o governador para participar das agendas internacionais, e desta feita, Cameli vai aproveitar para adiantar as tratativas sobre o projeto de desenvolvimento com a parceria de investidores chineses. Mailza comemorou a missão empresarial com a participação do governador para atrair a participação de empresários chineses no Acre em grandes investimentos que ultrapassam 1 bilhão.

Aliada de primeira hora do projeto, a senadora Mailza Gomes se colocou à disposição do Palácio do Planalto para apresentar o projeto da ZPE – Zona de Processamento e Exportação em Senador Guiomard. “Esse é um projeto de altíssimo interesse para o Estado do Acre e para toda a Região Norte. A China é a segunda maior economia do mundo. Como já foi dito, o Acre terá um desenvolvimento nunca visto, pois se tornará um centro de exposição e distribuição de produtos de alta qualidade que serão, a partir do Acre, exportados para os países do Mercosul e do Caribe. A partir da abertura do corredor Acre/Peru, por onde virão os produtos chineses, a produção acreana também será exportada para a China e demais países asiáticos” comemorou Mailza Gomes.

O projeto prevê que a administração da ZPE de Senador Guiomard seja administrada, sem qualquer ônus para o Estado, por um grupo de 40 empresas chinesas, que receberão, em contrapartida, incentivos fiscais. A senadora também frisou que com a criação desse centro, 20 mil empregos deverão ser criados, o que significa muito para milhares de famílias acreanas.

Senadora Mailza articulou durante essa semana para que o Palácio do Planalto e o presidente Bolsonaro tomasse conhecimento do projeto que será a saída econômica para o Estado do Acre.

Destaque 7

Em comemoração ao aniversário de 20 anos, Uninorte tem camarote exclusivo no show do Embaixador

Publicado

em

O Centro Universitário Uninorte comemorou 20 anos de existência no dia 28 de outubro, mas as celebrações continuam. E nesta quinta-feira, 1, ocorre o show do cantor sertanejo Gusttavo Lima no estádio Arena Acreana e a Uninorte tem um camarote exclusivo em comemoração aos 20 anos da IES.

E não para por aí, foram realizados sorteios de ingressos do camarote para acadêmicos e público em geral. Esse sorteio contou com a parceira de atléticas de alguns cursos da Uninorte, são elas: Tenebrosa, Compactada, Absoluta e Indomável. Além disso, também foram sorteados ingressos para funcionários de todos os setores da instituição.

A instituição não deixa de citar e agradecer a parceria com a B2 Eventos, produtora que está trazendo o show do Embaixador para o Acre. É importante citar que além do show, a Uninorte fez outras programações alusivas ao aniversário, tais como: Semanas Acadêmicas, Feira das Profissões e Campus Tour.

Continuar lendo

Destaque 7

Mães denunciam extravio de material para teste do pezinho

Publicado

em

Cinco mães protocolaram reclamação na Promotoria de Justiça de Acrelândia nesta terça-feira (29) contra a Secretaria Municipal de Saúde denunciando que amostras de material coletado para o exame do pezinho em seus bebês foram perdidas em circunstâncias até então mal explicadas pelo município.

As informantes são mães de crianças com idades que variam de três meses a um ano e seis meses de idade. Elas alegam que em todos os casos, mesmo tendo feito as coleta dentro do prazo recomendado, de cinco dias após os nascimentos, não receberam os resultados no prazo previsto, de 45 dias.

Elas informam que todas as coletas foram feitas no posto de saúde Ricardo Monteiro Rola, da rede municipal. Em um dos casos relatados no Termo de Informação, a coleta foi feita em novembro de 2021, mas encaminhada ao laboratório Nativida apenas em 1º de novembro de 2022, ou seja, um ano depois da coleta.

Esse exame foi devolvido pelo laboratório com a informação de que a amostra estava ressecada, não sendo possível avaliar. As mães alegam que sempre procuraram a Secretaria de Saúde em busca dos resultados, mas que sempre recebiam como resposta que os laudos não haviam chegado.

Ainda é relatado na reclamação que uma servidora da Secretaria de Saúde e o próprio secretário, Vítor Martineli, teriam conversado com algumas mães, admitindo o erro cometido, mas propondo um acordo com elas para que não fossem prejudicados. Ao todo, 11 crianças teriam sido vítimas da situação denunciada.

Em um dos casos levados ao Ministério Público, uma criança de três meses de idade apresentou, recentemente, sintomas de anemia e ao ser levada pela mãe ao pediatra, o profissional solicitou o resultado do exame do pezinho, documento que ela não dispunha por conta do problema ocorrido no município.

Ao informar ao ac24horas a decisão de pedir providências ao Ministério Público a respeito dos acontecimentos, as cinco mães que assinam o Termo de Informação, que é o documento por meio do qual um fato é comunicado ao órgão, pediram para que os seus nomes e os das crianças não fossem divulgados.

Procurado, o secretário municipal de Saúde de Acrelândia, Vitor Martineli, respondeu por meio de nota de esclarecimento que o problema se deu em virtude de “má interpretação de protocolo anterior” e que se tratou de um “fato isolado administrativamente” que resultou no não envio em tempo hábil do material coletado.

A nota também afirmou que ao identificar o ocorrido a Secretaria Municipal de Saúde entrou em contato com todos envolvidos para que fossem realizadas novas coletas para os testes ressecados sem prejuízos na identificação das possíveis doenças detectáveis pelo teste do pezinho.

Vitor Martineli lamentou profundamente o ocorrido e se solidarizou com as partes envolvidas e afirmou que já tomou as devidas providências para garantir o necessário para que o fato ocorrido seja sanado sem prejuízos aos pacientes envolvidos com o total apoio para preservar a saúde dos pacientes.

A seguir, a íntegra da nota enviada pela Secretaria:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Secretaria Municipal de Saúde de Acrelândia vem por meio deste informar que um fato isolado administrativamente ocasionou a falta de informação dos testes do pezinho de alguns pacientes que por má interpretação do protocolo anterior não foram enviados em tempo hábil ao Laboratório Nativida, que é o responsável pela leitura do referido teste.

A gestão da Secretaria Municipal de Saúde, ao identificar o ocorrido, entrou em contato com todos envolvidos para que fosse realizada a recoleta para os testes ressecados sem prejuízos na identificação das possíveis doenças detectáveis.

Vale ressaltar que a Secretaria Municipal de Saúde já realizou a mudança do protocolo e está dando todo o apoio aos envolvidos e que de imediato alguns pacientes identificados já realizaram o teste novamente com todo apoio logístico e assistencial para o paciente e seus acompanhantes.

A Secretaria Municipal de Saúde ressalta também que este foi um fato isolado, sendo que em 2 anos de gestão nunca houve nenhum ocorrido semelhante em qualquer segmento de nossos atendimentos, assim sempre prezando pela oferta de qualidade de nossos serviços.

O secretário municipal de Saúde, Vitor Martineli, lamenta profundamente pelo ocorrido, se solidariza integralmente com as partes envolvidas e já tomou as devidas providências para garantir todo o necessário para que seja sanado o fato ocorrido sem prejuízos aos envolvidos, com o total apoio para preservar a saúde dos pacientes.

Secretaria Municipal de Saúde de Acrelândia – AC.

Continuar lendo

Destaque 7

Confira as fotos da torcida acreana na vitória do Brasil sobre a Suíça

Publicado

em

Fotos de Sérgio Vale:

Continuar lendo

Destaque 7

Reforma de Gladson terá Gestão e Planejamento desmembrados

Publicado

em

O Palácio Rio Branco deve enviar na próxima semana para a Assembleia Legislativa a Reforma Administrativa que deve fazer mudanças na estrutura governamental do segundo mandato do governador Gladson Cameli a partir de 2023. A priori, o número de secretarias de Estado continuará o mesmo e o de cargos comissionados também, mas algumas nomenclaturas devem ser mudadas, conforme apurou o ac24horas.

Entre as principais mudanças, está o desmembramento da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), que passará a ser duas pastas separadas: A secretaria de Planejamento e a Secretaria de Gestão Administrativa, assim como era nos governos da Frente Popular. A junção dessas pastas ocorreu no início do governo Cameli em 2019 e somente agora deve voltar a sua formação original. Com a adição de mais uma pasta, a Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (SEET) deverá se extinta, porém suas políticas públicas devem ser incorporadas a Secretaria de Estado de Indústria, Ciência e Tecnologia (SEICT), que passará a ter departamentos de turismo e empreendedorismo.

Outra mudança significativa será na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional (Sedur), que terá sua nomenclatura alterada para Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano. Com isso, a pasta que era responsável por elaborar projetos na atual gestão ficará responsável pelas políticas públicas de habitação do novo governo de Cameli, que recentemente prometeu construir 18 mil casas.

Sobre a Secretaria da Mulher, que foi promessa de campanha do governo Gladson Cameli, haverá apenas uma pequena mudança na nomenclatura. A pasta que é denominada como Secretaria de Estado de Assistência Social dos Direitos Humanos e de Políticas para Mulheres passará a ter o nome de Secretaria da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos.

Sobre mudanças na composição do primeiro escalão, alguns nomes já estão com seus passaportes garantidos para o próximo ano, como o chefe da Casa Civil, Jonathan Donadoni, o secretário de governo, Alysson Bestene, o Secretário de Planejamento, Ricardo Brandão e o secretário de segurança, coronel Paulo César. Outro nome que deve ser mantido é Petrônio Antunes, como diretor-presidente do Deracre.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.