Conecte-se agora

Dia do Professores: turmas superlotadas estão entre os desafios da profissão

Na rede pública, em média, são 37 alunos por sala, diz estudo

Publicado

em

PROFESSOR ROMÁRIO OLIVEIRA - FOTO: ACERVO PESSOAL

Certamente, a sua memória guarda a lembrança de alguma professora ou professor que marcou a sua vida. Hoje, em todo o território nacional, dedica-se o dia a homenagear essa profissão, considerada por muitos como a mãe – ou o pai – de todas as outras profissões. No país, de acordo com o Censo Escolar 2017, realizado pelo Ministério da Educação (MEC), temos mais de 2,2 milhões de professores somente na educação básica – que vai da educação infantil ao ensino médio. Censo da Educação Superior, também de 2017, revelou a existência de 349.776 docentes atuando em cursos de graduação e pós-graduação.

Nas salas de aula, além do português e da matemática, os professores também ensinam sobre resistência. Isto porque diariamente a categoria luta pela valorização da profissão. Entre outros problemas, a superlotação das salas de aula na rede pública de ensino apresenta-se como um desafio a ser superado. Em um ranking com 60 países analisados pelo estudo Políticas Eficazes para Professores: Compreensões do PISA, publicado este ano, o Brasil aparece com um dos maiores números de alunos por sala de aula no ensino médio. São 37 estudantes, em média, por turma. Isso representa, de acordo com o estudo, 22 alunos por professor. Realizado a cada três anos, o PISA – ou Programa Internacional de Avaliação de Aluno –, é uma das principais avaliações mundiais da educação.

O professor Romário Oliveira, 24 anos, conhece bem essa realidade. Formado em Letras Vernáculas, com especialização em Linguística e ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa, ele dá aulas como professor regente há três anos e meio e já trabalhou com, em média, 44 alunos por turmas. “No momento da aula, a superlotação gera preocupação de como será chegar ao aluno o conhecimento de forma acessível”, diz o professor.

O problema se agrava quando as escolas não oferecem ao professor condições técnicas para o desenvolvimento das aulas. Nessas horas, a criatividade dos profissionais é que é colocada à prova. “A maioria das escolas não possibilita que façamos alguns trabalhos que “fogem” à regra do cotidiano escolar e isso deixa a desejar no planejamento. Dessa forma, se eu tirasse as cópias do meu bolso, para cada turma composta por mais de 40 alunos, ficaria impossível, mesmo assim, levava um número e fazia um rodízio entre as turmas”, conta o professor Romário. A experiência do professor Romário talvez sirva de explicação para outros dados de alcance nacional, também revelados pelo PISA. Ocupamos 63ª posição em Ciências, 59ª em Leitura e a 66ª em Matemática.

Como um trabalho de formiguinha, Romário contribui para a mudança das estatísticas pensando novas formas de compartilhar os conteúdos com as suas turmas. “Busco, até hoje, colocar o meu aluno no protagonismo, fazendo-o sentir parte daquele espaço. Quando isso acontece, há um resultado muito bacana, não somente de nota (avaliação), mas da compreensão dele sobre a disciplina”, diz.

Ainda há esperanças

Romário se diz suspeito para falar do amor à profissão que escolheu. Mesmo com as implicações que a categoria passa, ele segue levando a bandeira da educação como principal vetor de transformação social. “Vale muito a pena, não só por que o aluno reconhece você como alguém que o impulsiona. Mas é válido, também, pelas inúmeras possibilidades de se reinventar”, conta o professor.

Baixo investimento, desvalorização com o trabalho do professor e uma série de outros problemas não são suficientes para tirar o brilho da profissão. “Apesar do pouco investimento, das dificuldades estruturais, das “rasteiras” dadas à classe, é válido ter sua formação voltada para aquilo que você sente que é capaz de cumprir”, finaliza o professor.

Roberto Paim | Educa Mais Brasil

Anúncios

Acre

Bocalom passará mais 3 dias fora de Rio Branco para ver a família

Publicado

em

O prefeito de Rio Branco Tião Bocalom (Progressistas) viaja neste sábado, 27, para Araguari, cidade mineira em que residem sua esposa e filhas. Desta vez, a viagem será para visitar os familiares.

“Vai ver a esposa e família! A esposa está há 5 anos numa UTI montada em casa, na cidade de MG”, explicou a assessoria de imprensa do prefeito.

Antes de embarcar, Bocalom visitou os pontos de vacinação que estão montados na capital acreana imunizado idosos de 74 a 84 anos contra a Covid-19. Durante a visita, o prefeito passou algumas orientações às equipes que estão atendendo.

“Ontem ele e a equipe de Defesa Civil e ação social também passaram orientações de como ele quer o atendimento às famílias, de forma bem humanizada!”, diz sua assessoria.

A última vez que o prefeito esteve fora foi no início dessa semana, quando viajou para Brasília para participar do lançamento do programa do governo federal Agenda do Prefeito + Brasil.

Continuar lendo

Cotidiano

Após início da 5º etapa de vacinação, Semsa já vacinou mais de 4 mil idosos acima de 74 anos

Publicado

em

Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) já foram vacinados nesta 5º etapa de vacinação, que tem como público-alvo os idosos de 74 a 84 anos, mais de 4 mil idosos, em Rio Branco (AC). A vacinação dessa nova faixa etária iniciou na quinta-feira, 25.

Rio Branco recebeu na última quinta-feira, 25, da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) 8.710 doses de vacinas contra a covid-19. Desse total, 6.885 para idosos acima de 74 anos e 1.850 para trabalhadores da saúde que foram disponibilizadas imediatamente.

Na quinta-feira, 25, foram vacinados 1.439 idosos com idade acima de 74 anos. Na sexta-feira, 26, a procura aumentou: 2.732, ou seja, um total de 4.171 idosos a partir de 74 anos já foram vacinados.

A vacinação continua neste sábado, 27, e na segunda-feira, 01, das 8h às 17h nos seguintes locais: Unidades de Referência da Atenção Primária (URAPs) Roney Meireles, Cláudia Vitorino e Policlínica Barral y Barral e nos estacionamentos da Arena da Floresta, Via Verde Shopping e 7º BEC. Neste domingo, 28, não terá campanha de vacinação.

Continuar lendo

Acre

Weverton é eleito melhor goleiro e dedica troféu ao Acre

Publicado

em

O goleiro acreano Weverton Pereira, titular do Palmeiras, ganhou pela segunda vez o prêmio Bola de Prata, da ESPN. Para ele, é motivo de orgulho ser novamente premiado pela atuação como atleta.

“Primeiro eu quero agradecer a Deus e aos meus colegas por esse prêmio. Nós conquistamos muitas coisas esse ano e ganhar esse prêmio individual é muito bom”, afirmou o goleiro ao UOL.

O acreano também aproveitou a oportunidade para falar sobre a crise com as enchentes no Acre.

“Quero dedicar o troféu para o povo acreano que está sofrendo e precisa de muita ajuda e muitas orações. Nesse momento de felicidade pra mim eu também sei que tem muita gente sofrendo por lá.

O Palmeiras foi campeão da Copa Libertadores 2020 e a defesa do clube teve destaque nas partidas. Nas redes, o alviverde comemorou a conquista dos atletas.

Continuar lendo

Acre 01

Após quase um mês de cheia, Rio Acre sai da cota de transbordamento em Rio Branco

Publicado

em

Foto: Sérgio Vale/ac24horas.com

Quase um mês depois de deixar mais de 10 bairros atingidos pela alegação neste mês de fevereiro, o Rio Acre saiu da cota de transbordamento neste sábado (27). Confirme última medição realizada pelo Corpo de Bombeiros, por volta das 9 horas, o manancial registrava 13,84 metros. A cota de transbordamento é de 14 metros em Rio Branco.

Entretanto, o nível do Rio Acre ainda está acima da cota de alerta, que é de 13,50 metros na capital acreana. Até o momento, 78 pessoas continuam desabrigadas na cidade.

Cerca de 2.740 famílias foram atingidas pela enchente na Capital. Quase 20 mil pessoas no total foram afetadas pela cheia. Destas, 600 tiveram de ser realizadas para outros locais fora de risco.

A Defesa Civil Municipal alerta que ainda há previsões de muita chuva na capital do Acre, o que deve fazer com que o Rio Acre possa elevar novamente o nível das águas.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas