Conecte-se agora

Senador Jorge Viana (PT-AC) aponta importância do Fórum Mundial da Água

Publicado

em

O senador Jorge Viana (PT-AC) destacou, durante essa semana, no Senado Federal, a importância da realização do 8º Fórum Mundial da Água, que ocorrerá em Brasília entre 18 e 23 de março de 2018. “O evento vai reunir especialistas e autoridades de mais de 150 países no Brasil, para discutir o uso racional dos recursos hídricos”, disse. “Serão mais de 20 mil pessoas no fórum”. Criado em 1996 pelo Conselho Mundial da Água, o fórum foi idealizado para estabelecer compromissos políticos sobre o uso da água.

Viana lembrou que esteve presente nos dois últimos fóruns mundiais, realizados na França e na Coréia do Sul, ao lado do atual chanceler brasileiro, Aloysio Nunes Ferreira, e do governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg. “Lutamos para sediar este fórum, o primeiro a ser realizado no hemisfério sul”, comentou. “O pessoal da Agência Nacional de Águas (ANA) está trabalhando intensamente, e do Itamaraty, para que o fórum seja um sucesso”.
Viana é um dos responsáveis pela programação do fórum, coordenando a frente parlamentar em apoio ao evento, ao lado de autoridades do governo. O ministro do Superior Tribunal de Justiça, Herman Benjamin, está trabalhando, também voluntariamente, toda a parte do Judiciário. “Vamos ter membros do Judiciário e do Congresso de vários países discutindo a questão da água, que é sinônimo de vida”, destacou.

Ao lado do presidente do Congresso Nacional, senador Eunício de Oliveira (PMDB-CE), Viana estará presente na 137ª Assembleia da União Interparlamentar, que será realizada entre 12 e 18 de outubro em São Petersburgo, na Rússia. Ele vai fazer o discurso de honra, convidando em nome do Congresso brasileiro, os parlamentares de 145 países. “Estarão presentes 80 presidentes de parlamentos de todos o mundo e farei o convite para que venham debater no Fórum Mundial, em Brasília, o presente e o futuro da água”, disse. Viana é vice-presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado e presidente da Comissão Mista sobre Mudanças Climáticas do Congresso.
“Nós temos 12% da água doce do planeta, mas temos escassez em muitas nações deste recurso”, disse Viana. “O mundo tem mais de 1 bilhão de pessoas ainda que sem segurança e acesso à água”.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas