Conecte-se agora

Raimundo Vaz pede que se abra a caixa preta dos pagamentos de mídia no estado do Acre

Publicado

em

O vereador Raimundo Vaz (PRP) disse com base na operação zero hora, desencadeada pela Policia Civil, na última segunda-feira, na residência do empresário Roberto Vaz e do jornalista Ray Melo, que é preciso se aprofundar as investigações de quem paga mídia no Acre.

“Vamos abrir a caixa preta, revelar quanto o estado paga de mídia e como é feita essa operação nos bastidores dos demais órgãos de comunicação”, disse o vereador.

Para Vaz, quando se fala a verdade pode ser irmão, pai, mãe ou qualquer tipo de parente das vítimas. “Me sinto muito à vontade para falar do ac24horas por que na nossa família nos respeitamos os limites uns dos outros, eu não tenho contrato com o jornal para não me meter em sua linha editorial e não ser cobrando em minhas ações como vereador”, acrescentou.

Vaz além de defender maior investigação em todos os órgãos do estado que pagam mídia com dinheiro público, questionou nomes de figurões supostamente extorquidos que não aparecem na lista de vitimas divulgada pelo delegado Roberth Alencar. “Será que vão ter a coragem de divulgar esses nomes?”, questionou.

O vereador disse que o modo como a Policia Civil agiu demonstrou uma tentativa muita clara de impedir o cultivo da liberdade. “O gosto de sangue está em muitas bocas de quem serve ao governo e agiu assim para se aparecer ou para se mostrar ao chefe”, concluiu.

A Operação Zero Hora investiga, segundo a Policia Civil, extorsão e lavagem de dinheiro pelo empresário Roberto Vaz e o jornalista Ray Melo.

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas