Conecte-se agora

Mais de 5 mil pessoas participam de casamento coletivo, segundo TJ-AC

Publicado

em

casamento_00Mais de 1,5 mil casais disseram o esperado ‘sim’ em cerimônia coletiva durante o Casamento Coletivo realizado pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC), responsável pelo Projeto Cidadão.

A festa, que ocorreu ontem (13) na Arena da Floresta, reuniu, em média, cinco mil pessoas entre noivos, familiares e amigos, segundo estimativa do TJ-AC. O casamento coletivo também serve para oficializar casamentos que de fato já existem.

A vice-governadora do Estado, Nazareth Araújo, participou da celebração.

A cerimônia, que teve direito a um altar montado no gramado da Arena da Floresta, contou com a participação musical da Banda Marcial da Polícia Militar, que embalou a entrada dos noivos.

Essa foi a nona edição da ação desde agosto de 2015. Segundo o TJ-AC, já foram realizadas cerimônias em diversas cidades e regiões do Acre, incluindo áreas de reserva extrativista, que são mais isoladas.

Anúncios

Acre

Morre no Acre paciente que veio do Amazonas para tratar Covid-19

Publicado

em

Morreu vítima de Covid-19 na madrugada desta terça-feira, 19, Antônio Lima Barbosa, 64 anos, um dos dois pacientes vindos de Tabatinga, idade do Amazonas, para o Hospital de Campanha de Cruzeiro do Sul na semana passada. A vítima já foi sepultada.

Ele e o outro paciente do Amazonas foram encaminhados de Manaus à Cruzeiro do Sul após o colapso de oxigênio na capital amazonense.

O Hospital de Campanha já recebia pacientes do Amazonas, mas de cidades vizinhas à Cruzeiro do Sul, como Guajará e Ipixuna. Esta é a primeira vez que pacientes são trazidos de Manaus, o que chegou a gerar protestos nas redes sociais, de pessoas que temiam a contaminação por uma cepa diferente de coronavírus, que circula na capital amazonense.

Continuar lendo

Acre

50% dos acreanos devem ser imunizados para conter Covid-19

Publicado

em

Para o deputado Jenilson Leite ao menos 50% dos acreanos tem de ser imunizados para controlar a Covid-19 o Estado. “A vacina não produz imunidade de imediato mas leva de 14 a 40 dias mas com ela temos certeza que muito em breve estaremos nos livrando desse vírus de maneira avassaladora”, disse o deputado, que é médico e atua voluntariamente no enfrentamento à doença.

Leite diz que se sentiu muito feliz e satisfeito com a aprovação das duas vacinas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e uma delas, a Coronavac já começa a ser aplicada no Acre.

A depender do número de vacinados no Acre, até março ou abril os efeitos da imunização já começam a ser sentidos com redução de mortes, casos leves e hospitalizações.

Continuar lendo

Acre

Profissionais da saúde protestam contra Igesac em Rio Branco

Publicado

em

Profissionais de saúde realizaram um protesto nesta terça-feira (19) em frente à Maternidade Bárbara Heliodora, contra a tercerização e o que consideram “abuso de autoridade” do governo do Acre.

O foco da manifestação é o Instituto de Gestão em Saúde do Acre (Igesac), criado em 2020 para regularizar servidores do Pró-Saúde. Em setembro próximo há previsão de demissão dos servidores remanescentes.

O presidente do Sinidicato dos Trabalhadores em Saúde, Adailton Cruz , disse que os direitos só são conquistados quando há luta. “O governo não tem compromisso com pais e mães de família. Inventaram essa história de que o Igesac é a salvação da saúde mas não é”, disse o líder.

O Igesac, dizem os manifestantes, tem como intuito não debater nada com os trabalhadores mas privatizar e demitir, especialmente nos municípios menores.

“O servidor de saúde está ajudando com as ferramentas que tem. Não dá para aceitar que em um cenário como este haja transferência de gestão”, disse o deputado Jenilson Leite, que luta contra a tercerização.

O grupo saiu em caminhada pelo Centro de Rio Branco para seguir a manifestação e entregar documento reivindicatório às autoridades.

Continuar lendo

Acre

Nível do Rio Acre deve subir, mas sem ameaça de alagação

Publicado

em

A previsão indica que o nível do rio Acre, embora tenha subido muito nas últimas horas deverá baixar rapidamente nos próximos dias. Antes, poderá chegar até 12,5 metros.

As chuvas ocorridas nas últimas 24h não farão seu nível subir exageradamente, pois, nos próximos dias, até quinta-feira, dia 21/1, vai chover pouco.

Situação semelhante ocorre no rio Juruá, onde, em Cruzeiro do Sul, marcava, na segunda-feira, 8,7m, e continuava baixando. Deverá voltar a subir nos próximos dias, mas sem motivos para preocupação alarmante, segundo o portal O Tempo Aqui.

Não será diferente nos rios Tarauacá e Iaco, pelo menos durante esta semana.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas