Conecte-se agora

Calegário não tem condições de promover concurso, diz promotor

Publicado

em

O promotor de Justiça de Tarauacá, Flávio Bussab, recomendou ao prefeito de Tarauacá, Rodrigo Damasceno, que anule todo o concurso da Saúde, por causa da descoberta de plágio nas provas para o cargo de enfermeiro. O certame, que previa o preenchimento de 150 vagas, foi realizado há duas semanas no município com a participação de mais de cinco mil candidatos.

5310a16b-02a8-485e-93cd-2fe3f52f3d94

Promotor diz que empresa não tem condições de promover concurso

“A empresa atua ilicitamente, imoralmente, indignamente”, disparou o promotor Flávio Bussab, ao se referir à empresa Calegário, responsável pela realização do concurso público.

LEIA MAIS:
>Com 5 mil prejudicados, Calegário nega motivos para cancelar concurso em Tarauacá

“Realmente o concurso apresentou ilegalidade no início do seu processamento e na feitura das provas. Plágio é crime. E em um dos casos, no de enfermagem, houve plágio total das 40 questões. Nós havíamos feitos várias reuniões com o proprietário da empresa e ele garantiu cabalmente que as questões não seriam plagiadas e seriam questões inéditas”, completou.

O promotor isentou a prefeitura de qualquer responsabilidade sobre o certame. “Eu isento a responsabilidade do prefeito do município, porque o executor material, o executor direto do concurso, da elaboração do concurso, foi a empresa Calegário. O concurso tá maquiado. O concurso tem que ser nulo na sua integralidade para todos os cargos”, diz.

Nesta quarta-feira, em entrevista ao ac24horas, Fagner Calegário, sócio-proprietário da empresa organizadora, disse que não há motivos claros para a ocorrência do cancelamento, visto que todos os procedimentos necessários foram tomados tão logo se percebeu a duplicidade das questões em provas e horários diferentes. “Vamos proteger o direito de mais de cinco mil pessoas que tinha sonhos e que fizeram esse concurso. São 4.200 candidatos que fizeram as provas, prejudicados”, disse o empresário ao ac24horas.

O prefeito de Tarauacá, Rodrigo Damasceno, lamentou o transtorno ocorrido. Ele não descarta a possibilidade da rescisão contratual com a Calegário.

“Uma das penalidades pode ser sim a rescisão contratual, que ainda não foi estabelecida. Ao meu ver a Calegário diante de todas essas denúncias, diante de todos esses transtornos a população de Tarauacá, do estado e também de fora do estado que foram participar, a gente vê que a Calegário nesse momento não nutre as condições adequadas pra pleitear a realização desse novo concurso público, porque não tem a credibilidade necessária para realizar o certame.”

O assessor jurídico da prefeitura de Tarauacá, Emerson Pereira, afirmou que a empresa só foi contratada para realizar o certame porque entrou com um pedido liminar na Justiça pedindo o direito de participar da licitação. Porém, a idéia da prefeitura era manter uma parceria com alguma fundação com mais condições para realizar o concurso público.

“A idéia da gestão era que a gente oportunizássemos a participação de fundações públicas e até mesmo privada, algumas instituições que gozassem de algum conceito mais abalizado na área de concurso público, tendo em vista que um concurso público nosso anterior tinha sido feito pela Fundape. Nós queríamos contratar ou a Fundape ou uma empresa que fosse do seu quilate, mas infelizmente a Calegário entrou com um mandado de segurança na Justiça e o juiz concedeu pra eles uma liminar dizendo que essa exigência nossa de colocar apenas empresas sem fins lucrativos restringia o universo licitante”, explica.

A prefeitura ainda não marcou a data do novo concurso.

Destaque 3

Governo edita decreto que muda regras de concursos públicos para reprovação e prorrogação

Publicado

em

O presidente Jair Bolsonaro aditou um decreto publicado nesta terça-feira (27) no Diário Oficial da União para alterar as regras dos concursos públicos . Entre as alterações, estão critérios de reprovação e prorrogação de prazo. A partir de agora, as bancas organizadoras dos certames poderão mudar as regras de reprovação automática em casos de processos seletivos de duas etapas.

O texto também libera a necessidade de autorização do Ministério da Economia para prorrogar a validade do concurso.

Em nota, a assessoria de comunicação do governo, ressaltou que as mudanças não modificam os processos seletivos em vigor, mas devem ser observadas por autoridades que formulam os editais. As medidas passam a valer a partir desta terça (27)

Continuar lendo

Destaque 3

Candidatos do Prouni podem se inscrever na lista de espera a partir desta terça-feira

Publicado

em

Os estudantes que não foram selecionados nas duas primeiras chamadas do Programa Universidade para Todos (Prouni) podem se inscrever para a lista de espera no portal acessounico.mec.gov.br/prouni e disputar as bolsas ofertadas. O prazo para participar começa nesta terça-feira, 27, e vai até quarta-feira, 28.

A lista com os universitários pré-selecionados estará disponível para consulta na próxima segunda-feira, dia 3 de outubro. Os candidatos selecionados devem comprovar as informações declaradas na inscrição até o dia 7 de outubro.

Prouni

O Prouni é um programa do governo federal que tem como objetivo conceder bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas de ensino superior. As bolsas são ofertadas para cursos de graduação e sequenciais de formação específica e o público-alvo são estudantes sem diploma de nível superior.

Para se inscrever, é necessário que o estudante tenha realizado no mínimo uma das últimas edições do Exame Nacional (Enem) e tenha alcançado pelo menos 450 pontos de média nas notas das cinco provas do exame. O candidato não pode ter tirado zero na prova da redação nem ter realizado o exame como treineiro.

Gabriel Victor, de 24 anos, foi selecionado para o Prouni em 2019, para cursar análise e desenvolvimento de sistemas, em Recife (PE). Ele concluiu o curso em 2021 e hoje trabalha na área. “Eu fiz meu curso com a bolsa do Prouni, a bolsa integral, 100%. E foi muito importante para mim essa bolsa, porque sem ela, eu não teria condições de pagar a faculdade. E também, eu não ia estar trabalhando no que eu estou trabalhando hoje”, explica.

O analista e desenvolvedor de sistemas afirma que, antes do Prouni, havia iniciado outro curso, mas por conta da distância e do horário não conseguiu se formar. Com o programa, ele conseguiu estudar perto de casa, foi capaz de se dedicar mais e concluir a formação no ensino superior.

Continuar lendo

Destaque 3

Voos de Rio Branco para Fortaleza por R$ 516 e para Natal R$ 589; passagem de ida e volta

Publicado

em

Quatro destinos no Nordeste estão com promoções de passagens em voos do Acre. Na quarta-feira (21/9) o ac24horas divulgou promoção de Rio Branco para São Paulo por R$ 398 e Salvador R$ 581. Nesta semana foram incluídos outros destinos com ofertas ainda melhores. Da capital acreana para Fortaleza há opções de compra dos bilhetes aéreos pelo valor de R$ 516, preço com taxas inclusas. (Veja detalhes na imagem abaixo). Essa promoção é para viagem em novembro de 2023.

Os outros destaques das promoções deste final de semana são as promoções de voos de ida e volta de Rio Branco para Natal por R$ 589 em para o mês de outubro do ano que vem. Para Salvador há opções de voos saindo de Rio Branco em setembro de 2023 pelo valor de R$ 643. Da capital para Maceió a nossa equipe encontrou voos de ida e volta por R$ 602. Essa promoção é para viagem em outubro do ano que vem.

Compre aqui passagens Rio Branco/Fortaleza por R$ 516 (ida e volta)

Passagens aéreas para o Rio de Janeiro por R$ 643

Se você pretende viajar para o Rio de Janeiro encontra passagens em voos saindo de Rio Branco por R$ 643 para viagem no mês de setembro de 2023. Para viagem no primeiro trimestre de 2023 os destaques são as passagens da capital acreana para São Paulo com voos de ida e volta pelo valor de R$ 524. Para Porto Velho há opções de voos de ida e volta por R$ 618. Por esse mesmo valor você poderá embarcar em setembro de 2023 nos voos de Rio Branco para Curitiba.

As promoções são de voos flexíveis. Isso significa que a data da viagem poderá ser marcada um dia antes ou depois.  Mas a dica antes de comprar as passagens é ler todas as regras desta promoção. Os preços podem sofrer alterações por ser uma promoção com poucas passagens promocionais.

Voos de ida e volta com taxas inclusas

Novembro-2023
Rio Branco ✈ Belém – R$ 515

Novembro-2023
Rio Branco ✈ Belo Horizonte – R$ 585

Maio-2023
Rio Branco ✈ Brasília – R$ 539

Setembro-2023
Rio Branco ✈ Curitiba – R$ 618

Novembro-2023
Rio Branco ✈ Fortaleza – R$ 516

Outubro-2023
Rio Branco ✈ Goiânia – R$ 597

Outubro-2023
Rio Branco ✈ Maceió – R$ 602

Outubro-2023
Rio Branco ✈ Natal – R$ 589

Março-2023
Rio Branco ✈ Porto Velho – R$ 618

Setembro-2023
Rio Branco ✈ Rio de Janeiro – R$ 643

Setembro-2023
Rio Branco ✈ Salvador – R$ 643

Março-2023
Rio Branco ✈ São Paulo – R$ 524

Faça aqui a sua pesquisa e garanta descontos para outros destinos

Comprou as passagens? Faça aqui a reserva do hotel com descontos especiais

Lei aqui outras notícias sobre viagens e promoções


Atenção:  O ac24horas não vende passagens aéreas, pacotes de viagens ou realiza reservas de hotéis. O site apenas divulga as melhores promoções, ficando o leitor livre para escolher a melhor opção e decidir se o produto atende as suas necessidades.

Continuar lendo

Destaque 3

No Acre, quase 2,7 mil contribuintes caíram na malha fina do imposto de renda

Publicado

em

Entre março e setembro de 2022, a Receita Federal recebeu 38.188.642 declarações em todo o País. Destas, 1.032.279 declarações foram retidas em malha. No Acre estão retidas em malha 2.671 declarações no mesmo período. Já na Amazônia (2ª Região Fiscal) o total é de 49.248 declarações.

No País, do total retido são 811.782 declarações com Imposto a Restituir (IAR), representando 78,6% do total em malha; 198.541 declarações, ou 19,2% do total em malha, com Imposto a Pagar (IAP) e 21.956, com saldo zero, representando 2,1% do total em malha.

Os principais motivos para ter caído na malha em 2022: 41,9% omitem rendimentos sujeitos ao ajuste anual (de titulares e dependentes declarados); 28,6% apresentam deduções da base de cálculo (principal motivo de dedução – despesas médicas); 21,9% tem divergências no valor de IRRF entre o que consta em Dirf e o que foi declarado pela pessoa física – entre outros, falta de informação do beneficiário em Dirf, e divergência entre o valor informado entre a DIRPF e a Dirf.

Já os outros 7,6% são motivados por deduções do imposto devido, recebimento de rendimentos acumulados, e divergência de informação sobre pagamento de carnê-leão e/ ou imposto complementar.

Neste mês de setembro a Receita Federal está emitindo 444 mil correspondências para contribuintes em todo o Brasil com declarações na malha fina. O objetivo é avisar aos contribuintes que, em caso de erro na declaração apresentada, este é o momento para providenciar a sua correção, apresentando declaração retificadora.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.