Conecte-se agora

Deputado Jenilson homenageia classe médica do AC em video

Publicado

em

play-rounded-fill

Cotidiano

Sine do Acre oferta 77 vagas de emprego nesta sexta-feira para Rio Branco

Publicado

em

O Sistema Nacional de Empregos do Acre (Sine), está disponibilizando 77 vagas de emprego para várias áreas em Rio Branco, nesta sexta-feira, 19.

As oportunidades de trabalho são rotativas, ou seja, são divulgadas para o dia, podendo ou não estar mais disponíveis para a data seguinte. O atendimento está sendo feito exclusivamente via telefone, mas presencialmente continua sendo na Organização em Centros de Atendimento (OCA).

Para se candidatar, é necessário que o candidato esteja com o cadastro atualizado. Aqueles que precisam fazer o registro na instituição, devem ter em mãos os seguintes documentos: Carteira de Trabalho, Identidade/CPF, Título de Eleitor, comprovante de escolaridade e de endereço.

O cidadão poderá verificar se a vaga ainda está disponível através dos telefones (68) 3224-5094 (68) 3224-1519, (68) 3223-6502 ou (68) 0800 647 8182.

Continuar lendo

Acre 01

Datafolha: Bolsonaro amplia vantagem entre evangélicos; Lula tem o dobro entre católicos

Publicado

em

A pesquisa Datafolha, realizada de terça (16) a quinta-feira (18) desta semana, mostra que o presidente Jair Bolsonaro (PL) expandiu de 10 para 17 pontos percentuais a sua vantagem sobre o ex-presidente Lula (PT) entre os evangélicos.

Nesse grupo religioso, Bolsonaro saltou de 43% para 49% das intenções de voto no último mês, enquanto o petista flutuou negativamente de 33% para 32%.

Entre os católicos, Lula continua liderando com quase o dobro das intenções de voto (52%) do principal rival, que oscilou positivamente, de 25% para 27%.

No Brasil, 50% do eleitorado se declara católico, e 27%, evangélico, também segundo o Datafolha. Outras religiões não foram consideradas na comparação porque as bases de dados são muito pequenas.

Contratada pela Folha e pela TV Globo, a última pesquisa foi feita com 5.744 eleitores acima dos 16 anos em 281 cidades. O levantamento está registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BR-09404/2022.

A publicação original é da Folha de São Paulo.

Continuar lendo

Acre 01

Contra crime eleitoral, Segurança recomenda cautela de agentes públicos em campanha

Publicado

em

O Secretário de Segurança Pública do Acre, Paulo Cézar Santos, publicou no Diário Oficial desta sexta-feira, 19, uma recomendação aos agentes públicos ligados à Sejusp que orienta sobre as práticas que não devem ser adotadas por conta da legislação eleitoral. A preocupação não é à toa, já que existem mais de 20 candidatos que são da segurança pública, entre delegados, policiais militares, civis, policiais penais e bombeiros, espalhados entre cargos de deputado federal, estadual e até suplente de senador.

A recomendação diz que é imprescindível que todos os agentes públicos atuem com máxima cautela, a fim de que nenhuma das condutas vedadas em lei seja praticada.

Determina ainda que os órgãos que compõem o Sistema Integrado de Segurança Pública – SISP, bem como, o Centro Integrado de Ensino e Pesquisa e Segurança Pública – CIEPS adotem medidas a fim de evitar o comparecimento e o discurso de candidato(a) em eventos, palestras, campanhas, cursos, inaugurações de obras, solenidades e outros, visando afastar qualquer meio de angariar benefício eleitoral.

Outra orientação é que nos eventos oferecidos pelo Sistema Integrado de Segurança Pública – SISP os organizadores orientem sobre as restrições do período eleitoral, salientando que não são permitidas manifestações sobre candidatos ou partidos políticos nem publicidade institucional, recomenda-se, ainda, citar essas orientações no cerimonial de abertura do evento.

Os gestores e servidores afastados que estejam concorrendo a mandato eletivo não poderão comparecer nas dependências dos órgãos do Sistema Integrado de Segurança Pública – SISP com o intuito de exercer influência sobre os colegas de trabalho no horário de expediente, a fim de recrutar votos.

Continuar lendo

Extra Total

Em busca de reeleição, maioria dos deputados federais do Acre “enriqueceu” em quatro anos

Publicado

em

Cinco dos oito deputados federais do Acre tentam em 2022 voltar à Câmara dos Deputados: Flaviano Melo (MDB), Jéssica Sales (MDB), Jesus Sergio (PDT), Perpétua Almeida (PCdoB) e Léo de Brito (PT) registraram suas candidaturas para deputado federal novamente.

Dos outros integrantes da atual bancada, Alan Rick (União Brasil) e Vanda Milani (PROS) decidiram candidatar-se à vaga no Senado Federal, e Mara Rocha (PL) disputa o Governo do Acre.

Em geral, o patrimônio dos candidatos que tentam a reeleição registrou evolução, sendo a maior delas a informada por Jéssica Sales, do MDB. Em 2018, Jéssica disse ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) possuir R$163.131,58, valor que saltou para R$1.508.257,52 na declaração de 2022, crescimento de quase dez vezes em quatro anos.

Já Jesus Sérgio (PDT) disse possuir R$1.250.000,00, mas declarou em 2018 R$1.100.000,00. São cerca de R$150.000,00 a mais atualmente.

O deputado Léo de Brito (PT) declarou R$ 203.757,35 e em 2018 informou R$211.202,96, um pequeno aumento.

Perpétua Almeida (PCdoB) declarou R$ 960.000,00 enquanto em 2018 foi R$ 780.800,00, demonstrando evolução patrimonial de 23% em quatro anos.

Flaviano Melo, do MDB, declara em 2022 R$802.766,05 em patrimônio, mas em 2018 a declaração informava R$849.999,68, o que sugere que o deputado perdeu algum patrimônio desde a eleição passada.

Antônia Lucia (Republicanos) assumiu a vaga de Alan Rick, que faz campanha para senador e está candidata à permanecer na Câmara dos Deputados. Ao TSE, Antônia Lúcia declarou possuir R$ 3.290.000,00.

Mara Rocha declarou R$183.527,53 nestas eleições e na campanha passada, R$125.000,00, também um pouco mais “rica” como deputada federal.

Alan Rick informa este ano possuir R$ 2.121.474,30 em bens. Na 2ª eleição para deputado federal, em 2018, Alan declarou R$727.390,11, patrimônio três vezes maior em quatro anos.

Já Vanda Milani informou R$623.785,36 ao TSE enquanto em 2018 disse possuir R$938.299,29, ficando mais “pobre” entre uma e outra campanha.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.