Menu

TV Globo quer passar mais cedo jogos de futebol

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

A TV Globo quer abandonar o horário das 22 horas de meio de semana, para transmissão de futebol. A proposta é passar as partidas para as 21h40.


São apenas 20 minutos de antecipação. Não é nada!


Os problemas para o torcedor de voltar dos estádios para casa tarde da noite, usando meio de transportes precários e inseguros, continuam.

Publicidade

A discussão sobre a mudança de horário já acontece desde o início do ano, mas tomou corpo recentemente com o anúncio pela CBF do calendário 2016.


Embora a confederação alegue que a medida atenda aos clubes em querer estancar o reduzido público na arquibancada em jogos de meio de semana, por conta do horário tardio das partidas, o buraco é mais embaixo.


A questão, de fato, tem a ver muito mais com os interesses da Globo, a poderosa detentora dos direitos de transmissão de futebol no Brasil.


Há algo de muito concreto na visão da emissora, para fazê-la mudar sua grade no horário nobríssimo com inserções publicitárias entre as mais caras existentes.


Será que nessa nova grade haverá encurtamento da novela das 8, entre o Jornal Nacional e o futebol? E o que isso significa?


Antecipar o horário do futebol de meio de semana é mais lucrativo que manter o horário da “novela das 8” como é hoje?


A última novela das 8 (“Babilônia”) foi um dos maiores fracassos de audiência da TV Globo em toda sua história. Então, o melhor mesmo será encurtar a novela com a provável retração de anunciantes?


Ou é o Jornal Nacional que será encurtado para atender a essa nova grade? Aliás, é outro que sofre gradativa queda de telespectadores.


Por certo, os interesses são comerciais, ao contrário do que a CBF irá tentar “vender”, insistindo que a demanda atende aos torcedores e aos clubes, em nome da “modernização” do futebol – apesar dessa antecipação de meio de semana representar apenas 20 minutos de diferença da transmissão ao vivo de hoje.

Publicidade

A TV Globo vem apresentado faz tempo queda de audiência no horário da noite na sua grade de programação, o que justificaria antecipação de transmissão de partidas de futebol.


A CBF afirma com dados que tem caído, aos poucos, o número de partidas na Série A realizadas às 22 horas. Clubes informam que têm sido atendidos em pleitos de mudanças de jogos para horários mais adequados à realidade – inclusive, o horário de domingo das 11 horas da manhã terá mais jogos simultâneos (destaca-se que é muito mais sensato futebol às 11 horas da manhã de domingo do que 22 horas de quarta-feira).


A boa vontade da TV Globo com o futebol brasileiro pode até existir em meio à crise evidente de decadência do esporte no País (e que em algum momento afetará de forma aguda sua audiência), mas, por certo, há motivos fortes comerciais muito além do que a submissa CBF à emissora irá propalar na época da efetivação da medida.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido