Conecte-se agora

A dura despedida de ac24horas

Publicado

em

Fábio, o reporter

Desde o começo do ano eu mudei de casa e vim para o ac24horas. Vim com a determinação de começar uma nova fase em minha carreira no veículo que se consagrou no Acre como referência em liberdade jornalística. Este portal tornou-se a voz da sociedade acreana em meio a um sistema do governo que cerceia as liberdades individuais, sendo o ac24horas  a válvula de escapa da população, não à toa ficando como líder em audiência e alcance entre todos os veículos de comunicação do Estado –sim, mais do que a TV e rádios.

Nestes três meses tive a oportunidade de fazer reportagens políticas e assumi o blog do ac24horas, depois levando meu nome. Foram meses férteis de produção, pois a liberdade é o maior bem que o homem pode ter para construir sua dignidade.

Mas a profissão jornalística – apesar de todo o romantismo envolto em sua imagem – causa muito cansaço e estresse mental e físico. Como já escreveu Gabriel Garcia Marques, ela é a melhor profissão do mundo, proporciona prazeres e desilusões. O bom jornalismo de conversar com as pessoas, ouvir causos e transmitir a você é sempre gratificante de fazer – aí não importando nem nosso piso salarial defasado.

Ainda sou um jovem jornalista, estando cinco anos seguidos dentro de redações. A mente está cansada, pedindo uma pausa e requerendo mudanças. É isso que farei daqui para a frente. A partir de hoje não farei mais parte da equipe ac24horas. Vou deixar de atuar como jornalista na cobertura das eleições para estar dentro dela, acompanhando seus bastidores e ajudando do lado de lá.

Irei integrar a equipe de comunicação do hoje pré-candidato ao Senado Gladson Cameli (PP). Como assessor de imprensa serei responsável por produzir os textos de sua agenda de campanha e cuidar da relação com a imprensa. Será uma experiência inédita na minha iniciante carreira jornalística, uma mudança necessária para mim e as pessoas ao meu redor.

Como cidadão continuarei a analisar o processo político-eleitoral de 2014, porém não mais aqui neste espaço. É da boa conduta editorial de ac24horas a separação ética do jornalismo de redação com o da assessoria de imprensa – duas funções com seus respectivos interesses. Minha saída se faz necessária para respaldar e engrandecer ainda mais a credibilidade conquistada pelo veículo nesta quase uma década de existência.

Agradeço ao amigo e editor-executivo Roberto Vaz pela grande oportunidade destes meses como repórter e colunista. Foi tão somente após ter a minha cara exposta aqui que passei a ser abordado pelas pessoas nas ruas para me parabenizar e debater a nossa boa política – o que mostra o amplo alcance do site.

Outras oportunidades surgirão para eu voltar a analisar a política acreana como jornalista. Na condição de assessor irei contribuir para que o Acre e o Brasil saiam mais fortalecidos após as eleições de outubro. Assim como eu, nossa democracia é jovem, e tem muito por aprender, crescer e evoluir.

Até mais ver,

Fábio Pontes –  fabiospontes@gmail.com

 

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas