Conecte-se agora

Sebastião ganha mais de R$ 25 mil por mês

Publicado

em

Luciano Tavares – da redação de ac24horas
[email protected]

O governador Sebastião Viana tem o 6º salário mais alto do país entre os governadores. O vencimento bruto de Sebastião é R$ 25.323,51, enquanto que a renda média do trabalhador acreano é de R$ 952. Ou seja, o salário de Sebastião Viana é 26 vezes maior que o da medida da população do Acre. Isso sem incluir as gordas diárias.

A informação foi divulgada pela edição eletrônica da revista Exame, da Editora Abril, que mostra o ranking dos salários dos governadores.

Apesar de governar um dos estados mais pobres do país, com um PIB que há anos não ultrapassa os 0,02%, Sebastião Viana tem salário mais alto que o do governador do Estado mais ricos do Brasil.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, recebe por mês R$ 20.662,00. R$ 5 mil a menos que o governador do Acre.

O salário de Geraldo Alckmin é cerca de 12 vezes maior que o da média da população de São Paulo, que tem renda média de R$ 1.637.

Sebastião Viana também tem salário maior que o de governadores de estados como o do Rio de Janeiro, governado por Sérgio Cabral (PMDB) que tem salário de R$ 20.662,00; e do Rio Grande do Sul, governado pelo também petista Tarso Genro, que tem vencimentos no valor R$ 17.347,14.

O ranking também revela que o governador do Acre recebe quase o triplo do salário do governador do Pernambuco, Eduardo Campos, que tem vencimento mensal de R$ 9.600, sendo o menor entre os governadores.

sebastião_salarioVeja os vencimentos dos governadores dos 27 estados brasileiros
1º PR – Beto Richa (PSDB): R$ 26.723,13
2º RR – Anchieta Júnior (PSDB): R$ 26.700,00
3º DF – Agnelo Queiroz (PT): R$ 26.055,06
4º MS – André Puccinelli (PMDB): R$ 25.444,09
5º PA – Simão Jatene (PSDB): R$ 25.323,54
<<< 6º AC – Sebastião Viana (PT): R$ 25.323,51
7º SE – Marcelo Déda (PT): R$ 24.117,62
7º AP – Camilo Capiberibe (PSB): R$ 24.117,62
9º TO – Siqueira Campos (PSDB): R$ 24.117,00
10º PB – Ricardo Coutinho (PSB): R$ 23.500,82
11º RO – Confúcio Moura (PMDB): R$ 23.052,31
12º SP – Geraldo Alckmin (PSDB): R$ 20.662,00
12º RJ – Sérgio Cabral (PMDB): R$ 20.662,00
14º GO – Marconi Perillo (PSDB): R$ 20.042,00
15º AL – Teotônio Vilela Filho (PSDB): R$ 19.657,69
16º ES – Renato Casagrande (PSB): R$ 18.600
17º BA – Jaques Wagner (PT): R$ 18.299,00
18º RS – Tarso Genro (PT): R$ 17.347,14
19º AM – Omar Aziz (PSD): R$ 17.128,80
20º PI – Wilson Martins (PSB): R$ 16.500,00
21º MT – Silval Barbosa (PMDB): R$ 15.982,78
22º MA – Roseana Sarney (PMDB): R$ 15.409,95
23º SC – Raimundo Colombo (PSD): R$ 15.000,00
24º CE – Cid Gomes (PSB): R$ 14.895,07
25º RN – Rosalba Ciarlini (DEM): R$ 11.661,00
26º MG – Antônio Anastasia (PSDB): R$ 10.500,00
27º PE – Eduardo Campos (PSB): R$ 9.600,00

*Os governadores dos estados do Sergipe e Amapá (7º), e São Paulo e Rio de Janeiro (12º) tem vencimentos iguais por isso estão na mesma posição. A diferença está no ganho de cada governador em relação à renda média da população.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Destaque 6

Aluguéis sobem 4,2% em janeiro; acumulado em 12 meses está em 10,74%

Publicado

em

O Índice de Variação de Aluguéis Residenciais (Ivar) registrou inflação de 4,2% em janeiro deste ano. Em dezembro de 2022, o indicador calculado pela Fundação Getulio Vargas havia tido uma deflação (queda de preços) de 1,19%.

Com isso, o Ivar acumulado em 12 meses passou de 8,25% em dezembro para 10,74% em janeiro. O índice é calculado com base na variação dos aluguéis cobrados nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre.

Se em dezembro, as quatro capitais haviam tido deflação, em janeiro elas registraram inflação. Em São Paulo, a taxa passou de -1,06% em dezembro para 2,84% em janeiro, no Rio de Janeiro subiu de -2,41% para 1,45%, em Belo Horizonte foi de -0,46% para 0,72%, enquanto em Porto Alegre cresceu de -1,09% para 10,15%.

As taxas acumuladas em 12 meses subiram em três capitais: São Paulo (de 7,80% para 8,20%), Rio de Janeiro (de 8,34% para 8,51%) e Porto Alegre (de 7,15% para 16,79%).

Apenas Belo Horizonte teve queda na taxa: de 11,31% para 9,82%.

Continuar lendo

Cotidiano

Programa vai formar empreendedores que apoiem a Floresta Amazônica

Publicado

em

Serão abertas, no próximo dia 13, as inscrições para o primeiro programa de 2023 da Jornada Amazônia, o Gênese, destinado a jovens talentos, com o objetivo de despertá-los para o empreendedorismo. A Jornada Amazônia é uma plataforma de inovação que visa a promover negócios que apoiem a manutenção da floresta em pé. O Programa Gênese pretende incentivar também a pesquisa orientada para produtos e processos de impacto para a floresta.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site genese.jornadaamazonia.org.br até o dia 12 de março. A iniciativa é coordenada e executada pela Fundação Certi e conta com a coparticipação e investimentos do Bradesco, Fundo Vale, Itaú-Unibanco e Santander, dentro do Plano Amazônia, uma aliança entre os três bancos, e do Programa de Bioeconomia do Fundo Vale.

A gerente do Centro de Economia Verde da Fundação Certi, Janice Rodrigues Maciel, informou que podem participar jovens talentos residentes nos nove estados da Amazônia Legal, maiores de 18 anos, estudantes do ensino médio, ensino técnico, graduandos e pós-graduandos de instituições de ensino superior da região. Segundo Janice, a meta é alcançar 2 mil inscritos. “O objetivo é despertar os jovens talentos e estimular o empreendedorismo e a pesquisa orientada para a geração de novas empresas que causem impacto positivo na floresta. Porque o nosso propósito é, justamente, ajudar a fortalecer a cultura empreendedora da região da Amazônia”.

Comunidade de formação

Uma vez inscritos, os jovens começam a fazer parte de uma comunidade de formação, voltada a fortalecer a cultura de empreendedorismo de inovação de impacto, informou Marcos Da-Ré, diretor de Economia Verde da Fundação Certi. Nessa formação, com duração estimada de quatro semanas e início previsto para o dia 20 de março, os jovens vão se ambientando com conteúdos sobre empreendedorismo, bioeconomia, inovação, completou Janice. A ideia é incentivar ideias que tragam novas soluções e que considerem oportunidades locais, demandas de mercado, além da sustentabilidade socioeconômica e ambiental da floresta amazônica.

Ao final da formação, os jovens empreendedores mais engajados e que mais participarem podem concorrer a uma viagem para conhecer o Ecossistema de Empreendedorismo e Inovação de Florianópolis, no fim do ano. Esse ecossistema é um grande polo de startups (empresas emergentes) no país. Alguns dos elementos do polo estão sendo adaptados e levados para a Amazônia, a fim de ajudar a fortalecer o ecossistema de inovação e empreendedorismo na região, como forma de valorizar a floresta em pé, afirmou Janice. Ela disse que a viagem, para os jovens inscritos, é fonte de inspiração, na medida em que poderão conhecer casos de sucesso.

A gerente acrescentou que a cada semana de formação, será tratado um tema novo, como biotecnologia, ecossistema de inovação, negócios de impacto, por exemplo. “Ao longo dessas semanas, vamos preparando os jovens para a curiosidade de empreender. A gente simula uma jornada empreendedora, a criação de uma startup desde o nascimento até uma fase de escala. É bem dinâmico, interessante e interativo”. Uma série de conteúdos interativos como videoaulas, podcasts (programa de rádio com conteúdo sob demanda), quizzes (jogos de questionários), webinars (videoconferência) ao vivo, envolvendo recursos como a realidade virtual, são disponibilizados para os jovens.

Os trabalhos se encerram em abril. Os participantes recebem certificado com o total de horas para validação de atividade complementar. “No final, surgem ideias de negócios e, aí, a gente linka com o próximo programa, que também faz parte da Jornada Amazônia, que é o Sinapse da Bioeconomia”.

Sinapse

Esse programa ajuda os empreendedores a tirar a ideia do papel e transformá-la em negócio de fato. Trata-se de um programa de mais longa duração, com prazo estimado de um ano, no qual os empreendedores recebem recursos não reembolsáveis para criar o seu negócio. “O Gênese ajuda a estimular a cultura empreendedora e o nascimento de ideias para, em uma próxima etapa, começar a pensar em abrir o seu próprio negócio”, explicou Janice. As inscrições para o Sinapse da Bioeconomia serão abertas em meados do ano. Ou seja, quem tiver uma boa ideia durante o programa Gênese, que integra a Jornada Amazônia, poderá se inscrever no meio do ano para a Sinapse da Bioeconomia.

No ano passado, foi realizada uma edição do programa no Pará, envolvendo 97 diferentes municípios do estado, desde a capital até pequenas comunidades como a Aldeia Gavião Parkatêjê, Comunidade Quilombola de França e Quilombo Tiningu. Ao todo, 516 jovens acessaram a Comunidade de Formação e 273 se capacitaram nas ações propostas. O ciclo resultou em 105 novas ideias de soluções empreendedoras voltadas para a bioeconomia na região da Amazônia Legal.

Plataforma

Até 2025, a plataforma Jornada Amazônia pretende contribuir para a mobilização de mais de 20 mil talentos empreendedores no país e promover a criação de 200 startups de impacto na região, capacitando e financiando essas empresas com soluções mais promissoras.

Continuar lendo

Na rede

PM apreende cocaína e maconha em Cruzeiro do Sul

Publicado

em

A Polícia Militar em Cruzeiro do Sul prendeu na noite desta segunda-feira, 6, no Bairro Cruzeirinho, Paulo Vitor Gomes de Freitas, vulgo Portugal, que é monitorado da justiça por meio de tornozeleira eletrônica, com pouco mais de meio quilo de maconha, uma balança e material para embalar a droga.

Ele foi abordado pela Polícia Militar quando estava em uma moto no bairro Cruzeirinho e não obedeceu à ordem de parada, tentou fugir mas foi capturado. A Pm encontrou com Paulo Vitor, uma quantidade de maconha do tipo skank e em seguida em uma casa indicada por ele, 660 gramas da maconha embarrada.

O homem já responde por tráfico e porte ilegal de arma. Com ele também foi encontrado um rádio comunicador que era utilizado por Portugal para avisar a outras pessoas da localidade sobre a chegada da Polícia ao local. O homem e a droga foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Cruzeiro do Sul.

Na madrugada de domingo ,no Bairro Miritizal, a Polícia Militar apreendeu uma mochila com aproximadamente R$ 2.500 trocados e em moedas e 125 gramas de cocaína. Quando a Pm chegou ao local para averiguar uma denúncia de que um cidadão estava com uma arma no local, várias pessoas correram e um deles jogou a mochila com a droga e o dinheiro dentro, além de celulares e facas. O material foi entregue na Delegacia de Polícia Civil

Continuar lendo

Cotidiano

Sine do Acre oferta 27 vagas de emprego nesta terça-feira, em Rio Branco

Publicado

em

O Sistema Nacional de Empregos do Acre (Sine), está disponibilizando 27 vagas de emprego para várias áreas em Rio Branco, nesta terça-feira, 07 de fevereiro.

As oportunidades de trabalho são rotativas, ou seja, são divulgadas para o dia, podendo ou não estar mais disponíveis para a data seguinte. O atendimento está sendo feito exclusivamente via telefone, mas presencialmente continua sendo na Organização em Centros de Atendimento (OCA).

Para se candidatar, é necessário que o candidato esteja com o cadastro atualizado. Aqueles que precisam fazer o registro na instituição, devem ter em mãos os seguintes documentos: Carteira de Trabalho, Identidade/CPF, Título de Eleitor, comprovante de escolaridade e de endereço.

O cidadão poderá verificar se a vaga ainda está disponível através dos telefones (68) 3224-5094 (68) 3224-1519, (68) 3223-6502 ou (68) 0800 647 8182.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.