Conecte-se agora

Secretário de habitação do Acre contraria Sebastião Viana sobre prazo de entrega das casas do projeto Cidade do Povo

Publicado

em

Luciano Tavares – da redação de ac24horas
lucianotavares@ac24horas.com

O secretário de habitação do Acre, Aurélio Cruz, não mostrou o mesmo otimismo do governador Sebastião Viana sobre a entrega das primeiras casas do Cidade do Povo, lançado pela segunda vez nesta segunda-feira, no KM-05, da BR-364, sentido Rio Branco/Porto Velho.

Durante entrevista, na solenidade de ontem, Sebastião Viana disse que quer entregar as primeiras casas no Natal deste ano. Mas em entrevista nesta terça-feira no programa Fala Secretário, do Sistema Público de Comunicação (TV e rádio Aldeia), Aurélio sem querer refutar diretamente seu chefe, disse que “legalmente as unidades só podem ser entregues com os equipamentos públicos prontos. Agora o governador anunciou, como sempre ousado e otimista, que já no Natal desse ano a gente começa a entregar as unidades habitacionais. Nós estamos fazendo o possível para que a gente antecipe, mas aqui eu quero dizer que a previsão pra gente entregar seria até março do ano que vem”, disse Aurélio, para depois anunciar contrariando Sebastião Viana: “Vai ser tudo entregue junto. Por isso que eu acredito que a gente entregue quando todas estiverem prontas. Não parcialmente. Porque esses equipamentos legalmente não podem ser entregues parcialmente.

Nos contratos estabelecidos pela Caixa e Banco do Brasil, as residências só podem ser entregues quando as unidades de saúde, delegacias e escolas (equipamentos públicos) estiverem prontas.

O secretário de habitação disse ainda que a Cidade do Povo não vai acabar com o déficit habitacional do Acre. Segundo ele, o déficit será amenizado, mas não vai acabar porque problemas de moradia aumentam junto com o crescimento populacional.

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas