Conecte-se agora

QUEBRANDO O SILÊNCIO – Deputados dizem que o TRE decidiu fazer o papel do STF ao questionar imunidade parlamentar

Publicado

em

Ray Melo, da redação de ac24horas
[email protected]

Os deputados estaduais quebraram o silêncio na manhã desta quarta-feira, 26, sobre a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que pediu a inconstitucionalidade da imunidade dos parlamentares estaduais, para mover processos criminais contra os deputados Walter Prado e Élson Santiago (PEN).

O líder do governo Moisés Diniz (PCdoB) afirmou que “o TRE do Acre decidiu fazer o papel do STF. Decidiu julgar a Constituição do Acre. Esta Casa não é departamento do Executivo nem do Judiciário. Esta Casa é um poder eleito pelo povo, se o TRE tem divergências cabe a ele entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) no STF, não interpretar a constituição do Estado”, enfatizou.

O comunista disse que estaria falando com apoio dos membros da Mesa Diretora. “Nós vamos nos reunir. Esta fala foi acordada com os membros da mesa diretora. Não estamos defendendo ilícito, estamos defendendo a integridade desta Casa. Se alguém quer questionar que procure o STF”, disparou Moisés Diniz.

Em tom mais moderado, o presidente da Aleac, Élson Santiago (PEN) destacou que todas as providências para defender o Poder Legislativo estariam sendo adotadas. “A respeito das decisões do TRE, nós á estamos tomando as providências necessárias em defesa do Poder Legislativo. Esta Casa jamais deixará que seus direitos sejam anulados. Nós estamos aqui para defender o a integridade do poder”.

O deputado Major Rocha (PSDB) que enfrente um processo movido pelo governador Sebastião Viana (PT), que também pede a inconstitucionalidade da imunidade parlamentar disse que o Legislativo estadual estaria sofrendo ataques sistemáticos e tentativas de desmoralização, por membros de outros poderes.

“Não podemos ficar reduzidos a uma câmara de vereadores do interior. Quero manifestar meu ponto de vista. A decisão do TRE fere a Constituição Estadual e Constituição Federal, além de atingir diretamente a Assembleia Legislativa, como poder”, destaca Rocha.

A questão uniu os deputados de oposição e situação, que se uniram  de forma corporativista para defender o direito de decidir sobre o andamento de processos contra os colegas de parlamento.

 

 

Acre

Nilson Euclides comparece ao debate com apoio da militância

Publicado

em

O candidato ao governo, professor Nilson Euclides (PSOL) foi o último a chegar aos estúdios da TV Acre para o debate com os postulantes ao Palácio Rio Branco nesta terça-feira, 27, em Rio Branco.

Com apoio de dezenas de apoiadores de esquerda, Euclides se disse confiante. “Fundamental para a democracia”, declarou.

Continuar lendo

Acre

Mara Rocha é recebida com festa antes de debate na TV Acre

Publicado

em

A candidata ao governo do Estado do Acre, deputada federal Mara Rocha (MDB) compareceu ao debate com os candidatos ao governo abraçada pela militância emedebista.

Com danças e ao som do jingle de campanha, Rocha chegou e foi abraçado pela militância presente na frente da emissora.

A candidata que estava acompanhada do vice-governador Major Rocha, não quis conversar com a reportagem.

Continuar lendo

Acre

Petecão se reúne com familiares de detentos antes do debate

Publicado

em

O candidato ao governo, senador licenciado Sérgio Petecão (PSD), se reuniu na entrada da TV Acre com representantes dos detentos em frente a emissora e prometeu tomar providências caso seja eleito ao comando do Palácio Rio Branco. Sobre os protestos, Petecão disse que é obrigação do governo atender as reivindicações dos familiares. “Me solidarizo e considero isso uma falta de respeito”, declarou.

Continuar lendo

Acre

Na TV Acre, Bittar diz que vai prestar contas do mandato de senador

Publicado

em

O candidato ao governo, senador licenciado Márcio Bittar (União Brasil) chegou na noite desta terça-feira, 27, em seu veículo para participar do debate da TV Acre, em Rio Branco. Sem o apoio de militantes, ele disse que deverá prestar contas do seu mandato como senador no Congresso Nacional. “Antes de prometer, devemos prestar contas do que fizemos”, comentou.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.