Conecte-se agora

Nível de estudantes do ensino médio cai no Estado do Acre; Índice demonstra que a educação vai de mal a pior

Publicado

em

E o nível da educação no Estado do Acre, alardeado pelos governos da Frente Popular nos últimos 13 anos como um exemplo a ser seguido pelo país, caiu por terra. É o que indica a nota do ensino médio de 2009 para 2011 que mostram os dados do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) 2011, divulgados pelo MEC (Ministério da Educação) nesta terça-feira (14).

De acordo com Ideb, o estados do Acre, Maranhão, Espírito Santo, Pará, Alagoas, Paraná, Paraíba, Bahia e Rio Grande do Sul regrediram suas notas em relação aos dados divulgados em 2009.

O estado administrado pelo petista Sebastião Viana, que tem como secretário de educação o também petista Daniel Zen, regrediu 0,1 pontos. O Acre apresenta o índice 3,4, abaixo da média nacional que é de 3,6.

Das três etapas avaliadas pelo Ideb, o ensino médio é a que apresenta desempenho mais tímido – mesmo atingindo as metas, a “nota” para essa etapa sobe apenas 0,1 ponto no indicador desde 2007.

Em 2009, o Ideb para o ensino médio foi de 3,6 – com acréscimo de 0,1 ponto sobre a meta. Em 2011, o resultado foi exatamente igual a projeção. Se continuar nesse ritmo, dificilmente o ensino médio conseguirá escapar da “nota vermelha” na avaliação de 2013, quando tem que crescer 0,2 pontos e chegar a 3,9.

Outros sete Estados continuaram com o mesmo resultado da última avaliação. Sendo assim, apenas onze unidades da federação tiveram crescimento na nota.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse hoje que a melhora de apenas 0,1 ponto no Ideb do ensino médio mostra que a etapa “continua sendo um desafio educacional”.

Alunos precisam chegar mais cedo ao ensino médio

“O ensino médio sofre de carências que vêm se acumulando, principalmente com a população mais pobre. A falta de um padrão mínimo de qualidade também atinge essa etapa escolar”, afirma Luiz Araújo, colaborador da Campanha Nacional pelo Direito à Educação. Para ele, problemas de infraestrutura, formação de professores e falta de investimentos são possíveis causas do baixo desempenho no ensino médio.

Melhorar o fluxo escolar é essencial, segundo Araújo, fazendo com que os alunos cheguem mais cedo ao ensino médio. “O ensino médio tem muitos problemas de matrículas, porque muitos alunos estão presos no ensino fundamental. As pessoas não conseguem entrar no ensino médio e, quando entram, os mais pobres também não conseguem terminar essa etapa”, afirmou.

Segundo ele, muitos jovens que entram atrasados no ensino médio precisam estudar no período noturno e dividir a atenção entre escola e trabalho. Esse fato acaba interferindo na qualidade do ensino e na evolução dos indicadores de desempenho, como o Ideb. “Não é possível um jovem trabalhar oito horas por dia e ter um bom desempenho escolar. O aluno precisa estar muito motivado e a escola tem que ser atrativa, para que o jovem fique por mais quatro horas nela e tenha bom desempenho”, disse Araújo.

ENSINO MÉDIO REGULAR – EVOLUÇÃO ENTRE 2009 E 2011

Unidade da Federação Ideb 2009 Ideb 2011 Evolução
Santa Catarina 4,1 4,3 0,2
São Paulo 3,9 4,1 0,2
Paraná 4,2 4 – 0,2
Minas Gerais 3,9 3,9 0
Mato Grosso do Sul 3,8 3,8 0
Goiás 3,4 3,8 0,4
Distrito Federal 3,8 3,8 0
Rondônia 3,7 3,7 0
Ceará 3,6 3,7 0,1
Rio de Janeiro 3,3 3,7 0,4
Rio Grande do Sul 3,9 3,7 – 0,2
Roraima 3,4 3,6 0,2
Tocantins 3,4 3,6 0,2
Espírito Santo 3,8 3,6 – 0,2
Amazonas 3,3 3,5 0,2
Acre 3,5 3,4 – 0,1
Pernambuco 3,3 3,4 0,1
Paraíba 3,4 3,3 – 0,1
Mato Grosso 3,2 3,3 0,1
Piauí 3 3,2 0,2
Sergipe 3,2 3,2 0
Bahia 3,3 3,2 – 0,1
Amapá 3,1 3,1 0
Maranhão 3,2 3,1 – 0,1
Rio Grande do Norte 3,1 3,1 0
Alagoas 3,1 2,9 – 0,2
Pará 3,1 2,8 – 0,3
  • Fonte: MEC/Inep

Evolução por rede

Além da meta geral, o Ideb também apresenta metas separadas para as redes pública e privada. Nesse caso, a rede particular teve resultado abaixo do esperado, alcançando 5,7 pontos, quando a meta era 5,8. A rede pública ficou em cima da projeção de 3,4.

EVOLUÇÃO: IDEB DO ENSINO MÉDIO

Rede Ideb 2005 Ideb 2007 Ideb 2009 Ideb 2011 Projeção 2011
Brasil – total 3,4 3,5 3,6 3,7 3,7
Brasil – estadual 3 3,2 3,4 3,4 3,3
Brasil – pública 3,1 3,2 3,4 3,4 3,4
Brasil – privada 5,6 5,6 5,6 5,7 5,8
  • Fonte: MEC/Inep

Enem por escola

Diferentemente da avaliação para os anos iniciais (1º ao 4º anos) e finais (5º ao 9º anos) do ensino fundamental, o Ideb para o ensino médio é feito de maneira amostral e, por isso, não são divulgados resultados por municípios e escolas.

Outro indicador usado para avaliar o desempenho do ensino médio é o Enem por Escola, feito com base nas notas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

Da redação ac24horas
Com informações do UOL

Acre

Acreanas vencem concurso de beleza nacional em Porto Alegre

Publicado

em

Duas acreanas representaram o Estado no concurso de beleza nacional Miss Brasil Mundial, realizado no hotel Continental, em Porto Alegre, neste domingo, 4.

Após três dias de confinamento, Giovana Victoria, de 12 anos, ganhou o título de Miss Brasil Pétit e Joana Cunha, de 19, garantiu o Miss Brasil Juvenil.

“Obrigado meu Deus, eu sonhei com cada detalhe desse momento. Foi tudo muito lindo, agradeço por fazerem parte desse sonho”, disse Joana.

As duas vencedoras foram coordenadas por Izaias Gomes, que com mais essas vitórias, acumula 15 Títulos Nacional e 1 Internacional.

“É um sentimento de gratidão, porque só de nós sairmos do Acre para disputar com todos os outros estados e hoje garantir mais títulos em nome da nossa terra, é maravilhoso”, falou Izaias.

O Miss Brasil Mundial é um dos maiores concursos de beleza do Brasil, os ganhadores terão a chance de representar o país a nível mundial.

Continuar lendo

Acre

Acreanos vão ao delírio com estreia de Weverton na Copa

Publicado

em

Finalmente o goleiro acreano Weverton Pereira, do Palmeiras, fez sua estreia pela Seleção Canarinho nesta segunda-feira, 5, no estádio 974, em Doha, no Catar, pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2022 contra a seleção da Coreia do Sul.

O arqueiro substituiu o titular da meta brasileira, Alysson do Liverpool no segundo tempo da partida que já estava com a classificação encaminhada. Na hora da entrada de Weverton, a torcida presente no Via Verde Shopping foi à loucura e aplaudiu a estreia do goleiro acreano.

Veja o vídeo:

play-rounded-fill
Continuar lendo

Acre

Funcionários voltam a reclamar de trabalho em horário do jogo

Publicado

em

Nem tudo é alegria na goleada brasileira em cima da seleção sul coreana no estádio 974, em Doha, no Catar, pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2022 nesta segunda-feira, 5. Alguns funcionários se mostraram insatisfeitos com a não liberação das empresas na hora da partida.

Em contato com a reportagem do ac24horas, um dos funcionários – que não revelou a identidade por medo de represálias – contou que estava combinado que na hora do duelo, os servidores seriam liberados para assistir, contudo, tiveram que trabalhar normalmente. “A praça de alimentação entendemos que funcione normalmente, mas, as lojas deveriam fechar porque na hora do jogo não entra ninguém”, reclamou.

Outro funcionário lembrou que na última sexta-feira, 2, os trabalhadores puderam assistir a partida. “Hoje, infelizmente, não ocorreu igual”, declarou.

Continuar lendo

Acre

Goleada do Brasil anima torcedores acreanos na Concha

Publicado

em

O primeiro tempo da partida do Brasil contra a Coreia do Sul no campeonato mundial de futebol, nesta segunda-feira, 5, alegrou os torcedores acreanos que assistiram o jogo na Concha Acústica.

Mesmo com fortes chuvas, um grupo se reuniu no espaço e prestigiou a goleada da seleção brasileira. O evento tem na programação pós-jogo, shows de artistas locais e DJs, e o sorteio de uma blusa oficial.

Veja as fotos de Sérgio Vale:

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.