Conecte-se agora

Se eleito, Marcus Alexandre promete tarifa de ônibus à R$ 1,00 para estudantes

Publicado

em

Luciano Tavares, da redação de ac24horas
[email protected]

O candidato a prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT), foi o sabatinado de Alan Rick e dos internautas, no programa Gazeta Entrevista, desta terça-feira, na série de entrevistas com os prefeituráveis da capital.

O petista começou afirmando que em seu governo, caso seja eleito prefeito de Rio Branco, três áreas terão uma atenção especial: educação, mobilidade urbana e questão fundiária.

Na educação, o candidato quer construir 20 creches e ampliar o ensino integral nas escolas. “Esse trabalho com as creches será em parceria com a comunidade, com as igrejas, que lidam com a essa questão social”, explica o candidato.

Para melhorar a mobilidade do transporte coletivo de Rio Branco, Marcus Alexandre pretende construir mais cinco terminais de ônibus: na nova rodoviária, na Ceasa, no São Francisco, no Adalberto Sena e na Ufac.

Ao falar ainda sobre o assunto transporte, o petista anunciou que vai abaixar o valor da passagem de ônibus para os estudantes para R$ 1,00. Atualmente eles pagam R$ 1,20, que é a metade do preço da tarifa cobrada pelas empresas.

De acordo com Marcus Alexandre a redução será possível porque “a prefeitura de Rio Branco irá subsidiar o desconto a partir da renúncia de tributos municipais como o Imposto Sobre Serviços (ISS), que atualmente incidem sobre o valor global da passagem. A redução vai beneficiar 50 mil estudantes”, lembra ele.

Para a melhoria viária da cidade, o candidato propõe a duplicação de ruas e avenidas como a Jarbas Passarinho, as estradas da Floresta e da Sobral e a conclusão do sistema binário da Isaura Parente com a Avenida Nações Unidas.

Marcus Alexandre prometeu executar um programa de regularização fundiária em parceria com o Incra e o Iteracre. “70% da cidade vive esse problema, vamos fazer o que for possível”, diz.

O candidato disse ainda que se for eleito vai desativar o Calçadão da Benjamin Constant e reabri-lo como rua.  A ideia é realocar os comerciantes que hoje ocupam o local, no shopping popular, outro projeto do petista, caso se torne prefeito.

Sobre o setor do saneamento, Marcus Alexandre afirmou que vai trabalhar em parceria com o estado através do PAC Saneamento. Ao ser perguntado se não se incomoda com a reversão do Saerb, o petista disse que é a favor de que o estado assuma o controle do setor ao justificar que o estado dispõe de um volume de recursos maior para a área do saneamento.

A candidata Antônia Lúcia (PSC) é a entrevistada desta quarta-feira. O Gazeta  Entrevista vai ao ar pela TV Gazeta, Rede Record, às 21H30.

 

 

Acre

Jenilson recebe apoio de cooperativistas e profissionais da saúde

Publicado

em

O candidato a senador Dr. Jenilson Leite (PSB) se reuniu com médicos cooperativistas e outros profissionais da saúde no Acre para apresentar suas propostas na noite desta segunda-feira (26).

O evento reuniu diversos profissionais que declararam apoio à sua candidatura, destacando os esforços de Dr. Jenilson enquanto deputado estadual, na defesa da qualidade da saúde no Acre e também lembraram sua dedicação como médico, especialmente no combate à pandemia.

“O Jenilson é o parlamentar mais atuante da nossa Assembleia, hoje está em Rio Branco e amanhã no Jordão, é uma pessoa que não para e além disso, teve a atuação dele na pandemia, quando se dispôs a atuar no Pronto Socorro no momento mais crítico da pandemia, quando nós não tínhamos mais plantonistas e ele se licenciou do parlamento para ir salvar vidas e salvou muitas. Ele é uma pessoa que admiro, independente de bandeira política, está sempre pronto a ajudar o próximo, inclusive já até me fez atender um adversário dele”, disse o Dr. Marcos Vinicius.

“Durante a pandemia ele soube tirar o paletó e colocar o jaleco para ajudar as pessoas que estavam em situação de desespero e afetadas emocionalmente”, completou o presidente do Sindicato dos Médicos do Acre, Guilherme Pulicci.

O cooperativista da área rural, Valdomiro Rocha, também participou do evento e destacou o apoio dado por Dr. Jenilson para a área.

“O Jenilson é um companheiro de longas datas na Assembleia Legislativa, um porta voz na Assembleia que sempre impediu a aprovação de leis que prejudiquem o cooperativismo e responsável por projetos aprovados que nos beneficiam e por isso o apoio e peço que os cooperativistas também votem para que ele possa nos representar no Congresso”.

O candidato agradeceu o apoio recebido e disse que continuará se esforçando para representar os interesses da população acreana no Senado.

“A minha vida como deputado aqui no Acre tem sido uma vida de doação, estou deputado pelo meu segundo mandato sendo o mais produtivo do parlamento nos últimos quatro anos, me dediquei a votar e apresentar propostas que trouxessem melhorias para o povo, sempre votei a favor do servidor da saúde, independente de qual Governo fosse, além disso, tenho essa outra missão que a vida me deu que é a medicina, e tenho buscado exercer essa que é minha profissão, da melhor forma possível, na pandemia, por exemplo, eu poderia ter ficado na Assembleia apenas apontando o que o Governo deveria fazer, mas fui para dentro dos hospitais ajudar meus colegas médicos que estavam sobrecarregados e salvar vidas. No Senado terei a mesma dedicação para ajudar nosso estado e nossa gente”, garantiu Dr. Jenilson Leite.

Continuar lendo

Acre

Sanderson é o apoiado por Marina Silva na disputa pelo senado

Publicado

em

Seguindo a mesma linha que optou para escolha ao governo do Acre, a ex-senadora Marina Silva (REDE) declarou nesta segunda-feira, 26, apoio a Sanderson Moura (PSOL) para ocupar a vaga de senador no estado. Marina justifica dizendo que o candidato tem compromisso com as pautas sociais e ambientais.

Sanderson esteve em Xapuri recentemente onde se reuniu com seringueiros, extrativistas, produtores rurais e firmou apoio ao desenvolvimento econômico com responsabilidade social, cultural e ambiental. “No Congresso Nacional podemos evitar os projetos que querem destruir a legislação ambiental e ao mesmo tempo propor boas ideias para melhorar o Acre e o Brasil”, disse a ex-senadora.

“O importante apoio recebido de Marina põe em evidência a liderança de Sanderson, que mesmo com poucas estruturas tem se destacado no meio jornalístico e popular como um candidato propositivo e esclarecido, a altura para representar os interesses do povo acreano no Senado Federal”, publicou o candidato em suas redes sociais.

Continuar lendo

Acre

Hoje é último dia para registro de pesquisas eleitorais

Publicado

em

Termina nesta segunda-feira, 26,o prazo para o registro das pesquisas de opinião pública a serem divulgadas no dia da eleição, marcada para o próximo domingo, 2 de outubro.

De acordo com a legislação eleitoral, as pesquisas sobre a preferência do eleitorado por candidatas e candidatos poderão ser divulgadas a qualquer momento, inclusive no dia das eleições, desde que sejam registradas com cinco dias de antecedência.

As entidades e empresas responsáveis devem protocolar os levantamentos por meio do Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais (PesqEle) do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Dados necessários

O registro deve ser acompanhado das seguintes informações, previstas no artigo 33 da Lei das Eleições (Lei nº 9.504/1997):

– quem contratou a pesquisa;
– valor e origem dos recursos;
– metodologia e período de realização;
– plano amostral e ponderação quanto a sexo, idade, grau de instrução, nível econômico e área física de realização do trabalho a ser executado, intervalo de confiança e margem de erro, entre outras.

Importante lembrar que a Justiça Eleitoral não realiza qualquer controle prévio sobre resultado de pesquisa, nem gerencia ou cuida da divulgação.

Os levantamentos apresentados pelas empresas tampouco são fiscalizados de ofício pela Justiça Eleitoral. Na prática, essa função é exercida pelo Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral), pelas candidatas ou candidatos, pelos partidos políticos, pelas coligações e pelas federações, que são as partes legitimadas a impugnar o registro ou a divulgação de pesquisas eleitorais.

Pelo menos seis pesquisas foram registradas ate a tarde desta segunda e devem ser divulgadas até sexta-feira. A legislação eleitoral permite a divulgação até o dia da eleição.

Continuar lendo

Acre

Acre inicia Operação para combater crimes eleitorais

Publicado

em

Começa nesta segunda-feira, 26, em todo o país a Operação Eleições 2022, que visa garantir segurança e proteção aos cidadãos, eleitores e servidores da Justiça Eleitoral. A ação é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública e ocorre de forma conjunta por representantes do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), das polícias Civis e Militares, da Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), do Corpo de Bombeiro Militares, Ministério da Defesa, da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e secretaria de segurança.

No próximo domingo, dia 2 de outubro, as forças de segurança pública atuarão em cartórios eleitorais, locais de votação e de apuração dos votos, vias públicas e estações de transporte.

O objetivo é coibir possíveis crimes eleitorais (boca de urna, transporte ilegal de eleitores, compras de votos, entre outros), garantir manifestações pacíficas, evitar bloqueio de vias, rixas, ameaças e atentados, monitorar temporais e/ou alagamentos e quedas de energias em locais de votação e de apuração dos votos.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Este conteúdo é protegido.