Conecte-se agora

Apresentador da TV Gazeta defende Sebastião Viana e entrevistado pede isenção

Publicado

em

O jornalista apresentador do programa Gazeta Entrevista, da TV Gazeta – filiada da Rede Record no Acre, Alan Rick, passou por um momento de constrangimento durante a apresentação de seu programa na noite desta sexta-feira (6).

Em defesa do governador Sebastião Viana (PT-AC), Rick tentou justificar a ausência no cumprimento do resultado de consulta pública realizada em 2010, na qual a maioria dos acrianos optou pelo retorno da hora antiga do Acre, ao argumentar que a população já estaria acostumada com o horário atual.

O entrevistado, senador Sérgio Petecão (PSD-AC) rebateu imediatamente a postura do jornalista. “Você está igual a (Sebas)Tião Viana”, disse o parlamentar que reclamou de uma espécie de “ditadura” favorável ao governo petista na mídia do Acre.

O jornalista da TV Gazeta não apresentou nenhum dado científico que sustentasse seu argumento, nem tão pouco se desculpou com o telespectador do seu programa. Contudo, a informação confiável e disponível sobre o assunto é justamente contrária ao contexto apresentado por Alan Rick – o resultado oferecido pelas urnas no referendo, ou seja, a maioria rejeitou o horário idealizado pelo projeto de autoria do petista Sebastião Viana.

Acostumados ou não com o horário, o dado concreto é que o acriano tem há quase dois anos obstruído o direito declarado pelo parágrafo único do primeiro artigo da Constituição Federal (1988) que prevê: “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente”.

A questão mais importante da polêmica discussão do fuso horário repousa justamente sob o termo “diretamente”, que na prática foi ignorado duas vezes. A primeira quando o acriano não foi consultado sobre a mudança, a segunda pelo não cumprimento de sua vontade que foi externada, …diretamente.

Direito de resposta – Alan Rick

É preciso repor a verdade. Em nenhum momento da entrevista com o senador SÉRGIO PETECÃO defendi o governador Tião Viana. Esse papel não me cabe. Peço que as pessoas revejam a entrevista no site agazeta.net e formem sua opinião não pelo que o ac24roras publicou nesta “resenha”, mas se atendo à realidade dos fatos. Interpelei a fala do senador quando ele discursava sobre sua luta pela volta do antigo horário com um questionamento: “as pessoas já não ESTARIAM (no condicional) acostumadas ao novo horário”? Daí a dizer que houve defesa do Governo é uma distância tão grande quanto do Brasil à China.

Também pergunto: por que o ac24horas não fez uma resenha da entrevista que fiz com senador ANÍBAL DINIZ? Quero lembrar ao telespectador que quando Aníbal propôs um novo plebiscito sobre o fuso horário fizemos questionamentos incisivos sobre a necessidade de uma nova consulta uma vez que o povo já fez sua escolha no referendo de 2010. Colocamos, inclusive, as perguntas dos cidadãos pelas redes sociais com duras críticas ao senador petista.

O bom jornalismo se faz com o contraponto. Se Aníbal defende o novo horário, apresentamos os argumentos contrários. Se Petecão defende o antigo, também argumentamos. Observem o contexto geral e não uma entrevista solitária. Nosso dever é levantar o debate e fazer com que os políticos usem seus argumentos para defender suas teses. Aos cidadãos cabe fazer sua análise sem a necessidade que um veículo lhes induza ao erro.

Alan Rick, Jornalista

Edmilson Alves, de Rio Branco (AC)
edmilsonacre@yahoo.com.br

Anúncios

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas