Conecte-se agora

Comitiva Peruana vem a Cruzeiro do Sul apresentar proposta de um novo traçado para construção de Rodovia ligando Brasil-Peru

Publicado

em

Acompanhado da Deputada Estadual Antonia Sales e de empresários cruzeirenses o Prefeito em Exercício Mazinho Santiago recepcionou uma comitiva peruana que veio novamente a Cruzeiro do Sul apresentar as alternativas para o estabelecimento de uma ligação rodoviária entre Brasil e Peru, via Cruzeiro do Sul e a cidade de Pucalppa.

A reunião de trabalho aconteceu na sede do Poder Executivo. Santiago avaliou o encontro como bastante positivo principalmente pelo fato de que esse é um assunto que há muito tempo tem sido debatido: a construção de uma estrada ligando Cruzeiro do Sul (AC) a Pucalppa (Peru), uma velha aspiração da comunidade do Juruá e uma necessidade regional estratégica, já que Pucalppa está ligada pela carreteira á capital peruana, Lima. Segundo Mazinho essa é a terceira vez que membros do Governo peruano apresentam a proposta de um traçado para a construção da estrada. “Os representantes do governo peruano já estiveram aqui duas vezes na busca de achar o traçado ideal para a construção da rodovia. Dessa vez, que já é a terceira, eles trouxeram um novo traçado que contempla aspectos como a questão ambiental e o respeito as reservas indígenas e extrativistas do lado peruano. Precisamos agora fazer o nosso estudo pra ver se existem essas mesmas condições, por essa nova proposta de traçado, do lado brasileiro, pra estabelecermos a carreteira (rodovia) da integração entre Brasil e Peru”, destacou.

Para o Presidente da Associação Comercial de Cruzeiro do Sul, Marcus Vinicius, apesar de no Brasil se falar da construção de uma ferrovia, o que se pode perceber é que, do lado peruano, o que se apresenta como viabilidade é a carreteira: “Aqui se fala de uma ferrovia, mas o que vimos nessa conversa com a comitiva peruana é que eles preferem uma estrada. Financeiramente falando pelo que a gente percebe, o custo-benefício de uma ferrovia é bem maior. Mas independente de ser uma ferrovia ou uma rodovia, ela será de bom grado para o povo do Juruá e para a região do Ucayali que tem uma população de cerca de 700 mil habitantes.”, afirmou.

Um dos representantes do Ministério dos Transportes Peruano, Engenheiro Alberto Ivan Semino Valle, da Unidade Gerencial de Estudos Provias Nacional, disse desconhecer estudos sobre construção de ferrovia. Segundo ele lá se fala da carreteira: “Sobre construção de ferrovia não temos ainda nada claro. Até agora só temos o estudo avançado da carreteira que vai de Pucalppa até a fronteira brasileira, no Acre. Nossa visita aqui é para vermos qual é a possibilidade de estabelecermos essa conexão com o Brasil. Para nós peruanos é uma visão de integração binacional do ponto de vista econômico, político, social, cultural e turístico. Por isso estamos aqui representando nosso Alcaide (prefeito), apoiando esse projeto e chamando nossos irmãos de Cruzeiro do Sul para que também apóiem essa iniciativa que irá beneficiar os dois países”, disse ele.

 

Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas