Menu

Desembargador Praça aprecia liminar em Habeas Corpus dos vereadores presos em Cruzeiro

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Ray Melo,
da redação de ac24horas
raymelo.ac@gmail.com


O desembargador Francisco Praça, do Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC) aprecia nesta quarta-feira, 18, liminar em habeas corpus ajuizado pela defesa dos vereadores Gilvan (Nicolau), do PMDB e Francisco Ribeiro (PSD), presos em flagrante pela Polícia Federal, por receber devolução de salários de assessores parlamentares na cidade de Cruzeiro do Sul.


A decisão poderá revogar a prisão preventiva decreta pelo juiz José Wagner Freitas Pedrosa Alcântara respondendo pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Cruzeiro do Sul. A defesa alega que a prisão estaria acarretando mal maior. Se a liminar for indeferida, os vereadores poderão permanecer presos pelos próximos 30 dias.

Publicidade

O julgamento do Habeas Corpus deverá acontecer após o pronunciamento do Ministério Público Estadual (MPE). A data de julgamento ainda não está foi definida pelo TJ Acre.


O desembargador Francisco Praça é considerado moderado.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido