Menu

“Maníaco da Baixada” aterroriza mulheres no João Eduardo, em Rio Branco

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

Um homem de pele morena, aparentando ter entre 29 e 30 anos, com uma camisa branca amarrada no rosto, está atormentando mulheres no bairro João Eduardo.


Em menos de quinze dias o tarado que está sendo chamado de o “Maníaco da Baixada”, atacou seis residências, conta uma pastora de uma igreja da região, que não quer ter seu nome revelado.


A última vítima do maníaco foi uma jovem de 20 anos, moradora na Rua Campo Grande, no bairro João Eduardo, membro da igreja que é liderada pela pastora que denuncia o caso. No sábado (29), durante a noite, o homem entrou na casa da mulher, lhe agarrou e tentou estuprá-la. O homem ainda chegou a abusar da jovem e só não consumou o ato sexual, porque ela conseguiu fugir. O caso foi denunciado na 3ª Unidade de Segurança Pública.

Publicidade

“Outras mulheres já foram atacadas e até estupradas por esse maníaco. Só que elas não denunciaram o caso na delegacia. O pior é que o estuprador é ousado, ele entra na casa das pessoas, pode estar marido, pai, mãe, ele entra”, diz a pastora, que cobra mais policiamento na região.


Luciano Tavares,
da redação de ac24horas
lucianotavares.acre@gmail.com


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido