Conecte-se agora

Realezas do carnaval de Rio Branco ainda não receberam premiação

Publicado

em

Jairo Barbosa – [email protected]

O carnaval terminou há quase um mês e até agora, o trio da realiza, Rei Momo e as Rainhas do carnaval ainda não viram a cor do dinheiro da premiação. No total são mais de R$ 16 mil reais para serem distribuídos entre os vencedores, já que serão premiados também os candidatos que ficaram até o quinto lugar.

A Assessoria da Fundação Garibaldi Brasil, setor da prefeitura de Rio Branco responsável pela organização e pagamento dos candidatos informou que o atraso ocorreu por causa da alagação, período em que a sede do órgão ficou totalmente debaixo d’água. Ainda segundo a assessoria, o pagamento estará disponível na próxima quinta feira.

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Cotidiano

Ufac abre 230 vagas para pós-graduação no ensino de matemática na modalidade EAD

Publicado

em

A Universidade Federal do Acre (Ufac), por meio da Pró-Reitoria de Pós-Graduação (Propreg), divulgou nesta segunda-feira, 02, abertura de processo seletivo para ingresso no curso de pós-graduação no ensino de matemática na modalidade de Educação à Distância (EAD).

São oferecidas 230 vagas em sete polos da instituição no Acre. A pós-graduação será desenvolvida em 420 horas, e 22 créditos, com duração mínima de 12 e máxima de 15 meses, inclusos o cumprimento dos créditos e o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Podem concorrer às vagas graduados em Matemática, Física, Química, Engenharias e Pedagogia, com certificação reconhecida pelo MEC que, cumulativamente, estejam atuando como professor da Educação Básica, até o momento da matrícula.

As inscrições estão abertas até o dia 29 de agosto de 2021, observado o horário oficial do Acre. A inscrição no processo seletivo será realizada exclusivamente via internet (online), por meio da plataforma Moodle/Ufac, disponível no endereço eletrônico https://bit.ly/ufacmat.

O candidato concorrerá às vagas específicas destinadas ao município para o qual originariamente tenha se inscrito, em regime de ampla concorrência com os inscritos para as referidas vagas, e deverá participar de possíveis atividades presenciais do curso realizadas neste município, dependendo das condições sanitárias estabelecidas devido aos riscos de contaminação do coronavírus

Para mais informações, clique aqui.  

Continuar lendo

Destaque 6

Urnas ganham mais um padrão de segurança para as eleições

Publicado

em

Nas Eleições 2022, os eleitores contarão com novas urnas eletrônicas protegidas pela tecnologia de hardware com os mesmos requisitos da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil).

São mais de 200 mil urnas do modelo UE 2020 que já sairão da fábrica protegidas por esse novo equipamento certificado. As novas urnas vão renovar parte do parque tecnológico da Justiça Eleitoral, que atualmente é de 470 mil unidades em todo o país.

Urnas fabricadas em 2006, 2008 e parte das 2009, cuja vida útil está esgotada, serão substituídas pelos novos modelos. Continuamente atualizada e modernizada, a cadeia de segurança da urna eletrônica – sistema que garante que as urnas executem somente softwares desenvolvidos e assinados digitalmente pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) – foi introduzida em 2009, utilizando uma infraestrutura de certificados própria da Justiça Eleitoral.

Agora essa estrutura será reforçada por uma certificação que avalia a aderência do perímetro criptográfico da urna eletrônica em relação aos requisitos mínimos definidos pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), que é responsável por manter a Autoridade Certificadora Raiz da ICP-Brasil.

O perímetro criptográfico das novas urnas, que será certificado ICP-Brasil, contará com um dos mais avançados algoritmos de curvas elípticas já implementado, o E-521. O TSE pretende ainda futuramente adequar sua Autoridade Certificadora das Urnas Eletrônicas também aos padrões ICP-Brasil, para ser subordinada à cadeia v7 (E-521).

Continuar lendo

Cotidiano

Veja como os pais podem ajudar na saúde física e mental dos filhos na volta às aulas

Segundo semestre presencial requer cuidados com normas sanitárias e apoio psicológico

Publicado

em

As escolas públicas vão retomar o ensino presencial em parte no estado do Acre. A Secretaria de Educação do Acre (SEE) anunciou como vai ser feita a volta às aulas para os estudantes do estado. Elas se darão de forma presencial e também online para o segundo semestre de 2021.

A educação no Acre adotará o formato híbrido, em que parte dos estudos é feita de forma presencial e outra, de maneira remota. A retomada será feita de forma gradual, iniciando pelas chamadas “séries de transição”, como por exemplo, o 1º ano, o 5º ano e o 9º ano do ensino fundamental e o 3º ano do ensino médio. A dinâmica vai depender da bandeira classificatória do risco da pandemia em cada local, sendo possíveis as bandeiras laranja, amarela e verde. Assim, as regras vão sendo ditadas de acordo com os riscos.

O programa Escola em Casa, feito pelo estado do Acre, leva a escola para casa. Para as aulas não presenciais, segue o modelo com material impresso e videoaulas com transmissão pela TV e pela Amazon Sat, além da plataforma Educ Acre. Os alunos têm de ir se adaptando às novas formas de ensino e, no momento, à incorporação do modelo híbrido.

Como preparar os alunos para o novo momento

A pandemia influenciou a rotina de todos os brasileiros, impactando os mais variados setores. Pais e filhos tiveram de aprender a trabalhar e estudar de casa, compartilhando ambientes e adaptando o dia a dia. O novo momento de volta às aulas presenciais gera, naturalmente, expectativa e dúvidas para os alunos, fazendo com que muitas crianças fiquem ansiosas com o retorno.

É importante que os pais conscientizem os filhos sobre o distanciamento social e para seguir as normas que a escola estabelece, garantindo a segurança de todos. A pandemia não está ainda controlada, e é preciso ter cautela no contato com os colegas. As crianças precisam ser instruídas a usar máscaras corretamente, sempre priorizando aquelas com boa vedação e a evitarem o contato direto, como abraços, com os coleguinhas. Também é importante informar que não devem compartilhar alimentos e bebidas durante o intervalo.

Lavar as mãos com água e sabão e usar álcool gel continua valendo como medida de proteção, juntamente com a priorização de ambientes amplos e com boa circulação de ar.

O cenário é desafiador para crianças e adolescentes, que não estão acostumados com todas essas regras no ambiente escolar. O ideal é que os alunos já se acostumem com as normas antes do retorno às aulas, por meio de instruções prévias e conversas francas com a família sobre o momento da pandemia. É preciso que todos estejam atentos para que a volta flua bem. Para os alunos mais novos, é essencial que os pais expliquem como vai acontecer a nova forma de educar e acolhê-los em caso de ansiedade.

Para os estudantes mais velhos, a situação também é complexa, especialmente por conta da pressão das provas e vestibulares, que vão ocorrer no final do ano. Nesse caso, é importante que os pais incentivem seus filhos estudarem para os vestibulares para faculdade de fisioterapia, medicina, administração ou qualquer carreira desejada, porém sempre levando em consideração o estado físico e mental do estudante. Caso a situação esteja muito pesada, vale buscar a ajuda de um profissional, como psicólogo e terapeuta, para que a família descubra em conjunto novas maneiras de tornar o dia a dia mais tranquilo.

Seguir as normas de segurança com atenção e manter um bom nível de conversa com os alunos e professores são alguns dos passos mais importantes para garantir que a volta às aulas presenciais aconteça de maneira tranquila para todos.

Continuar lendo

Cotidiano

Cidadão poderá saber quais os médicos estão disponíveis no site da prefeitura

Publicado

em

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, sancionou nesta segunda-feira, 2, um Projeto de Lei (PL) que dispõe sobre a divulgação da listagem de medicamentos disponíveis e em falta na rede Municipal de Saúde de forma online. A Lei entra em vigor 180 dias após a data de sua publicação.

Segundo a sanção, o Poder Executivo fará a divulgação da listagem de todos os medicamentos disponíveis e os que estão em falta, destinados gratuitamente, aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). A divulgação deverá ser feita de forma online, através do site oficial da prefeitura de Rio Branco.

O site deverá seguir a seguinte organização:

I – disponibilizar barra de pesquisa que contenha todas as unidades de saúde municipais, bem como seus medicamentos disponíveis para distribuição;

II – a listagem deverá ser organizada de forma alfabética.

No caso da falta de algum medicamento, o Poder Executivo colocará essa informação no seu site e nos locais de distribuição, bem como colocará informação sobre a previsão de chegada do produto.

Foram sancionados também os Projetos de Lei (PLs) que institui o Programa Melhor Idade Ativa, que trata da assistência municipal aos idosos de Rio Branco, prioridade dos renais crônicos com a vacinação contra a covid-19. As sanções foram publicadas no Diário Oficial do Estado (DOE).

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas