Conecte-se agora

Semana será dedicada à Saúde em Plácido de Castro

Publicado

em

Jairo Carioca,
da redação de ac24horas
[email protected]

A Prefeitura Municipal de Plácido de Castro  promove a Semana de Saúde na Escola. O evento faz parte do calendário nacional do Programa Saúde na Escola. O tema deste ano é ‘Obesidade’. A ação tem como objetivo incentivar a prevenção através das equipes do Programa de Saúde na Família.

No período, as equipes de saúde da família responsáveis pela área da escola farão avaliação nutricional, aplicarão marcador de consumo alimentar e promoverão ações educativas nutricionais. Paralelo à temática de atenção ao índice de obesidade nas escolas, os apoiadores desenvolverão atividades educativas sobre saúde sexual e reprodutiva. Além assuntos relacionados às drogas e DST`s AIDS.

Elenira Costa, secretária de saúde do município de Plácido de Castro, enfatizou a importância das ações voltadas para os jovens. “Potencializando o foco na criança e no adolescente, identificamos vulnerabilidades estamos  aproximando  toda a família desses jovens para que atenção esteja mais voltados a eles, por isso realizaremos palestras com eles”, comentou.

O Programa Saúde na Escola (PSE), do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação, foi instituído em 2007 pelo Decreto Presidencial nº. 6.286. Em Plácido serão 10 escolas públicas atendidas por equipes de saúde da família.

Veja onde e quando a equipe vai visitar sua escola em Plácido de Castro:

05/03 :Casinha do Saber,Elias Mansour

06/03 :Franklin Roosevelt

07/03: José Francisco da Silva,Domingos Galdino

12/03 Sirlei Paiva de Lima

13/03:José Valmir de Lima,Carmélia Alves e Lígia Carvalho

 

 

 

Extra Total

Efeito cascata do STF vai fazer próximo governador do Acre ter salário de quase R$ 42 mil

Secretários de Estado terão salários de R$ 29 mil; vice governador deve receber R$ 37 mil

Publicado

em

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de aprovar um reajuste salarial de 18% para todos os servidores e magistrados da Justiça, incluindo os próprios salários, que servem de teto para toda a administração pública, terá efeito imediato no Acre e demais Estados a partir de janeiro de 2023. Isso porque todos os anos é aprovado na Assembleia Legislativa uma lei de autoria do Poder Executivo que fixa os salários de governador, vice-governador e dos secretários de Estado para o exercício financeiro do próximo ano.

Ocorre que a lei sempre segue a mesma redação, garantido ao desembargador do Tribunal de Justiça o recebimento salarial de 90,25% do salário de um Ministro do STF e garante ao governador recebimento de subsídio em 100%, de um desembargador. Além disso, os salários do vice-governador e secretários de Estado devem sofrer reajuste também.

Atualmente, os desembargadores e o governador do Acre, Gladson Cameli, recebem o salário fixo de R$ 35 mil. Com o efeito cascata de aumentos, o reajuste de ambos para 2023 deve chegar R$ 41.785,75. O salário do vice-governador que é de R$ 33.687 deve saltar para R$ 37,6 mil. Já os secretários de Estado que em 2022 tem vencimentos superiores a R$ 25 mil passarão a receber pouco mais de R$ 29 mil.

Os reajustes devem ser oficializados devido à Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) de 2023 ter sido aprovada em julho na Assembleia Legislativa com previsão de quase R$ 8,4 bilhões, valor que é 6,4% maior que o destinado ao orçamento atual, de cerca de 7,8 bilhões. O Orçamento do Poder Judiciário acreano contou com um reajuste nos percentuais, passando de 8% para 9,75% do bolo orçamentário. A expectativa é que juízes também seja beneficiados com o aumento.

Além do governador do Acre, Gladson Cameli, que concorre a reeleição, mais 6 nomes disputam a cadeira mais cobiçada do Estado: Jorge Viana (PT), Sérgio Petecão (PSD), Márcio Bittar (União Brasil), Mara Rocha (MDB), David Hall (Agir) e Nilson Euclides (PSOL).

Continuar lendo

Cotidiano

Com dois jogadores a menos, Palmeiras segura empate e se classifica nos pênaltis

Publicado

em

Foto: Reuters 

Após um novo empate sem gols, o Palmeiras bateu o Atlético-MG por 6 a 5 na disputa de pênaltis e se classificou para as semifinais da Copa Libertadores na noite desta quarta-feira (10) no Allianz Parque, em São Paulo.

O próximo adversário do Verdão sairá do confronto entre Athletico-PR e Estudiantes (Argentina), que voltam a se enfrentar nesta quinta-feira (11) em La Plata, após empate sem gols no confronto de ida na Arena da Baixada, em Curitiba.

Apesar de o confronto começar com um certo equilíbrio, o Palmeiras não demorou a assumir o comando das ações, tendo como melhor oportunidade uma bola cruzada na área por Dudu aos 7 minutos. O passe tinha como alvo Gustavo Scarpa, mas Arana foi mais esperto e conseguiu o corte.

O panorama começou a mudar aos 27 minutos, quando o volante Danilo foi expulso pelo juiz, com auxílio do VAR (árbitro de vídeo), após cometer falta dura em Zaracho. Com isso, o Verdão passou a ter uma postura mais conservadora, saindo menos para o ataque. Já o Galo apresentava muitas dificuldades de criar, tendo como melhor oportunidade da etapa uma finalização de primeira de Hulk após cruzamento de Mariano.

Com desvantagem numérica, Abel Ferreira postou sua equipe de forma ainda mais fechada no segundo tempo. Sem espaços para jogar, o Galo encontrou muitas dificuldades de criar oportunidades. Já o Verdão compensou a ausência de um jogador com a maior capacidade técnica, para tentar fazer alguma coisa, como a finalização de Zé Rafael aos 10 minutos.

Cinco minutos depois o Atlético-MG teve sua oportunidade mais cristalina, quando Mariano levantou a bola na área, onde Jair chegou finalizando com muito perigo de peixinho. Aos 21 foi Allan quem chegou bem, em chute de fora da área que parou em defesa de Weverton.

A situação do Palmeiras se complicou ainda mais aos 36 minutos, quando Scarpa entrou de sola em Allan e acabou recebendo o cartão vermelho direto. A partir daí o Galo passou a colecionar boas oportunidades de marcar, como um chute de Hulk que passou raspando aos 46 minutos, um cruzamento do camisa 7 um minuto depois que terminou batendo na trave e um chute de muito longe de Junior Alonso que foi defendido por Weverton.

A questão é que do outro lado do gramado estava um Palmeiras muito valente, que segurou o 0 a 0 até o final dos 90 minutos, antes dos quais o chileno Vargas acabou expulso após receber o segundo cartão amarelo na partida.

Decisão nos pênaltis

Na decisão por pênaltis, Hulk abriu as cobranças batendo muito bem. Raphael Veiga não falhou para empatar. Nacho bateu no meio rasteiro para voltar a dar a vantagem ao Galo. O paraguaio Gustavo Gómez deslocou o goleiro para deixar em 2 a 2. O volante Jair acertou o ângulo em sua cobrança. E Zé Rafael bateu firme, no canto, e igualou novamente. Eduardo Sasha converteu a sua. O uruguaio Piquerez acertou uma bomba no ângulo, mas Junior Alonso chutou com categoria para fazer 5 a 4. Já Rony venceu a pressão e manteve a disputa aberta. Chegou então a vez de Rubens nas cobranças alternadas, e o volante bateu fraco, permitindo a defesa de Weverton. Restou então ao zagueiro Murilo a responsabilidade de decidir a disputa, e ele não falhou, garantindo uma classificação heroica do Verdão.

Após o confronto continental, o Palmeiras faz clássico com o Corinthians no sábado (13) pelo Brasileiro. Um dia depois o Atlético-MG visita o Coritiba no Couto Pereira.

Continuar lendo

Cotidiano

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar prêmio de R$ 27 milhões

Publicado

em

O concurso 2.509 da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (10) no Espaço Loterias da Caixa em São Paulo, não teve acertadores das seis dezenas. Os números sorteados foram: 08 – 37 – 39 – 50 – 59 – 60.

O próximo concurso (2.510), no sábado (13), deve pagar um prêmio de R$ 27 milhões.

A quina teve 47 ganhadores e cada um vai receber R$ 48.983,97. Os 2.560 acertadores da quadra receberão o prêmio individual de R$ 1.284,73.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal.

A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

O sorteio é realizado às 20h, no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo.

Continuar lendo

Cotidiano

São Paulo bate Ceará nos pênaltis para avançar à semifinal da Copa Sul-Americana

Publicado

em

O São Paulo derrotou o Ceará por 4 a 3 na disputa de pênaltis, na noite desta quarta-feira (10) no Castelão, para se classificar para as semifinais da Copa Sul-Americana. Nos 90 minutos o Vozão triunfou por 2 a 1, o que obrigou que a vaga fosse definida nas penalidades, pois o Tricolor venceu na ida por 1 a 0.

Agora a equipe comandada pelo técnico Rogério Ceni terá o Atlético-GO como adversário na próxima fase da competição.

A equipe comandada pelo técnico Marquinhos Santos começou pressionando, criando oportunidades com Mendoza. Mas, com o decorrer da partida, o São Paulo foi equilibrando as ações, e chegou a finalizar com Galoppo, Miranda e Calleri.

Porém, o Ceará melhorou muito nos minutos finais e abriu o placar já aos 43 minutos, quando Richardson cruzou para Mendoza, que ganhou no alto para cabecear para o fundo do gol defendido por Felipe Alves.

A equipe de Rogério Ceni não se entregou e conseguiu igualar o marcador no segundo tempo, com o lateral Igor Vinícius aos 8 minutos após boa trama coletiva. Porém, a alegria são-paulina durou pouco, pois aos 17 o volante Guilherme Castilho bateu de primeira para botar o Vozão em vantagem novamente.

Como o placar permaneceu sem mais alterações até o final dos 90 minutos, a vaga teve que ser definida nas penalidades máximas, nas quais o São Paulo mostrou mais eficiência para triunfar por 4 a 3.

Após a partida decisiva pela Sul-Americana, as equipes se concentram no Brasileiro, onde o São Paulo mede forças com o Bragantino no domingo (14) e o Ceará disputa clássico com o Fortaleza no mesmo dia.

Continuar lendo

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas

error: Conteúdo protegido!