Conecte-se agora

Marcus Alexandre veste uniforme de futebol e faz campanha fora de época

Publicado

em

Ray Melo  
Edmilson Alves
Salomão Matos,
da redação de ac24horas

Com toda pinta de menino ruim de bola, o virtual pré-candidato a prefeitura de Rio Branco, Marcus Alexandre [PT], está definitivamente em campanha eleitoral. O diretor do Departamento de Estradas e Rodagens do Acre (Deracre) é o cara: convoca a imprensa para prestar contas de pavimentação de ruas da capital; tem disponibilizado o número de seu celular através da internet para contato direto com a população; passa a aparecer em programas televisivos com uma frequência fora do habitual.

Pensa que para por ai?

Não!

Ele é apresentado diariamente pela imprensa local, como solucionador de problemas cotidianos da população da capital do Estado;

“Para alavancar Alexandre, governo turbina Deracre em 2011”, diz manchete de A Gazeta.net.

Já o jornal A Tribuna divulga pesquisa de intenção eleitoral cujo o nome governista de maior representatividade junto à população, a deputada Perpétua Almeida (PCdoB), simplesmente não é citada.

Até mesmo nas redes sociais, circulam fotos das peripécias do “superprefeito” do município administrado pela Frente Popular. Em um dos eventos políticos, Marcus Alexandre aparece vestindo uniforme do São Paulo Futebol Clube, rodeado de crianças em um campo de futebol, como todo bom político alegre, sorridente e afagando os pimpolhos.

Fugindo de suas atribuições como presidente do Conselho Gestor do principal programa de Tião Viana (PT), o ex-escudeiro de Gilberto Siqueira, deixou de fazer apenas figuração com sua agenda em baixo do braço, para ser a figura central dos esforços do alto clero petista, para aparecer como as pessoas mais indicada a sucessão do prefeito Angelim (PT).

Todos os eventos que seriam em tese, obrigações de Raimundo Angelim, como gestor municipal, passaram a ser vinculados a agenda de Marcus Alexandre. Além de responder pela pasta com maior volume de recursos da administração petista, o diretor do Deracre é também um tipo de ouvidor dos problemas dos bairros de Rio Branco.

Todos os problemas e reclamações das comunidades da capital acriana em relação à melhoria nos bairros são encaminhados a Marcus Alexandre, que em companhia de um grupo de assessores maior que o do próprio governador, visita os bairros e monta uma tenda para discursar e fazer promessas com vistas em uma futura administração petista na capital.

Livre dos processos no Tribunal de Contas do Acre (TCE/AC), com a suposta ajuda dos companheiros que fazem parte do conselho da instituição, Marcus Alexandre entrou de cabeça na proposta de ser o novo prefeito de Rio Branco, com a anuência dos irmãos Viana e de todos os supersecretários e dos principais gestores ligados ao PT.

Na reunião do governador Tião Viana com os vereadores da capital, para tratar da questão da reversão do Serviço de Água e Esgoto de Rio Branco, lá estava novamente Marcus Alexandre, que circulava com desenvoltura e bem à vontade no gabinete e salas do escritório de trabalho do Governo do Acre.

Os questionamentos sobre a tolerância da Justiça Eleitoral é comentada em todas as rodas de conversa que o debate seja política. E assim, entre uma entrevista e outra, a justiça eleitoral faz de conta que não ver.

Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Bombando

Anúncios

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas