Promotor cobra secretaria de segurança para que implante IML em Tarauacá

Receba notícias do Acre gratuitamente no WhatsApp do ac24horas.​

O Ministério Público do Estado do Acre (MP-AC) resolveu emitir uma recomendação para que a Secretaria de Estado e Segurança Pública (Sejusp), possa implantar um espaço onde possa funcionar o Instituto Médico Legal (IML), no município de Tarauacá. O despacho foi publicado na edição do Diário Eletrônico desta sexta-feira, 27.


Segundo o promotor Júlio César de Medeiros, o órgão de segurança do Estado tem um prazo de 20 (vinte) dias úteis para apresentar plano de trabalho para a implantação de um espaço específico onde funcione IML para realizar perícia criminal em Tarauacá/AC, que poderá se concretizar através de parceria com a Secretaria de Estado de Saúde.


O órgão controlador destacou que o encaminhamento rotineiro ao IML de Cruzeiro do Sul, tem causado prejuízos em virtude da demora e dos percalços no deslocamento terrestre, devidos à distância de 215 km. Ademais, conforme o último Censo 2022, constata-se que Tarauacá é a terceira maior cidade em termos populacionais no Estado do Acre.


A recomendação surgiu após o MP também solicitar, desta vez, da secretaria de saúde, que estruture na Maternidade Ethel Muriel Geddis no município de Tarauacá, um espaço reservado ou específico para o atendimento das vítimas e testemunhas de violência sexual.

Publicidade

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido