Fiéis preparam 500 metros de tapetes em celebração de Corpus Christi

O Dia de Corpus Christi, em que os cristãos comemoram o Mistério da Eucaristia – Sacramento do Corpo e Sangue de Jesus Cristo, representados de maneira figurada pelo pão e vinho –, é celebrado pela Igreja Católica nesta quinta-feira, 8, na Catedral Nossa Senhora de Nazaré, em Rio Branco.


O padre Emanuel Costa destacou que a tradição vem sendo mantida pelos católicos.”O Corpus Christi é uma palavra do latim que significa ‘Corpo de Cristo’ e vem para realçar o sacramento do Corpo e do Sangue de Cristo”, disse o padre.


Costa relatou que serão expostos mais de 500 metros de tapete. Os tapetes são feitos tradicionalmente com serragem e sal colorido. Mas os fiéis usam hoje pó de café, areia, cascas de ovos e até tampinhas plásticas. No Acre, vários são feitos de tecido.



Além disso, o padre da Catedral disse ainda que para evitar furtos, 8 casais devem fazer a guarda dos tapetes. “São 16 pessoas para evitar problemas”, declarou.


História

Os tapetes coloridos tiveram origem em Portugal e foram trazidos para o Brasil durante a colonização (entre os séculos XVI e XIX). Para a Igreja Católica, a prática remete à acolhida de Jesus em Jerusalém, “quando as pessoas cobriram as ruas de ramos e mantos para a passagem do Messias”.


INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* Campo requerido
plugins premium WordPress